Notice (8): Undefined variable: description_for_layout [APP/View/Layouts/default.ctp, line 16] - 30 questões grátis para resolução." /> Notice (8): Undefined variable: description_for_layout [APP/View/Layouts/default.ctp, line 34] - 30 questões gratuitas para resolução." />
30 resultados encontrados para . (0.009 segundos)

77597 FGV (2016) - COMPESA - Analista de Gestão - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

As opções a seguir apresentam medidas técnicas de prevenção, previstas na NR 33, para situações de trabalho em espaços confinados, à exceção de uma. Assinale-a.

  • a)
    Implementar medidas necessárias para eliminação ou controle dos riscos atmosféricos em espaços confinados.
  • b)
    Testar os equipamentos de medição antes de cada utilização.
  • c)
    Prever a implantação de travas, bloqueios, alívio, lacre e etiquetagem.
  • d)
    Prover a ventilação com oxigênio puro.
  • e)
    Avaliar a atmosfera nos espaços confinados, antes da entrada de trabalhadores, para verificar se o seu interior é seguro.

77598 FGV (2016) - COMPESA - Analista de Gestão - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

Sobre a classificação dos agentes biológicos segundo sua classe de risco, de acordo com a NR 32, Anexo I, assinale a afirmativa incorreta.

  • a)
    Classe de risco 1: baixo risco individual para o trabalhador e para a coletividade, com baixa probabilidade de causar doença ao ser humano.
  • b)
    Classe de risco 2: risco individual moderado para o trabalhador e com baixa probabilidade de disseminação para a coletividade. Podem causar doenças ao ser humano, para as quais existem meios eficazes de profilaxia ou tratamento.
  • c)
    Classe de risco 3: risco individual elevado para o trabalhador e com probabilidade de disseminação para a coletividade. Podem causar doenças e infecções graves ao ser humano,para as quais nem sempre existem meios eficazes de profilaxia ou tratamento.
  • d)
    Classe de risco 4: risco individual elevado para o trabalhador e com probabilidade elevada de disseminação para a coletividade. Apresenta grande poder de transmissibilidade de um indivíduo a outro. Podem causar doenças graves ao ser humano, para as quais não existem meios eficazes de profilaxia ou tratamento.
  • e)
    Classe de risco 5: risco de morte imediata à exposição ocupacional.

77829 FGV (2016) - COMPESA - Analista de Gestão - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

A exposição a pressões hiperbáricas pode provocar danos no

organismo do mergulhador profissional.

Dentre os listadas a seguir, o mais comum é

  • a)
    o acidente vascular cerebral.
  • b)
    a hemorragia digestiva alta.
  • c)
    a necrose asséptica de cabeça de femur.
  • d)
    a anemia aplástica.
  • e)
    a hepatite.

77830 FGV (2016) - COMPESA - Analista de Gestão - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

A inibição da acetilcolinesterase plasmática se dá pela exposição

profissional ao seguinte pesticida:

  • a)
    hidrocarbonetos.
  • b)
    carbamatos.
  • c)
    dinitrofenol.
  • d)
    organofosforados.
  • e)
    organoclorados.

77831 FGV (2016) - COMPESA - Analista de Gestão - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

Assinale a opção que indica a lesão comum em trabalhadores

expostos profissionalmente e de modo crônico ao metanol.

  • a)
    A marcha atáxica e tremores de extremidades.
  • b)
    A leucopenia.
  • c)
    A lesão do nervo óptico.
  • d)
    O dano ao sistema linfático.
  • e)
    As discrasias sanguíneas hemorrágicas.

77832 FGV (2016) - COMPESA - Analista de Gestão - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

Assinale a opção que indica a causa da doença ocupacional

asbestose.

  • a)
    contato permanente com silica.
  • b)
    aspiração de vapores orgânicos.
  • c)
    inalação de poeiras fibrinogênicas.
  • d)
    ingestão de fumos metálicos.
  • e)
    exposição crônica a amianto.

77833 FGV (2016) - COMPESA - Analista de Gestão - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

Segundo a NR 4, em seu item 4.2.3, “A empresa poderá constituir Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho centralizado para atender a um conjunto de estabelecimentos pertencentes a ela, desde que a distância a ser percorrida entre aquele em que se situa o serviço e cada um dos demais não ultrapasse _____”. Assinale a opção que completa corretamente a lacuna do fragmento acima.

  • a)
    mil metros.
  • b)
    dois mil metros.
  • c)
    três mil metros.
  • d)
    quatro mil metros.
  • e)
    cinco mil metros.

80436 FGV (2016) - COMPESA - Analista de Gestão - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

Os picos de energia acústica de um ruído de impacto têm a seguinte duração:

  • a)
    inferior a 1 segundo a intervalo superior a 1 segundo.
  • b)
    superior a 1 segundo a intervalo superior a 2 segundos.
  • c)
    superior a 1 segundo a um intervalo inferior a 1 segundo.
  • d)
    superior a 1 segundo a intervalo inferior a 2 segundos.
  • e)
    inferior a 1 segundo a intervalo inferior a 2 segundos.

80437 FGV (2016) - COMPESA - Analista de Gestão - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

A NR 7 diz que o ASO tem de conter, no mínimo, I. a indicação dos procedimentos médicos a que foi submetido o trabalhador, incluindo os exames complementares e a data em que foram realizados. II. a assinatura do médico coordenador do PCMSO, quando houver, com respectivo CRM. III. a definição de apto ou inapto para a função específica que o trabalhador exerceu, exerce ou vai exercer. Está correto o que se afirma em:

  • a)
    II e III, apenas.
  • b)
    I e III, apenas.
  • c)
    I e II, apenas.
  • d)
    II, apenas.
  • e)
    I, apenas.

80438 FGV (2016) - COMPESA - Analista de Gestão - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

De acordo com a NR 35, para realizar trabalho em altura, o funcionário deve ser treinado em um programa específico com carga mínima de 8 horas. As opções a seguir apresentam conteúdos a serem desenvolvidos nesse curso, à exceção de uma. Assinale-a.

  • a)
    Análise de risco e condições impeditivas.
  • b)
    Acidentes atípicos em trabalhos em altura.
  • c)
    Sistemas, equipamentos e procedimentos de proteção coletiva.
  • d)
    Riscos potenciais inerentes ao trabalho em altura e medidas de prevenção e controle.
  • e)
    Condutas em situações de emergência, incluindo noções de técnicas de resgate e de primeiros socorros.