39 resultados encontrados para . (0.008 segundos)

147675 IADES (2014) - TRE-PA - Analista Judiciário - Área Administrativa / Direito Administrativo

A respeito das normas que regulam o procedimento

licitatório no Brasil, assinale a alternativa correta.

  • a)

    O Regime Diferenciado de Contratações Públicas, criado pela Lei no 12.462/2011, visa estabelecer procedimentos diferenciados de contratação, dissociados daqueles da Lei no 8.666/1993 (Lei Geral de Licitações), apenas pelo período necessário à construção de toda a infraestrutura para a Copa do Mundo FIFA de 2014.

  • b)

    Para verificação da qualificação técnica nas licitações pertinentes a obras e serviços, é imprescindível a apresentação dos respectivos atestados de capacidade técnica, os quais podem ser fornecidos tanto por pessoas de direito público, quanto de direito privado.

  • c)

    Quando a Administração necessitar a contratação de serviço técnico de natureza singular para elaboração de projetos básicos aptos a alicerçar procedimentos licitatórios, deverá fazê-la por meio de licitação.

  • d)

    Na concorrência, restará decaído o direito de o licitante – participante da licitação – impugnar o edital caso não o faça até três dias úteis antes da data fixada para abertura dos envelopes de habilitação.

  • e)

    O convite é uma modalidade de licitação prevista na Lei no 8.666/1993, que dispensa a justificativa de contratação, feita a interessados previamente cadastrados no órgão licitante.

147676 IADES (2014) - TRE-PA - Analista Judiciário - Área Administrativa / Administração Pública

A Secretaria de Administração de um órgão público decidiu

adotar os preceitos da escola liderada por Fayol e irá

implementá-los tão logo possa contar com a definição correta

da função de controle. Com base nesse caso hipotético, é

correto afirmar que a função de controle é a (o)

  • a)

    ferramenta para administrar as relações com o futuro.

  • b)

    realização das atividades planejadas, envolvendo dispêndio de energia física e intelectual.

  • c)

    acompanhamento e a avaliação do desempenho organizacional na realização da própria missão.

  • d)

    forma de dividir as tarefas entre os departamentos, a depender de critérios a serem seguidos.

  • e)

    maneira de encontrar, desenvolver e manter a harmonia na força de trabalho.

147677 IADES (2014) - TRE-PA - Analista Judiciário - Área Administrativa / Administração Financeira e Orçamentária

Acerca do orçamento público no Brasil, é correto afirmar que

  • a)

    contém a estimativa de arrecadação das receitas federais para o ano seguinte e a autorização para a realização de despesas do governo. Porém está atrelado a um forte sistema de planejamento público das ações a realizar no exercício. Inicia-se com um texto elaborado pelo Poder Legislativo para discussão que é aprovado e convertido em lei.

  • b)

    É vedada a realização de operações de créditos que excedam o montante das despesas de capital, ressalvadas as autorizadas mediante créditos suplementares ou especiais com finalidade precisa, aprovados pelo Poder Legislativo por maioria absoluta.

  • c)

    Os projetos de lei relativos ao plano plurianual, às diretrizes orçamentárias, ao orçamento anual e aos créditos adicionais serão apreciados, em todos os níveis federados, por comissão mista de parlamentares, na forma do regimento comum de cada Casa Legislativa.

  • d)

    É vedado o início de programas ou projetos não incluídos na lei orçamentária anual e a realização de despesas ou a assunção de obrigações diretas que excedam os créditos extraordinários.

  • e)

    Nenhuma dotação orçamentária cuja execução ultrapasse um exercício financeiro poderá ser iniciada sem prévia inclusão no plano plurianual, ou sem lei que autorize a inclusão, sob pena de crime de responsabilidade.

147678 IADES (2014) - TRE-PA - Analista Judiciário - Área Administrativa / Direito Administrativo

As compras públicas seguem um rito específico de acordo

com instrumentos legais. As licitações são pautadas

primordialmente por princípios básicos. Entre eles, destacase

aquele que não permite à Administração Pública atribuir o

objeto de licitação a outrem que não seja o vencedor, salvo as

devidas exceções. É correto afirmar que o texto apresentado

refere-se ao princípio do(a)

  • a)

    julgamento objetivo.

  • b)

    vinculação ao instrumento convocatório.

  • c)

    procedimento formal.

  • d)

    adjudicação compulsória.

  • e)

    probidade administrativa.

152902 IADES (2014) - TRE-PA - Analista Judiciário - Área Administrativa / Direito Eleitoral

A respeito dos partidos políticos, à luz da Lei nº 9.096/1995,

assinale a alternativa correta.

  • a)

    Ao partido político é permitido ministrar instrução militar ou paramilitar, utilizar-se de organização da mesma natureza e adotar uniforme para os respectivos membros.

  • b)

    Ao partido político, é autorizada autonomia para definir a própria estrutura interna, organização e funcionamento.

  • c)

    O partido político, após adquirir personalidade jurídica na forma da lei civil, registra o próprio estatuto perante o Tribunal Regional Eleitoral da respectiva região.

  • d)

    Para concorrer a cargo eletivo, o eleitor deverá estar filiado ao respectivo partido pelo menos seis meses antes da data fixada para as eleições, majoritárias ou proporcionais.

