25 resultados encontrados para . (0.009 segundos)

76962 IF-SERTÃO - PE (2016) - IF-SERTÃO - PE - Arquiteto / Arquitetura

Os serviços preliminares são aqueles que constituem o conjunto de atividades necessárias ao início da execução de uma obra. São atividades que fazem parte dos serviços preliminares de obras, exceto:

  • a)
    Levantamento topográfico do terreno.
  • b)
    Sondagem.
  • c)
    Limpeza do terreno.
  • d)
    Movimento de terra.
  • e)
    Fundação em sapata corrida.

78278 IF-SERTÃO - PE (2016) - IF-SERTÃO - PE - Arquiteto / Arquitetura

A Lei n. 10.257, de 11 de julho de 2001 regulamenta

os arts. 182 e 183 da Constituição Federal e estabelece

diretrizes gerais da política urbana tais como:

I. Decorridos dez anos de cobrança do IPTU progressivo

sem que o proprietário tenha cumprido a obrigação de

parcelamento, edificação ou utilização, o Município

poderá proceder à desapropriação do imóvel, com

pagamento em títulos da dívida pública.

II. Lei municipal específica para área incluída no plano

diretor poderá determinar o parcelamento, a

edificação ou a utilização compulsórios do solo urbano

não edificado, subutilizado ou não utilizado, devendo

fixar as condições e os prazos para implementação da

referida obrigação.

III. Aquele que possuir como sua área ou edificação

urbana de até duzentos metros quadrados, por cinco

anos, ininterruptamente e sem oposição, utilizando-a

para sua moradia ou de sua família, adquirir-lhe-á o

domínio, desde que não seja proprietário de outro

imóvel urbano ou rural.

IV. O direito de preempção confere ao Poder Público

municipal preferência para aquisição de imóvel urbano

objeto de alienação onerosa entre particulares.

V. A usucapião especial de imóvel urbano poderá ser

invocada como matéria de defesa, valendo a sentença

que a reconhecer como título para registro no cartório

de registro de imóveis.

A partir dessas afirmações, pode-se concluir que:

  • a)

    apenas uma é verdadeira.

  • b)

    apenas duas são verdadeiras.

  • c)

    apenas duas são falsas.

  • d)

    todas são verdadeiras.

  • e)

    todas são falsas

78748 IF-SERTÃO - PE (2016) - IF-SERTÃO - PE - Arquiteto / Arquitetura

Sobre a norma brasileira de Elaboração de Projetos de Edificações – Atividades Técnicas, a NBR 13.531:1995, assinale a alternativa correta:

  • a)
    A NBR 13.531:1995 é responsável por fixar apenas as atividades técnicas dos projetos de engenharia exigíveis para a construção de edificações.
  • b)
    A norma define como objetos de projetos a edificação, elemento da edificação, instalação predial e componente construtivo.
  • c)
    A coordenação especifica de cada atividade técnica do projeto da edificação e de seus elementos deve ser atribuída aos profissionais da arquitetura.
  • d)
    A coordenação geral das atividades técnicas do projeto de uma edificação deve ser feita em função das determinações do projeto arquitetônico.
  • e)
    Caso os documentos técnicos elaborados sejam rejeitados parcial ou totalmente, os arquivos podem ser revistos ou alterados por qualquer pessoa com conhecimento para serem submetidos a nova avaliação, independente da avaliação do autor original.

78750 IF-SERTÃO - PE (2016) - IF-SERTÃO - PE - Arquiteto / Arquitetura

A NBR-9077 – Saída de Emergência em Edifícios, exige que em qualquer edificação, os pavimentos sem saída em nível para o espaço livre exterior devem ser dotados de escadas, enclausuradas ou não, as quais devem obedecer aos seguintes critérios, EXCETO:

  • a)
    quando não enclausuradas, além da incombustibilidade, oferecer nos elementos estruturais resistência ao fogo de, no mínimo, 1h.
  • b)
    quando enclausuradas, ser constituídas com material incombustível.
  • c)
    ter os pisos dos degraus e patamares revestidos com materiais resistentes à propagação superficial de chama, isto é, com índice "A" da NBR 9442.
  • d)
    ser dotados de guardas-corpos em seus lados abertos.
  • e)
    ser dotadas de corrimãos.

84903 IF-SERTÃO - PE (2016) - IF-SERTÃO - PE - Arquiteto / Arquitetura

Segundo a ABERGO (Associação Brasileira de

Ergonomia), “a Ergonomia é uma disciplina científica

relacionada ao entendimento das interações entre os

seres humanos e outros elementos ou sistemas, e à

aplicação de teorias, princípios, dados e métodos a

projetos a fim de otimizar o bem-estar humano e o

desempenho global do sistema". A respeito da

ergonomia, analise as afirmativas a seguir.

I. A ergonomia tem como principal objetivo garantir o

desenvolvimento e aplicação de técnicas que permitam

maior adaptação do homem ao seu ambiente de

trabalho. Além de assegurar a utilização de técnicas

eficientes e seguras de desempenho visando a

otimização do bem-estar e, consequentemente,

aumento da produtividade.

II. São descritos como benefícios da ergonomia: a

diminuição do risco de lesão, o aumento da

produtividade, a diminuição de erros e retrabalho, o

aumento da eficiência, a diminuição de dias de trabalho

perdidos, entre outros.

III. A ergonomia está diretamente associada à

segurança do trabalho e à prevenção de acidentes

laborais. Neste contexto, a ergonomia sugere a criação

de locais adequados e de apoios ao trabalho, criação de

métodos laborais e sistemas de retribuição de acordo

com o rendimento.

Assinale:

  • a)

    Se somente a afirmativa I estiver correta.

