31 resultados encontrados para . (0.007 segundos)

73500 IF-PE (2016) - IF-PE - Médico - Clínico Geral / Medicina

Paciente de 48 anos, hipertenso e diabético, chega para atendimento na emergência com queixa

de precordialgia e vômitos. Ao exame físico, o paciente se encontra pálido, sudorético,

extremidades frias, ausculta pulmonar limpa, com pressão arterial de 95 x 60 mmHg. Analise o

ECG a seguir e assinale a alternativa que contempla as medicações a serem utilizadas para este

caso, antes do encaminhamento para sala de hemodinâmica.

  • a)
    Oxigênio, enoxaparina, aspirina, metoprolol, ticagrelor e soro fisiológico.
  • b)
    Oxigênio, enoxaparina, aspirina, ticagrelor e soro fisiológico.
  • c)
    Oxigênio, nitrato, morfina, enoxaparina, aspirina, metoprolol, ticagrelor e soro fisiológico.
  • d)
    Oxigênio, morfina, enoxaparina, aspirina, metoprolol e clopidogrel.
  • e)
    Oxigênio, morfina, aspirina, enoxaparina, metoprolol, nitrato e clopidogrel.

73501 IF-PE (2016) - IF-PE - Médico - Clínico Geral / Medicina

Marque a alternativa INCORRETA sobre o sigilo médico. Segundo o Código de Ética Médica, é vedado ao médico

  • a)
    prestar informações, além das contidas na declaração de óbito, a empresas seguradoras sobre as circunstâncias da morte do paciente sob seus cuidados, salvo por expresso consentimento do seu representante legal.
  • b)
    revelar sigilo profissional relacionado a paciente menor de idade, inclusive a seus pais ou representantes legais, desde que o menor tenha capacidade de discernimento, salvo quando a não revelação possa acarretar dano ao paciente.
  • c)
    fazer referência a casos clínicos identificáveis, exibir pacientes ou seus retratos em anúncios profissionais ou na divulgação de assuntos médicos, em meios de comunicação em geral, mesmo com autorização do paciente
  • d)
    revelar informações confidenciais obtidas quando do exame médico de trabalhadores, inclusive por exigência dos dirigentes de empresas ou de instituições, salvo se o silêncio puser em risco a saúde dos empregados ou da comunidade.
  • e)
    deixar de orientar seus auxiliares e alunos a respeitar o sigilo profissional e zelar para que seja por eles mantido.

73502 IF-PE (2016) - IF-PE - Médico - Clínico Geral / Medicina

Em um estudo científico tipo caso-controle foi encontrado um Odds ratio de 1,35 (IC95% 0,77- 1,68) relacionado à determinada exposição com doença. Qual deve ter sido a conclusão do estudo a respeito da associação entre exposição e doença?

  • a)
    A exposição é um fator de risco que aumenta em 135% a chance de apresentar a doença.
  • b)
    Não há associação entre exposição e doença, dado que o OR não é diferente de 1,00.
  • c)
    A exposição é um fator de risco para a doença, dado que o OR atingiu o valor de 1,68.
  • d)
    A exposição é um fator de proteção para a doença, dado que o OR atingiu o valor de 0,77.
  • e)
    Há associação entre exposição e doença, dado que sua frequência passa de 0,77 em controles para 1,68 em casos.

73503 IF-PE (2016) - IF-PE - Médico - Clínico Geral / Medicina

Paciente de 35 anos é atendida na emergência com quadro iniciado há 5 dias de rash maculopapular, febre, artrite importante de pequenas articulações das mãos. Com base no quadro descrito, assinale a alternativa CORRETA.

  • a)
    Caso a paciente apresente conjuntivite, o diagnóstico diferencial deve incluir a virose por Zika e a leptospirose.
  • b)
    A presença de artrite importante das mãos torna a hipótese de Chikungunya menos provável.
  • c)
    A plaquetopenia é um achado comum tanto na Chikungunya quanto na Dengue, não ajudando assim no diagnóstico diferencial entre estas patologias.
  • d)
    A persistência da artrite, com rigidez matinal, por mais de dois meses, é diagnóstico de artrite reumatóide, mesmo na ausência de positividade para fator reumatoide ou anti-CCP (artrite reumatóide soronegativa).
  • e)
    O uso de imunossupressores como corticoides e metotrexato é contraindicado na artrite crônica induzida pela Chikungunya.

73504 IF-PE (2016) - IF-PE - Médico - Clínico Geral / Medicina

Uma mulher de 48 anos de idade procura consulta ambulatorial por ter dificuldade para perder peso há vários anos. A mesma não apresenta alterações no exame físico, exceto obesidade (IMC= 31kg/m² ) e os exames de função tireoidiana resultam: TSH= 8,0 uU/mL e T4livre= 1,2mg/dL. Escolha a alternativa que melhor representa o diagnóstico e a conduta mais adequada para essa paciente.

