Notice (8): Undefined variable: description_for_layout [APP/View/Layouts/default.ctp, line 16] - 34 questões grátis para resolução." /> Notice (8): Undefined variable: description_for_layout [APP/View/Layouts/default.ctp, line 34] - 34 questões gratuitas para resolução." />
34 resultados encontrados para . (0.009 segundos)

144665 IADES (2014) - SEAP-DF - Analista - História / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Do ponto de vista da tipologia textual, o texto apresentado classifica-se, predominantemente, como

  • a)
    narrativo, pois relata, em uma sequência temporal, episódios da vida de Teodoro Freire.
  • b)
    descritivo, pois faz um registro dos elementos que particularizam e caracterizam os seres retratados.
  • c)
    dissertativo, pois apresenta uma análise crítica sobre o trabalho de Teodoro Freire com a cultura popular brasileira.
  • d)
    narrativo, pois desenvolve uma reflexão sobre os aspectos que marcaram a vida de Teodoro Freire.
  • e)
    dissertativo, pois apresenta um breve histórico da vinda de Teodoro Freire para Brasília.

144666 IADES (2014) - SEAP-DF - Analista - História / Informática



Um assistente administrativo digitou um texto inteiro em

“caixa alta". Na revisão, foi solicitado que ele deixasse

apenas as iniciais de cada período em “caixa alta". Para não

ter que reescrever todo o texto, o colaborador pode se

valer de um recurso do Word, o qual é acessado, de acordo

com a imagem apresentada, pelo botão de número

  • a)
    1.
  • b)
    2.
  • c)
    3.
  • d)
    4.
  • e)
    5.

144667 IADES (2014) - SEAP-DF - Analista - História / História

A historiografia, como a história, parece se repetir – com variações. Muito antes do nosso tempo, na época do Iluminismo, já se tratava a hipótese de que a história escrita deveria ser uma narrativa dos acontecimentos. BURKE, Peter. A escrita da história – novas perspectivas. Editora Unesp, 1992 p. 327 A respeito do texto apresentado, assinale a alternativa correta.

  • a)
    A história dos acontecimentos associa-se à ideia de que o historiado deve narrar os acontecimentos, sem a necessidade de analisar as suas estruturas.
  • b)
    A história escrita, inclusive a história estrutural, assume a condição de história narrativa, uma consequência dos primeiros passos da história como ciência na Grécia Antiga com, por exemplo, Tucídides.
  • c)
    A complexidade do estudo da história a afasta de todas as outras ciências como forma de neutralizá-la e impedir que sofra alterações em suas estruturas.
  • d)
    Infere-se do texto que a história não se repete, pois os fatos são progressivos e estão sempre em fase de evolução.
  • e)
    Os historiadores que se associam aos Annales não concordam com a teoria defendida pelo texto de que a história se repete.

144668 IADES (2014) - SEAP-DF - Analista - História / História

A historiografia brasileira apoiou-se até certo ponto nas teorias desenvolvidas, principalmente, no continente europeu e em subjetividades de filósofos e pensadores importantes. No que se refere à historiografia brasileira, assinale a alternativa correta.

  • a)
    Uma influência marcante dos pensamentos de Michel Foucault na historiografia brasileira foi o livro A invenção do Nordeste e outras artes, de Durval de Albuquerque, que retrata o nascimento dessa importante região brasileira como configuração de organização social e política associado à seca.
  • b)
    A influência de Foucault foi limitada a poucas obras, como A invenção do Nordeste e outras artes, pois não buscava em sua discussão a problemática cotidiana.
  • c)
    A pouca importância dada à historiografia brasileira atual está na condição de formação histórica do Brasil, ou seja, confusa e sem direcionamento, o que inibiu o desenvolvimento de pensamentos filosóficos sobre o País.
  • d)
    A historiografia brasileira possui nomes importantes da política brasileira como Florestan Fernandes e Fernando Henrique Cardoso que se transformaram em senador e presidente da República, respectivamente.
  • e)
    Na historiografia brasileira, há uma descontinuidade de ações, pois estávamos sempre submissos ao pensamentos desenvolvidos na Europa e mais recentemente na Ásia.

