40 resultados encontrados para . (0.008 segundos)

72974 SEGPLAN-GO (2016) - SEAP-GO - Analista de Saúde / Português

Mostrar/Esconder texto associado

"Sabemos tudo o que sentimos, porque algo dentro de nós grita." O vocábulo destacado estabelece, com a oração anterior, uma relação de

  • a)
    conclusão.
  • b)
    oposição.
  • c)
    concessão.
  • d)
    explicação.
  • e)
    alternância.
icon
Questão anulada pela banca organizadora do concurso.

72975 SEGPLAN-GO (2016) - SEAP-GO - Analista de Saúde / Português

Leia o texto.

PRESÉPIO E PRESEPADA

Presepada é um brasileirismo informal que denuncia um ato ridículo e exibicionista, um sinônimo de palhaçada.

Presepeiro é o fanfarrão, aquele que faz presepadas. Isso todo mundo sabe. O curioso é que esses termos

derivam de “presépio", que goza de bom conceito na sociedade brasileira. Como uma coisa incorre na outra? O

etimologista Silveira Bueno nos fornece uma pista. Depois de afirmar que a tradição do presépio foi iniciada por

São Francisco de Assis, ele registra no verbete “presepista" (sinônimo menos comum de presepeiro) que a palavra

se aplica tanto a quem monta presépios quanto aos “farsantes que tomavam parte nos autos de Natal". A má

qualidade dos atores que participavam dos presépios vivos, portanto, pode ter criado as condições para o

surgimento do pejorativo “presepada".

PERINI, Kátia. Presépio e Presepada. Veja, 2 de

setembro de 2015, Leitor Blogosfera, p. 26

Analise os termos destacados dos fragmentos extraídos do texto e marque a alternativa INCORRETA quanto à

análise morfossintática.

  • a)
    Presepada é um brasileirismo informal que denuncia um ato ridículo e exibicionista, um sinônimo de palhaçada. (substantivo feminino, singular, que exerce no texto a função sintática de sujeito).
  • b)
    Presepeiro é o fanfarrão, aquele que faz presepadas. (artigo definido na função de adjunto adnominal).
  • c)
    Depois de afirmar que a tradição do presépio foi iniciada por São Francisco de Assis, (pronome adjetivo na função de adjunto adnominal).
  • d)
    ele registra no verbete “presepista” (sinônimo menos comum de presepeiro). (locução adverbial na função de adjunto adverbial).
  • e)
    A má qualidade dos atores que participavam dos presépios vivos, portanto, pode ter criado as condições para o surgimento do pejorativo “presepada”. (verbo exercendo a função de núcleo do predicado).
icon
Questão anulada pela banca organizadora do concurso.

73617 SEGPLAN-GO (2016) - SEAP-GO - Analista de Saúde / Direito Administrativo

São considerados princípios da administração pública: 1.Reconhecer que amou muito. 2.Reconhecer que amou e foi amado. 3.Reconhecer que não conhece o amor. 4.Reconhecer que amar é fundamental. 5.Reconhecer que o amor deixa muito a desejar. Coloque nos parênteses das frases abaixo, o número correto e correspondente dos princípios relacionados acima, para após assinalar a alternativa correta: ( ) é o dever de atuar de acordo com o que a lei determina. ( ) obrigação do serviço público a utilização dos meios que são postos à disposição para a realização das atividades. ( ) todos têm o mesmo valor como pessoas e merecem o mesmo tratamento. ( ) tornar transparente as ações realizadas pelos órgãos do serviço público. ( ) conjunto de regras jurídicas que validam os atos da administração.

  • a)
    2,3,4,5,1
  • b)
    2,5,4,3,1
  • c)
    2,5,1,4,3
  • d)
    2,4,3,1,5
  • e)
    2,3,5,1,4
icon
Questão anulada pela banca organizadora do concurso.

73618 SEGPLAN-GO (2016) - SEAP-GO - Analista de Saúde / Direitos Humanos

Os direitos humanos são direitos inerentes a todos os seres humanos, independentemente de raça, sexo,

nacionalidade, etnia, idioma, religião ou qualquer outra condição. De acordo com o que prescreve a Declaração

Universal dos Direitos Humanos leia e analise as assertivas abaixo:

I - Todo ser humano tem o direito de ser, em todos os lugares, reconhecido como pessoa perante a lei.

II - Todos são iguais perante a lei e têm direito, sem qualquer distinção, a igual proteção da lei. Todos têm direito a

igual proteção contra qualquer discriminação que viole a presente Declaração e contra qualquer incitamento a tal

discriminação.

III - Todo ser humano tem direito a receber dos tribunais nacionais competentes remédio efetivo para os atos que

violem os direitos fundamentais que lhe sejam reconhecidos pela constituição ou pela lei.

  • a)

    Somente as assertivas I e II estão corretas.

  • b)

    Somente as assertivas II e III estão corretas.

  • c)

    Somente as assertivas I e III estão corretas.