  • a)
    Hipotireoidismo subclínico. Não deve solicitar outros exames, nem iniciar tratamento, apenas acompanhamento semestral com função tireoideana.
  • b)
    Hipotireoidismo primário. Iniciar tratamento com levotiroxina sem necessidade de avaliação laboratorial adicional.
  • c)
    Hipotireoidismo primário. Iniciar tratamento com levotiroxina e solicitar anti-TPO e ultrassonografia da tireoide.
  • d)
    Hipotireoidismo subclínico. Iniciar tratamento com levotiroxina para perder peso, pois a paciente é obesa.
  • e)
    Hipotireoidismo subclínico. Não iniciar tratamento e solicitar anti-TPO e perfil lipídico para avaliar necessidade de tratamento.

73505 IF-PE (2016) - IF-PE - Médico - Clínico Geral / Medicina

No atendimento da parada cardiorrespiratória, é essencial a realização de reanimação cardiopulmonar efetiva. Segundo o Guidelines 2015 da American Heart Association, a frequência da compressão cardíaca deve ser

  • a)
    cerca de 150 por minuto.
  • b)
    menos de 100 por minuto.
  • c)
    entre 100 e 120 por minuto.
  • d)
    pelo menos de 120 por minuto.
  • e)
    não há recomendação quanto à frequência.

81859 IF-PE (2016) - IF-PE - Médico - Clínico Geral / Medicina

Uma paciente de 42 anos inicia tratamento para HIV-1 e, no segundo mês do tratamento,

desenvolve tuberculose peritoneal e intestinal. Inicia tuberculostático e, no 4º mês, evolui com

linfadenite cervical, com punção e cultura estéreis. Sobre a possibilidade da Síndrome

Inflamatória da Reconstituição Imune (SIRI), assinale a alternativa CORRETA.

  • a)
    Uma resposta virológica e imunológica positiva após o tratamento com a terapia retroviral diminui a possibilidade da SIRI.
  • b)
    SIRI é incomum nos pacientes portadores de tuberculose, criptococose ou citomegalovirose.
  • c)
    SIRI é mais comum nos pacientes com contagem alta de CD4 e alta taxa de viremia no início do tratamento retroviral.
  • d)
    Para o caso apresentado acima, seria razoável continuar a terapia retroviral, não suspender o tratamento para tuberculose e associar um corticoide.
  • e)
    Não existe uma relação temporal entre o início da terapia retroviral e o aparecimento da SIRI.

81860 IF-PE (2016) - IF-PE - Médico - Clínico Geral / Medicina

Paciente de 63 anos, referindo que nos últimos 3 meses vem com perda progressiva de força dos membros inferiores, cujo exame físico neurológico sugeriu polineuropatia periférica. Após o exame, foi solicitada uma eletroneuromiografia, tendo como resultado uma polineuropatia de predomínio desmielinizante, mecanismo fisiológico mais encontrado em

  • a)
    hipotireoidismo.
  • b)
    deficiência de vitamina B12.
  • c)
    sífilis.
  • d)
    doenças do colágeno.
  • e)
    mieloma múltiplo.

81861 IF-PE (2016) - IF-PE - Médico - Clínico Geral / Medicina

Marque a alternativa INCORRETA sobre Auditoria e Perícia Médica. Segundo o Código de Ética Médica, é vedado ao médico

  • a)
    receber remuneração ou gratificação por valores vinculados à glosa ou ao sucesso da causa, quando na função de perito ou de auditor.
  • b)
    ser perito ou auditor do próprio paciente, de pessoa de sua família ou de qualquer outra com a qual tenha relações capazes de influir em seu trabalho ou de empresa em que atue ou tenha atuado.
  • c)
    intervir, quando em função de auditor, assistente técnico ou perito, nos atos profissionais de outro médico, ou fazer qualquer apreciação em presença do examinado, reservando suas observações para o relatório.
  • d)
    realizar exames médico-periciais de corpo de delito em seres humanos no interior de prédios ou de dependências de delegacias de polícia, unidades militares, casas de detenção e presídios.
  • e)
    atuar com absoluta isenção quando designado para servir como perito, dentro dos limites de suas atribuições e de sua competência, com direito à justa remuneração pela realização do exame pericial.

81862 IF-PE (2016) - IF-PE - Médico - Clínico Geral / Medicina

Paciente apresenta hiponatremia euvolêmica. Dentre as opções, qual é o diagnóstico mais provável?

  • a)
    Insuficiência cardíaca congestiva.
  • b)
    Cirrose hepática.
  • c)
    Síndrome cerebral perdedora de sal.
  • d)
    Síndrome nefrótica.
  • e)
    Potomania.