Notice (8): Undefined variable: description_for_layout [APP/View/Layouts/default.ctp, line 16] - 43 questões grátis para resolução." /> Notice (8): Undefined variable: description_for_layout [APP/View/Layouts/default.ctp, line 34] - 43 questões gratuitas para resolução." />
43 resultados encontrados para . (0.009 segundos)

110812 FGV (2015) - DPE-RO - Analista / Português

Um famoso poeta português, Antero de Quental, fala sobre o ato de escrever em um dos seus mais belos sonetos, intitulado “Tormento do Ideal”, que diz o seguinte: Conheci a beleza que não morre E fiquei triste... No caso específico da língua escrita, a tristeza do poeta deve derivar do(da ):

  • a)
    impossibilidade de reproduzir pela escrita a beleza por ele conhecida;
  • b)
    desilusão diante de uma vida moderna, que nada tem de poética ou atraente;
  • c)
    sofrimento imposto pela realidade de ser poeta;
  • d)
    limitação imposta pelas regras da escrita, estabelecidas a partir do uso e não do efeito estético;
  • e)
    imutabilidade da escrita diante da exuberância da fala.

110813 FGV (2015) - DPE-RO - Analista / Português

Comparando-se as formas “pintor inglês” e “inglês pintor” vemos que substantivos e adjetivos se diferenciam, de fato, por apresentarem, respectivamente:

  • a)
    variabilidade mórfica / invariabilidade mórfica;
  • b)
    possibilidade de derivação / impossibilidade de derivação;
  • c)
    função de núcleo / função de adjunto;
  • d)
    designação de seres / designação de conceitos;
  • e)
    invariabilidade de grau / variabilidade de grau.

110814 FGV (2015) - DPE-RO - Analista / Português

Se substituirmos as orações sublinhadas por um só termo, de significado equivalente, a substituição correta será:

  • a)
    Louça que quebra facilmente não é conveniente para os restaurantes. / quebrantável;
  • b)
    Pescadores adoram rios que tenham muitos peixes. / piscosos;
  • c)
    Cursos que duram pouco tempo são, às vezes, mais eficientes. / transitáveis;
  • d)
    As leis que permanecem sem mudanças nem sempre satisfazem. / mutantes;
  • e)
    Os remédios cujos efeitos não são sentidos devem ser modificados. / prejudiciais.

110815 FGV (2015) - DPE-RO - Analista / Português

O segmento em que é possível NÃO empregar nenhuma vírgula é:

  • a)
    “Idealismo é bom mas quando a realidade se aproxima seu custo se torna proibitivo.” (W. Buckley)
  • b)
    “Quando no percurso do caminho os primeiros passos são inúteis.” (Shankara)
  • c)
    “A natureza é frequentemente escondida algumas vezes dominada mas raramente extinta.” (Francis Bacon)
  • d)
    “Fazer o que você gosta é liberdade gostar do que você faz é felicidade.” (F. Tyger)
  • e)
    “Estamos sendo continuamente descartados pelos outros e a cada dia temos que nos achar de novo juntar os pedaços e nos reconstituir.” (Thomas Bernhard)

110816 FGV (2015) - DPE-RO - Analista / Português

“A gente não sabe bem por onde vai porque tem muitos obstáculos no caminho; para mim decidir, só entre eu e você, tenho que consultar minha mãe, já que ela conhece tudo por aqui!” Nesse segmento de texto há uma série de marcas de uma variedade linguística popular: a apreciação inadequada sobre um dos componentes do texto é:

  • a)
    emprego de “a gente” em lugar de “nós”;
  • b)
    emprego do verbo “ter” em lugar de “haver”;
  • c)
    emprego de “mim” em lugar de “eu” em “para mim decidir”;
  • d)
    emprego de “eu” em lugar de mim, em “entre eu e você”;
  • e)
    emprego de “conhece tudo” em lugar de “conhece de tudo”.

