30 resultados encontrados para . (0.012 segundos)

77316 FUNRIO (2016) - IFPA - Engenheiro de Segurança do Trabalho / Segurança e Saúde no Trabalho

O Perfil Profissiográfico Previdenciário é um documento que relata o histórico laboral do empregado com relação às condições ambientais de risco ao qual fora exposto. Tal documento é de responsabilidade da empresa que deve preencher o modelo disponibilizado pelo Instituto Nacional de Securidade Social. Para requerimentos da aposentadoria especial, este documento passou a ser obrigatório ao segurado, individualmente para os períodos trabalhados a partir de:

  • a)
    Dezembro de 2003.
  • b)
    Janeiro de 2004.
  • c)
    Janeiro de 2006.
  • d)
    Maio de 2010.
  • e)
    Dezembro de 2004.

77317 FUNRIO (2016) - IFPA - Engenheiro de Segurança do Trabalho / Segurança e Saúde no Trabalho

São etapas obrigatórias do desenvolvimento do Programa de Prevenção de Riscos Ambientais previstas na NR 9 em seu item 9.3.1:

  • a)
    Determinação e localização das possíveis fontes geradoras.
  • b)
    Identificação das possíveis trajetórias e dos meios de propagação dos agentes no ambiente de trabalho.
  • c)
    Reconhecimento dos riscos, estabelecimento de prioridades e metas de avaliação e controle.
  • d)
    Constatação, na fase de reconhecimento de risco evidente à saúde.
  • e)
    Caracterização das funções e atividades desenvolvidas pelos empregados.

77318 FUNRIO (2016) - IFPA - Engenheiro de Segurança do Trabalho / Segurança e Saúde no Trabalho

Um engenheiro de segurança do trabalho executou algumas medições em uma siderúrgica, no setor de fornos, e obteve as seguintes medições: temperatura de bulbo seco igual a 34 °C, temperatura de bulbo úmido natural igual a 29 °C e temperatura globo igual a 42 °C. Sendo este um ambiente interno sem carga solar, o IBUTG do setor é:

  • a)
    31,3°C
  • b)
    33,2°C
  • c)
    30,5°C
  • d)
    32,9°C
  • e)
    28,9°C

77319 FUNRIO (2016) - IFPA - Engenheiro de Segurança do Trabalho / Segurança e Saúde no Trabalho

O dimensionamento da CIPA em uma fábrica de automóveis com 2.592 empregados deverá contemplar a seguinte quantidade de membros efetivos:

  • a)
    12
  • b)
    8
  • c)
    7
  • d)
    10
  • e)
    9

77335 FUNRIO (2016) - IFPA - Engenheiro de Segurança do Trabalho / Segurança e Saúde no Trabalho

O desastre nuclear de Chernobyl na Ucrânia, em 1986, foi o mais grave da história, matou cerca de 47 pessoas e é associado a 1800 notificações de câncer de tireoide. Estimativas apontam que cerca de 3800 pessoas morrerão vítimas da radiação. Por causa do acidente radioativo aproximadamente 200 mil pessoas tiveram que abandonar suas residências. A localidade é conhecida hoje como cidade fantasma, é até hoje um ambiente inabitável. (NETO: 2013) No Brasil, os limites de tolerância, princípios, obrigações e controles básicos para proteção do homem e do meio ambiente contra os efeitos nocivos da radiação ionizante, são definidos pela:

  • a)
    NR 15
  • b)
    NR 17
  • c)
    Norma CNEN-NE.3.01
  • d)
    Resolução CNEN N° 12/88
  • e)
    Portaria 04 de 11/04/1994

77336 FUNRIO (2016) - IFPA - Engenheiro de Segurança do Trabalho / Segurança e Saúde no Trabalho

A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes tem mandato instituído de um ano. O processo eleitoral da CIPA é definido nos termos da Norma Regulamentadora N° 5 e determina que o empregador convoque as eleições dos representantes dos empregados na CIPA num prazo mínimo de:

  • a)
    55 dias antes do término do mandato em curso.
  • b)
    45 dias antes do término do mandato em curso.
  • c)
    60 dias antes do término do mandato em curso.
  • d)
    90 dias antes do término do mandato em curso.
  • e)
    50 dias antes do término do mandato em curso.

