43 resultados encontrados para . (0.008 segundos)

150789 FGV (2014) - SUSAM - Sanitarista / Português

Mostrar/Esconder texto associado

As opções a seguir mostram algumas funções do título do texto – Acredite, progredimos sim –, à exceção de uma. Assinale-a.

  • a)
    crítica aos órgãos oficiais e autoridades, que mascaram realidades desagradáveis.
  • b)
    reforço de uma opinião do próprio autor do texto, diante do ceticismo geral.
  • c)
    ironia, já que o tema abordado no texto não indica qualquer progresso.
  • d)
    destaque de um ponto positivo em meio a uma realidade negativa.
  • e)
    alerta contra as informações oficiais divulgadas.

150790 FGV (2014) - SUSAM - Sanitarista / Português

Mostrar/Esconder texto associado

“Se fosse pouco...”

Esse segmento inicial do quarto parágrafo poderia ser reescrito, mantendo-se o seu sentido original, da seguinte forma:

  • a)
    “Embora fosse pouco...”
  • b)
    “A fim de que fosse pouco...”
  • c)
    “Sem que fosse pouco...”
  • d)
    “Como se ainda fosse pouco...”
  • e)
    “Caso fosse pouco...”

150791 FGV (2014) - SUSAM - Sanitarista / Português

Mostrar/Esconder texto associado

“Cinquenta anos depois, é um tremendo progresso, do qual talvez nem nos damos conta, o fato de que bandeiras vermelhas – ou azuis ou amarelas ou verdes ou brancas ou pretas – podem ser tranquilamente exibidas em atos públicos...”.

O fato citado pelo autor do texto de que bandeiras de várias cores podem ser exibidas em atos públicos mostra

  • a)
    a perda do valor politicamente simbólico das cores.
  • b)
    a formação de uma maior variedade de partidos políticos.
  • c)
    a liberdade da existência de tendências políticas variadas.
  • d)
    o progresso da população brasileira quanto à conscientização política.
  • e)
    o caos político dos tempos atuais, sem distinção ideológica entre partidos.

150792 FGV (2014) - SUSAM - Sanitarista / Saúde Pública

O Sistema de Informação em Saúde que permite calcular a

mortalidade proporcional, segundo a causa do óbito, é o

  • a)

    Sistema de Informações Hospitalares do SUS – SIH/SUS.

  • b)

    Sistema de Informação de Agravos de Notificação.

  • c)

    Sistema de Informação sobre Mortalidade.

  • d)

    Sistema de Informações da Atenção Básica.

  • e)

    Sistema de Informações Ambulatoriais do SUS – SIA/SUS.

150793 FGV (2014) - SUSAM - Sanitarista / Não classificada

A figura a seguir representa as pirâmides etárias dos países

A e B.



Com base na figura, assinale V para a afirmativa verdadeira e F

para a falsa.

( ) A mortalidade infantil é maior no país B, por isso esse país

possui uma menor proporção de crianças na faixa etária de 0

a 4 anos.

( ) O Indicador de Swaroop e Uemura, uado par medir a

mortalidade proporcional com 50 anos ou mais de idade, é

maior no país A.

( ) O perfil epidemiológico do país A possui uma maior

prevalência de doenças infecciosas que o do país B.

As afirmativas são, respectivamente,

  • a)
    F, V e F.
  • b)
    F, V e V.
  • c)
    V, F e F.
  • d)
    V, V e F.
  • e)
    F, F e V.

150794 FGV (2014) - SUSAM - Sanitarista / Não classificada

Com relação à violência intrafamiliar, assinale V para a afirmativa verdadeira e F para a falsa. (   ) Compete às equipes de Saúde da Família conhecer, discutir e buscar a identificação dos fatores de risco na população adscrita, para facilitar a definição de ações a serem desenvolvidas, com a finalidade de intervir preventivamente ou confirmar um diagnóstico, visando a adoção das medidas adequadas às diversas situações de violência intrafamiliar.