  • b)

    Se somente as afirmativas II e III estiverem corretas.

  • c)

    Se somente as afirmativas I e III estiverem corretas.

  • d)

    Se somente a afirmativa I e II estiverem corretas.

  • e)

    Se todas as afirmativas estiverem corretas.

85702 IF-SERTÃO - PE (2016) - IF-SERTÃO - PE - Arquiteto / Arquitetura

Acerca de noções básicas de prevenção contra incêndio e de saídas de emergência, assinale a opção incorreta.

  • a)
    A saída de emergência compreende o seguinte: acessos ou rotas de saídas horizontais, isto é, acessos às escadas, quando houver, e respectivas portas ou ao espaço livre exterior, nas edificações térreas; escadas ou rampas e descarga.
  • b)
    Os acessos devem permanecer livres de quaisquer obstáculos, tais como móveis, divisórias móveis, locais para exposição de mercadorias, e outros, de forma permanente, mesmo quando o prédio esteja supostamente fora de uso.
  • c)
    Os acessos devem ter pé-direito mínimo de 2,50 m, com exceção de obstáculos representados por vigas, vergas de portas, e outros, cuja altura mínima livre deve ser de 2,00 m;
  • d)
    As portas das antecâmaras, escadas e outros devem ser providas de dispositivos mecânicos e automáticos, de modo a permanecerem fechadas, mas destrancadas, no sentido do fluxo de saída, sendo admissível que se mantenham abertas, desde que disponham de dispositivo de fechamento, quando necessário.
  • e)
    Em edificações térreas, pode ser considerada como saída, para efeito da distância máxima a ser percorrida, qualquer abertura, sem grades fixas, com peitoril, tanto interna como externamente, com altura máxima de 1,10 m, vão livre com área mínima de 1,10 m² e nenhuma dimensão inferior a 1 m.

85705 IF-SERTÃO - PE (2016) - IF-SERTÃO - PE - Arquiteto / Arquitetura

A norma brasileira de Elaboração de Projetos de Edificações – Arquitetura, a NBR 13.532:1995, tem o objetivo de fixar “as condições exigíveis para a elaboração de projetos de arquitetura para a construção de edificações”. De acordo com essa norma, é correto afirmar que:

  • a)
    Essa norma não poderá ser aplicada a todas as classes tipológicas formais das edificações. As considerações a respeito das construções de torres e pavilhões, por exemplo, deverão ser atendidas por norma específica.
  • b)
    Em relação a elaboração do projeto de arquitetura de uma edificação, a NBR 13532:1995 define que os projetos deverão conter a representação de desenhos e textos da configuração arquitetônica da edificação, independente da compatibilização com as outras disciplinas.
  • c)
    São consideradas fases do projeto de arquitetura, as seguintes etapas de execução da atividade técnica do projeto: Levantamento de dados, Programa de necessidades, Estudo de viabilidade, Estudo preliminar, Anteprojeto, Projeto Legal, Projeto Básico, Projeto para Execução.
  • d)
    Todas as informações técnicas produzidas em qualquer etapa de elaboração de projeto de arquitetura deverão ser apresentadas mediante documentos técnicos em conformidade com os padrões estabelecidos nas normas pertinentes, devendo ser representado obrigatoriamente como desenhos, textos, planilhas, fluxogramas e maquetes.
  • e)
    No que diz respeito às avaliações técnicas, a norma defende que a aceitação dos documentos técnicos (desenhos e textos) produzidos para o projeto de arquitetura deve depender da avaliação das demais atividades técnicas específicas

85706 IF-SERTÃO - PE (2016) - IF-SERTÃO - PE - Arquiteto / Arquitetura

De acordo com a fórmula de Blondel, para uma escada com piso de 28 cm, a altura do espelho deve corresponder a:

  • a)
    11 cm.
  • b)
    22 cm.
  • c)
    15 cm.
  • d)
    18 cm.
  • e)
    16 cm.

85708 IF-SERTÃO - PE (2016) - IF-SERTÃO - PE - Arquiteto / Arquitetura

A lei federal 10.257/01, conhecida como Estatuto da Cidade, estabelece como um dos instrumentos para garantia da função social da propriedade urbana o direito de preempção, o que significa que:

  • a)
    cabe aos municípios a ocupação prioritária dos vazios urbanos.
  • b)
    o município tem o direito de desapropriar vazios urbanos sem indenização ao proprietário.
  • c)
    caso exista interesse do município em determinada área, esta poder ser negociada através da transferência do potencial construtivo.
  • d)
    deve ser dado ao poder público municipal preferência nas transações imobiliárias.
  • e)
    o poder público municipal pode adquirir temporariamente um imóvel urbano para fins públicos.

87897 IF-SERTÃO - PE (2016) - IF-SERTÃO - PE - Arquiteto / Arquitetura

Considerando a NBR 13532/1995, assinale a opção que apresenta etapas do projeto de arquitetura:

  • a)
    Levantamento de dados, programa de necessidades, estudo de viabilidade, estudo preliminar, anteprojeto, projeto legal, projeto básico e projeto executivo.
  • b)
    Levantamento de dados, programa de necessidades, estudo de viabilidade, estudo preliminar, anteprojeto, projeto básico e projeto executivo.
  • c)
    Levantamento de dados, programa de necessidades (opcional), anteprojeto, projeto legal, projeto básico e projeto executivo.
  • d)
    Levantamento de dados, estudo de viabilidade, estudo preliminar, anteprojeto e projeto executivo.
  • e)
    Levantamento de dados, levantamento topográfico, programa de necessidades, estudo preliminar, anteprojeto, projeto básico e projeto executivo