  • d)

    Somente a assertiva I está correta.

  • e)

    Todas as assertivas estão corretas.

73619 SEGPLAN-GO (2016) - SEAP-GO - Analista de Saúde / Saúde Pública

A Lei nº 8080/1990, que regulamenta o Sistema Único de Saúde, no capítulo que trata dos objetivos e atribuições,

inclui no campo de atuação do SUS, exceto:

  • a)
    a execução das seguintes ações de vigilância sanitária; de vigilância epidemiológica; de saúde do trabalhador e de assistência terapêutica integral, inclusive farmacêutica.
  • b)
    a participação na formulação da política e na execução de ações de saneamento básico.
  • c)
    a ordenação de formação de recursos humanos na área de saúde.
  • d)
    a colaboração na proteção do meio ambiente, nele compreendido o do trabalho.
  • e)
    a formulação de políticas de saúde destinadas a promover nos campos social e cultural a observância do dever do Estado.

73620 SEGPLAN-GO (2016) - SEAP-GO - Analista de Saúde / Saúde Pública

O Capítulo III da lei Federal 8080/90, do Planejamento e Orçamento, define que os planos de saúde serão a base das atividades e programações de cada nível de direção do Sistema Único de Saúde - SUS, e seu financiamento será previsto na respectiva proposta orçamentária. É correto afirmar que as diretrizes a serem observadas na elaboração dos planos de saúde serão estabelecidas pelo:

  • a)
    Conselho Nacional de Saúde.
  • b)
    Ministério da Saúde.
  • c)
    Ministério do Planejamento.
  • d)
    Secretaria de Atenção à Saúde.
  • e)
    Secretaria Municipal de Saúde.

73621 SEGPLAN-GO (2016) - SEAP-GO - Analista de Saúde / Saúde Pública

A regulação em saúde é definida como:

  • a)
    intervenção do governo, por meio de regras, leis e normas, no mercado prestação de serviços de saúde ou no sistema de saúde.
  • b)
    decisão com antecedência do que será feito para mudar condições insatisfatórias no presente ou evitar que condições adequadas venham a deteriorar-se no futuro.
  • c)
    realização de ação antecipada, tendo por objetivo interceptar ou anular a evolução de uma doença.
  • d)
    oferecer atendimento integral, universal e equânime, como garante a Constituição e a Legislação brasileira.
  • e)
    um modo de gestão em equipe, próprio das sociedades democráticas, no qual o poder é compartilhado por meio de análises, avaliações e decisões conjuntas, envolvendo os diferentes atores sociais que participam do processo.

73622 SEGPLAN-GO (2016) - SEAP-GO - Analista de Saúde / Saúde Pública

São considerados princípios da Política Nacional de Atenção Integral das Pessoas Privadas de Liberdade no Sistema Prisional, exceto:

  • a)
    Promoção de iniciativas de ambiência humanizada e saudável com vistas à garantia da proteção do direito dessas pessoas.
  • b)
    Respeito aos direitos humanos e à justiça social.
  • c)
    Integralidade da atenção à saúde da população privada de liberdade no conjunto de ações de promoção, prevenção, proteção, assistência e recuperação e vigilância em saúde.
  • d)
    Equidade.
  • e)
    Legalidade.

81405 SEGPLAN-GO (2016) - SEAP-GO - Analista de Saúde / Português

Mostrar/Esconder texto associado

"Tentamos abafar este grito com conversas tolas, elucubrações, esoterismo, leituras dinâmicas, [...]". Podemos substituir o termo destacado sem alterar o sentido da frase por

  • a)
    reflexões.
  • b)
    explicações.
  • c)
    satisfações.
  • d)
    realizações.
  • e)
    distrações.
icon
Questão anulada pela banca organizadora do concurso.

81406 SEGPLAN-GO (2016) - SEAP-GO - Analista de Saúde / Literatura

Leia o poema.

Pronominais

Dê-me um cigarro

Diz a gramática

Do professor e do aluno

E do mulato sabido

Mas o bom negro e o bom branco

Da Nação Brasileira

Dizem todos os dias

Deixa disso camarada

Me dá um cigarro

ANDRADE, Oswald de. Apud SCHWARTZ, Jorge, org.

Oswald de Andrade; literatura comentada. São Paulo,

Abril, 1980.

A transgressão cometida pelo autor, ao escrever o poema, é um direito facultado aos escritores com a chamada

“licença poética".

Assinale a opção em que a substituição do elemento grifado pelo pronome correspondente evidencia uma

transgressão gramatical.

  • a)
    Deu o livro ao leitor - deu-lhe
  • b)
    Darei meus livros ao leitor - dar-lhe-ei
  • c)
    Não dei meus livros ao leitor – não os dei
  • d)
    Deu meu livro a ele – lhe deu
  • e)
    Fez o trabalho melhor – fê-lo
icon
Questão anulada pela banca organizadora do concurso.