(   ) Constitui um fator de risco para violência intrafamiliar, as relações familiares que sejam centradas em papéis e funções rigidamente definidos.

(   ) A presença de idosos com dependência física ou mental na família é um fator de risco para violência intrafamiliar.

As afirmativas são, respectivamente,

  • a)
    F, V e F.
  • b)
    V, V e V.
  • c)
    V, F e F.
  • d)
    V, V e F.
  • e)
    F, F e V.

150795 FGV (2014) - SUSAM - Sanitarista / Não classificada

A observação e a análise permanentes da situação de saúde da população, articulando-se em um conjunto de ações destinadas a controlar determinantes, riscos e danos à saúde de populações que vivem em determinados territórios, garantindo a integralidade da atenção, que inclui tanto a abordagem individual dos problemas de saúde quanto a coletiva, é denominada

  • a)
    Vigilância em Saúde.
  • b)
    Vigilância Ambiental.
  • c)
    Vigilância Sanitária.
  • d)
    Vigilância em Saúde do Trabalhador.
  • e)
    Vigilância de Eventos Adversos.

150796 FGV (2014) - SUSAM - Sanitarista / Não classificada

Com relação aos critérios para o estabelecimento de valores a serem transferidos aos estados, ao Distrito Federal e aos municípios, no âmbito do Sistema Único de Saúde, analise as afirmativas a seguir. I. O desempenho técnico, econômico e financeiro do ente federativo, no período anterior, é um dos critérios utilizados para esta transferência.

II. O perfil epidemiológico da população a ser coberta é um importante critério para a transferência de recursos para que as necessidades de saúde da população sejam priorizadas.

III. A eficiência na arrecadação de impostos é um critério fundamental para demonstrar a competência administrativa do ente federativo que receberá o repasse.

Assinale:

  • a)
    se somente a afirmativa I estiver correta.
  • b)
    se somente a afirmativa II estiver correta.
  • c)
    se somente a afirmativa III estiver correta.
  • d)
    se somente as afirmativas I e II estiverem corretas.
  • e)
    se todas as afirmativas estiverem corretas.

150797 FGV (2014) - SUSAM - Sanitarista / Não classificada

Com relação ao planejamento estratégico e situacional, analise as afirmativas a seguir. I. O método do planejamento estratégico e situacional prevê quatro momentos para o processamento técnico-político dos problemas: explicativo, normativo, estratégico e tático- operacional.

II. O momento explicativo é o momento da seleção e análise dos problemas considerados relevantes para o ator social e sobre os quais este pretende intervir.

III. O planejamento estratégico e situacional é um método de planejamento por problemas e trata, principalmente, de problemas mal estruturados e complexos, para os quais não existe solução normativa ou previamente conhecida.  

Os problemas são sempre abordados em suas múltiplas dimensões - política, econômica, social, cultural etc.

Assinale:

  • a)
    se somente a afirmativa I estiver correta.
  • b)
    se somente a afirmativa II estiver correta.
  • c)
    se somente a afirmativa III estiver correta.
  • d)
    se somente as afirmativas I e II estiverem corretas.
  • e)
    se todas as afirmativas estiverem corretas.

160171 FGV (2014) - SUSAM - Sanitarista / Português

Mostrar/Esconder texto associado

“É bom olhar para trás para verificar que, pelo menos no terreno institucional, o país progrediu bastante desde que chegou ao fim o ciclo militar, há 29 anos. É um dado positivo em uma nação com tão formidável coleção de problemas e atraso em tantas áreas como o Brasil”.

Nesse parágrafo do texto, o autor emite uma série de opiniões pessoais. Entre essas opiniões, aquela que se refere à própria estratégia do texto é

  • a)
    “É bom olhar para trás”.
  • b)
    “o país progrediu bastante”.
  • c)
    “É um dado positivo”.
  • d)
    “formidável coleção de problemas”.
  • e)
    “atraso em tantas áreas”.