144669 IADES (2014) - SEAP-DF - Analista - História / História

A vitória sobre Cartago assegura à Roma a dominação da bacia ocidental do Mediterrâneo. Com a derrota dos reis da Macedônia e da Síria, a República pôde vigiar a bacia oriental: após 30 anos de guerra, já não pesando sobre os seus interesses a ameaça de qualquer perigo do exterior, Roma conhece, de 188 (paz de Apamea e a seguir o processo dos Cipiões) a 133 (legado das possessões de Átalo de Pérgamo e tribunato de Tibério Graco), uma época de calma apenas ensombrada pela ruína da Macedônia, o difícil controle da Península Ibérica e a destruição de Cartago. CHRISTOL, Michel; NONY, Daniel. Roma e o seu império – das origens às invasões bárbaras. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1990 p. 90 (com adaptações). Com relação ao texto apresentado, assinale a alternativa correta.

  • a)
    O período da República romana foi palco de conflitos que resultaram no processo expansionista de Roma e consequente aquisição de escravos que, de acordo com os interesses da plebe, ocuparam a mão de obra latifundiária.
  • b)
    A expansão romana causou a eclosão de conflitos sociais entre os patrícios e os plebeus, gerando o processo de escravismo dos membros da plebe que iniciassem os conflitos.
  • c)
    Entre as principais conquistas da plebe, destacase a Lei das Doze Tábuas, que pôde tornar escritas todas as leis romanas, inclusive as que favoreciam a plebe, exceto as que garantiam a posse de plebeus sobre terras públicas (ager publics).
  • d)
    A Lei Canuleia tinha como objetivo acabar com a escravidão por dívidas, o que impedia que um romano se tornasse escravo.
  • e)
    Entre os objetivos propostos pelos irmãos Graco, houve a reforma agrária, que não deu certo, e a Lei Frumental, que aumentou o acesso dos plebeus ao alimento com a diminuição do preço do trigo.

144670 IADES (2014) - SEAP-DF - Analista - História / História

A Semana de Arte Moderna foi um marco na história cultural brasileira. Foi um momento de transgressão da ordem vigente, mas, ao mesmo tempo, criou uma atmosfera de possíveis transformações que agitariam o Brasil por um longo período e que hoje passaram a ser importantes referências históricas. No que se refere à Semana de Arte Moderna, assinale a alternativa correta.

  • a)
    A Semana de Arte Moderna teve efeito imediato nos meios culturais, políticos e sociais brasileiros devido aos padrões de influência que se manifestaram junto à sociedade, que prontamente se agradou do movimento.
  • b)
    A Semana de Arte Moderna teve como grande desafeto o escritor paulista Monteiro Lobato, que não concordava com o espírito nacionalista apresentado pelo movimento cultural.
  • c)
    As apresentações se estenderam ao longo de uma semana completa e se revezavam em peças teatrais, concertos musicais, poesias recitadas com entusiasmo marcadas pela riqueza de informações e artistas com trajes que se esmeravam em requinte e elegância.
  • d)
    A Semana de Arte Moderna ocorreu no Teatro Municipal de São Paulo, em 1922, tendo como objetivo mostrar as novas tendências artísticas europeias. Essa nova forma de expressão não foi compreendida pela elite paulista que sofria influência das formas estéticas mais conservadoras.
  • e)
    A Semana de Arte Moderna, ocorrida entre 11 e 18/2/1922, foi a explosão de ideias conservadoras que reforçavam por completo a perfeição estética tão apreciada no século XIX.

153938 IADES (2014) - SEAP-DF - Analista - História / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Nas passagens “Eu era ligado à MPB de Caetano” (linhas 5 e 6), “Depois que Renato Russo veio à redação do Correio” (linhas 9 e 10) e “À época, a Plebe era a mais falada.” (linha 21), o emprego da crase é

  • a)
    obrigatório nas três situações.
  • b)
    facultativo nas três situações.
  • c)
    obrigatório nas duas primeiras situações e facultativo na terceira.
  • d)
    obrigatório apenas na segunda situação e facultativo nas demais.
  • e)
    proibido apenas na primeira situação.

