25 resultados encontrados para . (0.006 segundos)

05639 FUNCAB (2010) - PRODAM-AM - Analista de TI - Analista de Telecomunicações / Redes de Computadores

Seguir um processo de projeto de rede é importante porque:
  • a)
    é uma exigência da legislação brasileira e dos órgãos públicos.
  • b)
    ele provê uma forma eficaz de comunicação entre usuários e projetistas.
  • c)
    diminui o número de fabricantes dos produtos implementados na solução.
  • d)
    sempre provê uma solução mais robusta.
  • e)
    garante o sucesso do projeto.

05640 FUNCAB (2010) - PRODAM-AM - Analista de TI - Analista de Telecomunicações / Redes de Computadores

Baselining de rede é um método para determinar:
  • a)
    características do tráfego da rede.
  • b)
    utilização de componentes da CPU.
  • c)
    busca de problemas na rede.
  • d)
    tipo e uso dos dispositivos de rede.
  • e)
    taxa de transmissão dos enlaces da rede.

05641 FUNCAB (2010) - PRODAM-AM - Analista de TI - Analista de Telecomunicações / Redes de Computadores

O problema básico do roteamento é descobrir o caminho de menor custo entre dois nós de uma rede. Sendo o RIP e o OSPF protocolos de roteamento muito difundidos nas redes IP, marque a alternativa correta.
  • a)
    O OSPF, por ser um protocolo de roteamento centralizado, tem um desempenho superior ao RIP.
  • b)
    O OSPF, por ser um protocolo de roteamento centralizado, tem um desempenho inferior ao RIP.
  • c)
    O RIP, por ser um protocolo de roteamento descentralizado, permite particionar um domínio em áreas.
  • d)
    O OSPF permite particionar um domínio em áreas, tornando-se mais escalável.
  • e)
    O RIP é mais escalável que o OSPF, pois não precisa enviar informações periódicas entre os roteadores.

05642 FUNCAB (2010) - PRODAM-AM - Analista de TI - Analista de Telecomunicações / Redes de Computadores

Considerando o serviço básico de transmissão de um pacote IP entre um host A e um host B em diferentes redes, sem recursos adicionais como NAT e Proxy, podemos afirmar que o pacote, após atravessar comutadores e roteadores:
  • a)
    não tem seus endereços de camada 2 e 3 alterados.
  • b)
    pode haver alteração dos endereços de camada 2 e 3.
  • c)
    pode haver alteração dos endereços de camada 2, mas não dos de camada 3.
  • d)
    pode haver alteração dos endereços de camada 3, mas não dos de camada 2.
  • e)
    pode haver alteração dos endereços de origem, mas não dos de destino.

05643 FUNCAB (2010) - PRODAM-AM - Analista de TI - Analista de Telecomunicações / Redes de Computadores

Uma trap é um meio de um agente informar ao NMS alguma ocorrência, como por exemplo, a paralisação ou reativação de uma interface de um dispositivo. É correta a afirmativa:
  • a)
    As traps não estão propensas a perda, pois utilizam o protocolo UDP.
  • b)
    As traps estão propensas a perda, pois utilizam o protocoloTCP.
  • c)
    O NMS não envia ao agente confirmação do recebimento da trap.
  • d)
    O agente envia ao NMS confirmação do recebimento da trap.
  • e)
    As traps não são mais utilizadas, pois são propensas a perdas.

05644 FUNCAB (2010) - PRODAM-AM - Analista de TI - Analista de Telecomunicações / Redes de Computadores

Considerando a interconexão de redes locais, sobre o STP- SpanningTree Protocol, é correto afirmar que:
  • a)
    permite a criação de caminhos alternativos, melhorando o desempenho.
  • b)
    não funciona quando há ciclos (caminhos fechados).
  • c)
    não é necessário quando comutadores são utilizados.
  • d)
    é desnecessária sua utilização em redes de tecnologia Ethernet.
  • e)
    impede a formação de ciclos (caminhos fechados).

05645 FUNCAB (2010) - PRODAM-AM - Analista de TI - Analista de Telecomunicações / Redes de Computadores

Quanto aos dispositivos de rede, podemos afirmar que:
  • a)
    Comutadores, por separarem domínios de broadcast , podem ter interfaces com diferentes taxas de transmissão (ex: 10 Mbps, 100 Mbps).
  • b)
    Comutadores, por separarem domínios de colisão, não podem ter interfaces com diferentes taxas de transmissão (ex: 10 Mbps, 100 Mbps).
  • c)
    Repetidores, por separarem domínios de colisão, permitem a criação de redes mais longas.
  • d)
    Roteadores fazem a separação de domínios de colisão e de domínios de broadcast.
  • e)
    Os comutadores mantêm tabelas de encaminhamento com o endereço IP dos hosts conectados às suas portas.

05646 FUNCAB (2010) - PRODAM-AM - Analista de TI - Analista de Telecomunicações / Redes de Computadores

O PPP se baseia intimamente no HDLC, que utiliza técnica de inserção de bits para evitar que bytes de flag acidentais na carga útil causem confusão. Qual das afirmativas a seguir representa um motivo pelo qual o PPP utiliza a inserção de bytes e não a inserção de bits?
  • a)
    O PPP foi claramente projetado para ser implementado em software e não em hardware, como o HDLC quase sempre é.
  • b)
    Na prática não faz diferença utilizar inserção a bytes ou inserção a bits.
  • c)
    Ainserção a bytes utiliza menos recursos que a inserção a bits e faz o isolamento dos modems na rede.
  • d)
    A inserção a bytes melhora a qualidade do sinal a ser enviado.
  • e)
    Nenhuma das respostas anteriores.

05647 FUNCAB (2010) - PRODAM-AM - Analista de TI - Analista de Telecomunicações / Redes de Computadores

Dentre os possíveis serviços que um protocolo de camada de enlace pode oferecer à camada de rede, quais desses serviços de camada de enlace têm serviços correspondentes emambos os protocolos IP eTCP?
  • a)
    Entrega confiável e controle de fluxo.
  • b)
    Acesso ao enlace e correção de erro.
  • c)
    Framing e Detecção de Erro.
  • d)
    Controle de fluxo e conexão full duplex.
  • e)
    Controle de congestionamento e correção de erro.

05648 FUNCAB (2010) - PRODAM-AM - Analista de TI - Analista de Telecomunicações / Redes de Computadores

A respeito da codificação de dados binários para a transmissão em banda base sobre um circuito físico, podemos afirmar que:
  • a)
    a codificação NRZ resolve o problema causado por uma longa sequência de "1", mas não o problema causado pela sequência de "0".
  • b)
    a codificação NRZI resolve tanto o problema causado por uma longa sequência de "1", como o problema causado pela sequência de "0".
  • c)
    a codificação Manchester tem apenas 50% de eficiência, pois dobra a taxa de transições realizadas no meio de transmissão.
  • d)
    na codificação Manchester a taxa de bit é o dobro da taxa de baud.
  • e)
    a codificação 4B/5B, chega a até 100% de eficiência.