110817 FGV (2015) - DPE-RO - Analista / Redação Oficial

NÃO consta do padrão ofício de redação oficial, segundo o Manual de Redação da Presidência da República:

  • a)
    tipo e número do expediente, seguidos da sigla do órgão que o expede;
  • b)
    identificação numérica do cargo e função do emissor do documento;
  • c)
    local e data do documento;
  • d)
    resumo do conteúdo da mensagem;
  • e)
    nome e cargo da pessoa a quem é dirigida a comunicação.

110818 FGV (2015) - DPE-RO - Analista / Legislação Estadual

Marcela, servidora pública civil estável estadual de Rondônia ocupante de cargo efetivo, pretende obter licença por motivo de doença em pessoa da família para dar assistência a seu irmão, acometido de grave enfermidade. Com base no regime jurídico que disciplina a matéria previsto na Lei Complementar Estadual nº 68/1992, é correto afirmar que a licença pretendida por Marcela será concedida:

  • a)
    sem remuneração, até noventa dias, podendo ser prorrogada por até doze meses, mediante parecer da Junta Médica, incidindo necessariamente sobre a jornada integral de trabalho da servidora;
  • b)
    sem remuneração, até trinta dias, podendo ser prorrogada por até cento e oitenta dias, mediante parecer da Junta Médica, incidindo necessariamente sobre a jornada integral de trabalho da servidora;
  • c)
    sem prejuízo da remuneração, até noventa dias, podendo ser prorrogada sem remuneração pelo período máximo de até rinta e seis meses, mediante parecer da Junta Médica;
  • d)
    sem prejuízo da remuneração, até noventa dias, podendo ser prorrogada por até noventa dias, mediante parecer da Junta Médica e, excedendo estes prazos, sem remuneração, até o máximo de vinte e quatro meses;
  • e)
    sem prejuízo da remuneração, até trinta dias, podendo ser prorrogada sem remuneração por até seis meses, mediante parecer da Junta Médica, e a servidora tem prazo de quinzedias após a cessação da causa da doença para se apresentar ao serviço.

112404 FGV (2015) - DPE-RO - Analista / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Abaixo foram transcritos trechos de cartas de leitores de um jornal sobre a maioridade penal; a opção cujo posicionamento contraria especificamente uma afirmação do texto 1 é:

  • a)
    “Ser a favor ou contra a redução da maioridade penal é um direito inalienável de cada cidadão, mas, alegar que a redução de 18 para 16 anos colocará a nossa juventude no sistema prisional é o mesmo que confundir alhos com bugalhos”.
  • b)
    “O discurso contrário à redução da maioridade penal é o mesmo, assim como as justificativas para não adotá-la no país. Uma delas é a questão da precariedade do sistema penitenciário no Brasil”.
  • c)
    “Preocupante que a CCJ tenha dado aval para que a proposta de redução da menoridade penal seja discutida e até votada no Congresso Nacional”.
  • d)
    “Mandar adolescentes para a cadeia só irá piorar as coisas e aumentar ainda mais a violência e o crime na já conturbada sociedade brasileira”.
  • e)
    “Ninguém acredita que essa redução da maioridade penal irá resolver a questão da segurança pública. Apenas acreditamos que homicidas serão, realmente, punidos”.

116627 FGV (2015) - DPE-RO - Analista / Português

O domínio do vocabulário é ferramenta indispensável para a compreensão e escrita de textos; o adjetivo abaixo, relacionado a partes do ser humano, que mostra seu significado corretamente é:

  • a)
    crural / pescoço;
  • b)
    entérico / estômago;
  • c)
    ótico / orelha;
  • d)
    frontal / peito;
  • e)
    capilar / coluna.

116628 FGV (2015) - DPE-RO - Analista / Português

A opção em que a variação de número está correta é:

  • a)
    sessões lítero-musicais;
  • b)
    acordos lusos-africanos;
  • c)
    águas azul-marinhas;
  • d)
    paredes verde-claro;
  • e)
    roupas rosas-claras.