  • e)

    O partido político, pessoa jurídica de direito público, destina-se a assegurar, no interesse do regime democrático, a autenticidade do sistema representativo e a defender os direitos fundamentais definidos na Constituição Federal.

icon
Questão anulada pela banca organizadora do concurso.

153523 IADES (2014) - TRE-PA - Analista Judiciário - Área Administrativa / Administração Geral

A seleção de pessoas constitui um processo composto por etapas

ou fases sequenciais pelas quais passam os candidatos. Na

medida em que são bem-sucedidos, os candidatos ultrapassam

os obstáculos e passam para as etapas posteriores. Na

Administração Pública, o processo ocorre de maneira diferente,

em virtude do instituto do concurso público. Considere,

hipoteticamente, que área de gestão de pessoas de um órgão

público resolveu, após aprovação dos servidores por concurso,

aplicar técnicas de seleção para melhor enquadrá-los às

atividades e às áreas de maior aptidão. No que se refere às

categorias possíveis de técnicas de seleção a serem utilizadas

pelo órgão, é correto citar

  • a)

    a apresentação de servidores por indicação.

  • b)

    o recrutamento virtual.

  • c)

    os testes de personalidade.

  • d)

    o recrutamento interno.

  • e)

    a consulta aos arquivos dos servidores.

153549 IADES (2014) - TRE-PA - Analista Judiciário - Área Administrativa / Administração Geral

As universidades corporativas surgem em uma perspectiva

de sustentar a vantagem competitiva, estimular o aprendizado

contínuo e o desempenho dos valores humanos e das

organizações (MEISTER, 1999). Indo de encontro às idéias

de Meister, Eboli (2004) considera as universidades

corporativas como um sistema de desenvolvimento de

pessoas pautado pela gestão por competências.

RAMOS et al. transição de treinamento e desenvolvimento (T&D) para

universidade corporativa. Rio de Janeiro: CNEG, 2008, com adaptações.

Segundo Meister (1999), universidade corporativa trata-se de

  • a)

    um guarda-chuva estratégico para desenvolver e educar funcionários, clientes, fornecedores e comunidade, a fim de cumprir as estratégias empresariais da organização.

  • b)

    incentivo à aprendizagem contínua para desenvolver atitudes, formas de pensamento e hábitos, competências e uma visão do negócio, que possam dotar as pessoas de ferramentas mentais que aperfeiçoem o próprio trabalho.

  • c)

    combinações sinérgicas de conhecimentos, habilidades e atitudes, expressas pelo desempenho profissional, em um determinado contexto ou estratégia organizacional.

  • d)

    um local onde se desenvolve o saber como fazer algo dentro de determinado processo (know-how).

  • e)

    um ambiente em que se incrementa o saber o quê e por que fazer (know-what e know-why).

154613 IADES (2014) - TRE-PA - Analista Judiciário - Área Administrativa / Administração Geral

“Toda empresa está sempre lutando com o problema sobre

como organizar. A reorganização é frequentemente

necessária para refletir uma nova estratégia, as condições de

mercado em mudança ou uma tecnologia inovadora."

DAFT, Richard L. Administração. Tradução: Robert Brian Taylor. São

Paulo: Thomson Learning, 2007

Empresas, sejam elas públicas ou privadas, são organizadas

de acordo com certos padrões e diretrizes. Considere,

hipoteticamente, que uma instituição possui uma linha

ininterrupta de autoridade que liga todas as pessoas dentro da

organização e mostra quem se reporta a quem. Essa linha é

conhecida como

  • a)

    organograma.

  • b)

    cadeia de comando.

  • c)

    hierarquia.

  • d)

    estrutura organizacional.

  • e)

    especialização do trabalho.

154614 IADES (2014) - TRE-PA - Analista Judiciário - Área Administrativa / Administração Pública

De acordo com a disciplina do gerencialismo na

Administração Pública, existem, na visão de Abrucio (1997),

três teorias principais que explicariam o modelo gerencial.

Assinale a alternativa que apresenta a teoria cuja introdução

da perspectiva da qualidade surgiu, paralelamente, ao

momento em que a Administração Pública voltava as

próprias atenções aos clientes/consumidores.

  • a)

    Gerencialismo puro.

  • b)

    Gerencialismo integrado.

  • c)

    Consumerism.

  • d)

    Public service orientation.

  • e)

    Clientelismo.

154615 IADES (2014) - TRE-PA - Analista Judiciário - Área Administrativa / Administração Financeira e Orçamentária

Acerca dos tipos de créditos orçamentários, é incorreto

afirmar que

  • a)

    o crédito extraordinário é destinado a atender despesas urgentes e imprevisíveis, como as decorrentes de guerra, comoção interna ou calamidade pública.

  • b)

    são classificados em: suplementares, especiais e extraordinários.

  • c)

    é vedada a autorização de créditos ilimitados, mesmo que extraordinários.

  • d)

    os créditos orçamentários tem vigência adstrita ao exercício em que foram abertos, jamais sendo vedada a sua prorrogação.

  • e)

    a autorização para abertura de créditos suplementares é prévia, podendo ser incluída na própria lei de orçamento ou em lei especial.