36 resultados encontrados para . (0.006 segundos)

00416 FGV (2008) - Senado Federal - Analista de Suporte de Sistemas / Banco de Dados

OLAP complementa o termo OLTP - Online Transaction Processing, encontrado na teoria de bancos de dados e é uma ferramenta de Business Intelligent utilizada para apoiar as empresas na análise de suas informações, visando ao objetivo final de transformar dados em informações capazes de dar suporte às decisões gerenciais de forma amigável e flexível ao usuário e em tempo hábil. No OLAP, as informações são armazenadas em cubos multidimensionais que gravam valores quantitativos e medidas, permitindo visualização por meio de diversos ângulos. Essas medidas são organizadas em categorias descritivas, chamadas de dimensões, e formam a estrutura do cubo. Como a ferramenta OLAP recupera o microcubo, surgiu a necessidade de se criar um módulo que servisse para modificar a posição de uma informação e alterar linhas por colunas, de maneira a facilitar a compreensão dos usuários e girar o cubo sempre que necessário.

Convencionou-se denominar esse módulo de:
  • a)
    Drill Up.
  • b)
    Drill Down.
  • c)
    Drill Through;.
  • d)
    Slice and Dice.
  • e)
    Slice and Query.

05522 FGV (2008) - Senado Federal - Analista de Suporte de Sistemas / Redes de Computadores

Existem modelos de placa-mãe que permitem a utilização de um recurso denominado RAID ("Redundant Array of Independent Disks") para aumentar a segurança e o desempenho na gravação/recuperação de dados em discos rígidos. Focando esse recurso, analise o caso descrito a seguir:



A técnica descrita é conhecida como RAID:
  • a)
    0.
  • b)
    1.
  • c)
    2.
  • d)
    4.
  • e)
    5.

05523 FGV (2008) - Senado Federal - Analista de Suporte de Sistemas / Redes de Computadores

O Windows Server 2003 utiliza um serviço de diretório, denominado Active Directory, que emprega um banco de dados onde ficam armazenados todos os recursos de uma rede e ele os torna acessíveis a todos os usuários e aplicativos dessa rede. Dentre seus componentes, um representa um depósito de informações que armazena um subconjunto dos atributos de todos os objetos existentes no Active Directory, tendo a função de agilizar a realização de queries. Nele existe a informação necessária para que se saiba a localização de qualquer objeto existente no Active Directory. Esse componente é denominado:
  • a)
    Main Library.
  • b)
    Data Schema.
  • c)
    Global Catalog.
  • d)
    Domain Controler.
  • e)
    Organizational Unit.

05524 FGV (2008) - Senado Federal - Analista de Suporte de Sistemas / Redes de Computadores

Microsoft SMS é uma aplicação completa de gerenciamento de sistemas baseados em Windows, que inclui inventário de software e hardware, instalação automatizada de aplicações, análise de uso de aplicações nas estações de trabalho, relatórios gerenciais e acesso remoto, sendo uma ferramenta indispensável para equipes de Helpdesk e gerentes de TI. O SMS disponibiliza diversas ferramentas, com destaque para duas, cujos objetivos são:



Essas ferramentas são conhecidas, respectivamente, como:
  • a)
    CCMSETUP.EXE e SMSMAN.MSI.
  • b)
    CCMSETUP.EXE e CLIENT.MSI.
  • c)
    MSCRIPT.EXE e CLIENT.MSI.
  • d)
    CAPINST.EXE e SMSMAN.MSI.
  • e)
    CAPINST.EXE e CLIENT.MSI.

05525 FGV (2008) - Senado Federal - Analista de Suporte de Sistemas / Redes de Computadores

Um Analista de Suporte de Sistemas instalou no disco C: o Internet Information Server (IIS), que é o servidor de páginas web avançado da plataforma Windows, no Windows XP. Por "default", as pastas para hospedagem de páginas e para FTP criadas, de forma automática, são, respectivamente:
  • a)
    C:/Web/www e C:/Web/ftp.
  • b)
    C:/Web/wwwroot e C:/Web/ftproot.
  • c)
    C:/InetPub/wwroot e C:/InetPub/ftproot.
  • d)
    C:/InetPub/pages e C:/InetPub/files.
  • e)
    C:/InetPub/www e C:/InetPub/FTP.

