99 resultados encontrados para . (0.009 segundos)

147456 VUNESP (2014) - PC-SP - Fotógrafo Criminalístico / Áudio e Vídeo

Leia a seguinte situação:

Ao fotógrafo cabe registrar a imagem de um corpo inerte,

deitado em uma cama, no interior de um quarto sem luz elé-

trica, iluminado apenas por um pouco de luz difusa de fim de

tarde que entra pela janela. Não há possibilidade de se usar

refletores, pois no ambiente não há corrente elétrica e, por

um problema técnico, o flash está inoperante. A primeira leitura

de exposição que o fotógrafo faz, enquadrando apenas o

corpo, é a seguinte: ISO 3200; 1/125 seg.; f/1.4. O profissional

deseja registrar a foto com o melhor resultado possível,

evitando ruídos, perda de definição e qualquer alteração no

ambiente.

Sabendo que o fotógrafo tem à sua disposição um tripé, qual

a melhor configuração para que ele alcance o resultado pretendido

e mantenha a mesma relação de exposição?

  • a)

    ISO 1600; 1/30 seg.; f/1.4.

  • b)

    ISO 400; 1/4 seg.; f/2.8.

  • c)

    ISO 800; 1/60 seg.; f/2.

  • d)

    ISO 3200; 1/4 seg.; f/1.4.

  • e)

    ISO 400; 1/125 seg.; f/2

147457 VUNESP (2014) - PC-SP - Fotógrafo Criminalístico / Áudio e Vídeo

Grande parte das câmeras fotográficas digitais oferece uma

representação gráfica, instrumento de avaliação, tanto antes

como depois da exposição e do registro da imagem.

A representação gráfica a que se refere o enunciado é

  • a)

    a curva característica.

  • b)

    o diagrama de representação cromática (CIE).

  • c)

    o histograma.

  • d)

    a curva logarítmica da exposição.

  • e)

    a curva sensitométrica.

147458 VUNESP (2014) - PC-SP - Fotógrafo Criminalístico / Áudio e Vídeo

Nas câmeras digitais, os raios de luz que atravessam a objetiva

formam a imagem quando atingem o sensor. Na grande

maioria dos equipamentos, o sensor é uma superfície plana

composta por uma matriz bidimensional de

  • a)

    cristais de haletos de prata distribuídos desordenadamente, que convertem a intensidade luminosa em corrente elétrica.

  • b)

    cristais de haletos de prata distribuídos uniformemente e sensíveis à luz, que transformam a intensidade luminosa em registro digital.

  • c)

    microcélulas fotoelétricas, distribuídas desordenadamente, que convertem a intensidade luminosa em registro digital.

  • d)

    microfotossensores, que convertem em cargas elétricas a intensidade luminosa de cada ponto da imagem.

  • e)

    microfotossensores, que convertem a intensidade luminosa em registro digital.

147459 VUNESP (2014) - PC-SP - Fotógrafo Criminalístico / Áudio e Vídeo

Diferentes fontes de luz geram diferentes temperaturas de

cor com diferentes preponderâncias cromáticas. Levando-

-se em conta o espectro eletromagnético para a luz visível,

pode-se observar, de maneira comparativa, a seguinte predominância

tonal para refletores com lâmpadas de tungstênio e

refletores com lâmpadas HMI, respectivamente:

  • a)

    tom acinzentado e tom esbranquiçado.

  • b)

    tom acinzentado e tom alaranjado.

  • c)

    tom alaranjado e tom azulado.

  • d)

    tom esbranquiçado e tom acinzentado.

  • e)

    tom azulado e tom alaranjado.

147460 VUNESP (2014) - PC-SP - Fotógrafo Criminalístico / Português

Mostrar/Esconder texto associado

É correto afirmar que o texto tem como assunto

  • a)
    os prejuízos que o calor excessivo no início do ano causou à produção de itens perecíveis.
  • b)
    o impacto do calor recorde do início do ano sobre a produção de algumas indústrias brasileiras.
  • c)
    o aumento do lucro que empresas exportadoras de água e ventiladores costumam ter no início do ano.
  • d)
    a adaptação da indústria brasileira ao aumento da demanda de produtos sazonais devido à Copa.
  • e)
    a criação de novos postos de trabalho em virtude do aumento da produção industrial no início do ano.

147461 VUNESP (2014) - PC-SP - Fotógrafo Criminalístico / Português

Assinale a alternativa em que a concordância está em conformidade com a norma-padrão da língua portuguesa.

  • a)
    Aqueles que tinha um esquema emergencial planejado puderam aproveitar as oportunidades de venda.
  • b)
    Obteve mais lucro, naturalmente, os empresários preparados para atender o aumento da demanda.
  • c)
    A previsão de vendas de água para o ano inteiro parecem ter sido elevadas de maneira surpreendente.
  • d)
    Houveram muitos fabricantes que não estavam preparados para um aumento repentino na demanda.
  • e)
    Algumas fábricas, priorizando a venda de seus produtos, foram obrigadas a operar no limite de sua capacidade.

147462 VUNESP (2014) - PC-SP - Fotógrafo Criminalístico / Português

Mostrar/Esconder texto associado

A ideia de esvaziar a alma relaciona-se ao ato de

  • a)
    expressar os sentimentos.
  • b)
    relatar fatos de modo jornalístico.
  • c)
    raciocinar com frieza.
  • d)
    narrar com impessoalidade.
  • e)
    comunicar-se usando linguagem formal.

147463 VUNESP (2014) - PC-SP - Fotógrafo Criminalístico / Áudio e Vídeo

A escala estabelecida pela International Standards

Organization (ISO), para sensibilidades de filmes e/ou sensores,

é uma fusão das escalas de dois sistemas anteriores – o

ASA (American Standards Association) e o DIN (Deutsche

Industrie Normen). Evidenciando-se a necessidade em se

elevar o valor da ISO na câmera, no momento da exposição,

pode-se concluir:

  • a)

    pretende-se evitar o registro de ruídos na imagem.

  • b)

    a objetiva é pouco luminosa e não se pretende elevar o tempo de exposição.

  • c)

    a objetiva é pouco luminosa e não se pretende diminuir o tempo de exposição.

  • d)

    há excesso de luz no ambiente para a exposição pretendida.

  • e)

    a objetiva é bastante luminosa, mas a ausência de filtros nos leva à elevação do valor da ISO.

147464 VUNESP (2014) - PC-SP - Fotógrafo Criminalístico / Áudio e Vídeo

A distância focal de uma objetiva considerada como “normal"

(também chamada de objetiva-padrão) é, aproximadamente,

igual

  • a)

    ao raio da imagem circular formada pela objetiva sobre a área do filme ou sensor.

  • b)

    à diagonal do formato da janela.

  • c)

    à distância entre o ponto nodal e o filme ou sensor.

  • d)

    à distância entre o ponto nodal e o último elemento óptico da objetiva.

  • e)

    à diagonal do formato da janela dividida por p.

147465 VUNESP (2014) - PC-SP - Fotógrafo Criminalístico / Criminologia

Os fatores que contribuem para a criminalidade de cunho

social são:

  • a)

    biológicos e mesológicos.

  • b)

    ambientais e locais.

  • c)

    oportunistas e costumeiros.

  • d)

    ocasionais e cotidianos.

  • e)

    relevantes e irrelevantes.