163551 IADES (2014) - SEAP-DF - Analista - História / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Assinale a alternativa que reproduz integralmente o sentido do período “Quando desci ao porão do Cafofo, bar que Rênio Quintas e sócios tinham na comercial da 407 Norte, para assistir a um ensaio do Aborto Elétrico, o barulho já se espalhava por vários pontos da cidade.” (linhas de 2 a 5).

  • a)
    Quando desci ao porão do Cafofo, bar de Rênio Quintas e sócios na comercial da 407 Norte, para assistir a um ensaio do Aborto Elétrico, o barulho já se espalhava por certos pontos da cidade.
  • b)
    Assim que desci ao porão do Cafofo, bar que Rênio Quintas e sócios tinham na comercial da 407 Norte, para assistir a um ensaio do Aborto Elétrico, o barulho já havia se espalhado por certos pontos da cidade.
  • c)
    O barulho já estava totalmente espalhado por vários pontos da cidade quando desci ao porão do Cafofo, bar de Rênio Quintas e sócios na comercial da 407 Norte, para assistir a um ensaio do Aborto Elétrico.
  • d)
    Logo que desci ao porão do Cafofo, bar de Rênio Quintas e sócios na comercial da 407 Norte, para assistir a um ensaio do Aborto Elétrico, o barulho já havia se espalhado por certos pontos da cidade.
  • e)
    O barulho já se espalhava por diversos pontos da cidade quando desci ao porão do Cafofo, bar que Rênio Quintas e sócios tinham na comercial da 407 Norte, a fim de assistir a um ensaio do Aborto Elétrico.

163552 IADES (2014) - SEAP-DF - Analista - História / História

A História, ajudando a explicar a realidade, pode ajudar ao mesmo tempo a transformá-la. A História, como as outras formas de conhecimento da realidade, está sempre se constituindo: o conhecimento que ela produz nunca é perfeito ou acabado. Historiadores, filósofos, sociólogos e politicólogos estão sempre debatendo sobre isso. BORGES, Vavy Pacheco. O que é história. Ed. Brasiliense (com adaptações). Com base na análise desse texto, assinale a alternativa correta.

  • a)
    A construção da História deve-se essencialmente ao processo de os fatos acontecerem, não importando o momento e o local.
  • b)
    A História é resultado do local e do momento em que os fatos acontecem, pois a historiografia afirma que a História não se repete.
  • c)
    A História somente depende do local onde ela ocorre, pois o tempo é apenas uma forma de orientação temporal, sem interferência no motivo dos fatos históricos.
  • d)
    A História é resultado do tempo em que os fatos acontecem, sendo o local apenas o palco para a ocorrência dos fatos, sem importância no processo de desenvolvimento histórico de uma civilização.
  • e)
    O tempo unido ao local em que o fato ocorre é determinante para acontecer a história e a determinação do processo de evolução social, política e econômica de uma civilização.

163553 IADES (2014) - SEAP-DF - Analista - História / História

A presença do cristianismo e da institucionalização da Igreja não significou o desaparecimento de todas as práticas religiosas pagãs. Com efeito, são mais ou menos constantes as queixas de bispos e dos clérigos sobre a manutenção das práticas pagãs. ROUCHE, M. Alta idade média ocidental. São Paulo: Companhia das Letras, 2009 p. 509 Acerca do texto apresentado, assinale a alternativa correta.

  • a)
    A instituição a que o texto se refere foi erguida no período medieval a partir do fortalecimento da Igreja Católica Apostólica Romana.
  • b)
    O Clero Regular era integrado aos homens e à sociedade. Era composto pelos bispos, pelos arcebispos e pelos padres.
  • c)
    O Clero Secular era composto por monges, por frades, por freis, por freiras e por frades, sendo dedicado à meditação e as pesquisas de assuntos religiosos.
  • d)
    O monasticismo era o ato de cristãos se isolarem para encontrar uma vida de desprendimento e isolamento das questões mundanas.
  • e)
    Existiam os padres copistas que eram responsáveis por copiar as Sagradas Escrituras e os textos clássicos greco-romanos.