77337 FUNRIO (2016) - IFPA - Engenheiro de Segurança do Trabalho / Segurança e Saúde no Trabalho

Uma mineradora registrou seis acidentes do trabalho no mês de março, sendo dois de trajeto. Nela trabalham 180 empregados, 20 dias por mês com 8 horas/dia de trabalho. Calculando a taxa de frequência acidentária, temos um índice de:

  • a)
    128
  • b)
    138,88
  • c)
    134,48
  • d)
    118,98
  • e)
    208,33

85155 FUNRIO (2016) - IFPA - Engenheiro de Segurança do Trabalho / Segurança e Saúde no Trabalho

O funcionário de uma seguradora de veículos ficou afastado por 15 dias do trabalho em virtude de uma doença respiratória grave, retornando à atividade no 16º dia. Dois meses depois este mesmo funcionário afastou-se novamente por mais 15 dias em virtude da mesma doença, retonando às suas atividades laborais no 16° dia. Com relação ao benefício do auxílio doença, este trabalhador:

  • a)
    Terá direito à dois benefícios pois, apesar de acometido da mesma doença, ele teve dois períodos distintos de afastamento.
  • b)
    Terá direito somente ao segundo período por ser a mesma doença e o espaço entre sua incidência menor que 90 dias.
  • c)
    Terá direito a aposentadoria especial por ser uma doença recorrente.
  • d)
    Terá direito apenas ao primeiro benefício pois o segundo é considerado decorrente do primeiro por ser a mesma doença em período inferior à 90 dias.
  • e)
    Não terá direito ao benefício.

85162 FUNRIO (2016) - IFPA - Engenheiro de Segurança do Trabalho / Segurança e Saúde no Trabalho

Uma empresa de construção civil iniciará a construção de um edifício e, para tanto contratou um engenheiro de segurança do trabalho para verificar as exigências legais para as instalações sanitárias no local, para uso de seus funcionários. O pé direito da instalação sanitária terá 2,50m e cada conjunto será composto de mictório, vaso sanitário e lavabo. Sabendo que o canteiro terá cerca de 120 funcionários trabalhando ao mesmo tempo, o número de conjuntos sanitários e chuveiros deverá ser de, respectivamente:

  • a)
    12 conjuntos sanitários com chuveiros.
  • b)
    4 conjuntos sanitários com 8 chuveiros.
  • c)
    6 conjuntos sanitários e 12 chuveiros.
  • d)
    5 conjuntos sanitários e 10 chuveiros.
  • e)
    Definidos pelo Código de Obras do Município.

85163 FUNRIO (2016) - IFPA - Engenheiro de Segurança do Trabalho / Segurança e Saúde no Trabalho

Uma construtora de edifícios possui no estado do Pará, dezesseis canteiros de obra e frentes de trabalho cada uma com equipes de trinta e dois profissionais espalhados em vários municípios do estado. Neste caso, sabendo que o grau de risco desta atividade é 3, de acordo com o Quadro I da NR 4, o dimensionamento do SESMT para engenheiros do trabalho e técnicos de segurança do trabalho será, respectivamente:

  • a)
    Um engenheiro do trabalho para um técnico de segurança do trabalho.
  • b)
    Três engenheiros do trabalho para três técnicos de segurança do trabalho.
  • c)
    Dois engenheiros do trabalho para dezesseis técnicos de segurança do trabalho.
  • d)
    Dois engenheiros do trabalho para seis técnicos de segurança do trabalho.
  • e)
    Um engenheiro do trabalho para três técnicos de segurança do trabalho.