05526 FGV (2008) - Senado Federal - Analista de Suporte de Sistemas / Redes de Computadores

O Apache é um servidor Web extremamente configurável, robusto e de alta performance desenvolvido com o objetivo de criar um servidor web com características para alto desempenho e com código fonte disponível gratuitamente via Internet. Por padrão, no ambiente Linux seus arquivos de configuração residem no diretório / etc / apache. O Apache disponibiliza uma gama de utilitários, um deles que funciona como um Shell script que faz interface com o Apache de forma mais amigável e outro utilizado para criar / e gerenciar senhas criptografadas Crypto/MD5. Esses utilitários, são, respectivamente:
  • a)
    Apachectl e htdigest.
  • b)
    Apacheshell e htmd5.
  • c)
    Apachescript e htcrypto.
  • d)
    Apachesetup e htpasswd.
  • e)
    Apacheconfig e htmanage.

05527 FGV (2008) - Senado Federal - Analista de Suporte de Sistemas / Redes de Computadores

O protocolo SNMP ("Simple Network Management Protocol") representa a solução adotada na Internet para permitir que gerentes de redes possam localizar e corrigir problemas. Nesse contexto, a seguir são apresentados os objetivos de duas modalidades de gerência.

G1 - permitir a preparação, a inicialização, a partida, a operação contínua e a posterior suspensão dos serviços de interconexão entre sistemas abertos, com a função de manutenção e monitoração da estrutura física e lógica de uma rede, incluindo a verificação da existência dos componentes e da interconectividade entre esses componentes;
G2 - monitorar os estados dos recursos, da manutenção de cada um dos objetos gerenciados, e pelas decisões que devem ser tomadas para restabelecer as unidades do sistema que venham a dar problemas.

As modalidades de gerência descritos em G1 e G2 são, respectivamente, denominadas gerência de:
  • a)
    configuração e mudanças.
  • b)
    capacidade e desempenho.
  • c)
    capacidade e falhas.
  • d)
    capacidade e mudanças.
  • e)
    configuração e falhas.

05528 FGV (2008) - Senado Federal - Analista de Suporte de Sistemas / Redes de Computadores

No funcionamento do protocolo SNMP ("Simple Network Management Protocol") existem duas operações básicas e suas derivações, a saber:

OP1 - utilizada para ler o valor da variável; o gerente solicita que o agente obtenha o valor da variável;
OP2 - utilizada para comunicar um evento; o agente comunica ao gerente o acontecimento de um evento, previamente determinado.

As operações OP1 e OP2 são, respectivamente, conhecidas por:
  • a)
    PUT e TRAP.
  • b)
    GET e TRAP.
  • c)
    SET e TRAP.
  • d)
    GET e LINK.
  • e)
    PUT e LINK.

05529 FGV (2008) - Senado Federal - Analista de Suporte de Sistemas / Redes de Computadores

O protocolo SNMP ("Simple Network Management Protocol") faz parte da pilha TCP/IP e é utilizado para obter informações de servidores SNMP. No seu funcionamento, utiliza o conceito de MIB ("Management Information Base"), definido pelo RFC1066 como o conjunto de objetos gerenciados que procura abranger todas as informações necessárias para a gerência da rede. Resultante da evolução, a RFC 1213 definiu três tipos de MIBs que fornecem informações:

T1 - gerais de gerenciamento sobre um determinado equipamento gerenciado, como número de pacotes transmitidos e estado da interface;
T2 - específicas sobre as tecnologias dos meios de transmissão e equipamentos empregados;
T3 - específicas dos equipamentos empregados, como configuração, colisões, sendo também possível reinicializar ou desabilitar uma ou mais portas do roteador.

As MIBs dos tipos T1, T2 e T3 são, respectivamente, dos seguintes tipos:
  • a)
    principal, experimental e operacional.
  • b)
    II, tecnológica e privada.
  • c)
    principal, tecnológica e operacional.
  • d)
    II, experimental e privada.
  • e)
    principal, experimental e privada.

05530 FGV (2008) - Senado Federal - Analista de Suporte de Sistemas / Redes de Computadores

O X.500 é um serviço de diretório universal de forma hierárquica, capaz de suportar grandes quantidades de informação e com enorme capacidade de procura de informação e que tem por objetivo definir a ligação entre serviços de diretórios locais para formar um diretório global distribuído. Esse serviço especifica que a comunicação entre o cliente e o servidor do diretório usa o LDAP ("Lightweight Directory Access Protocol"), executado sobre a pilha de protocolos TCP/IP. O LDAP, por sua vez, é composto por vários modelos, sendo um dos mais importantes o de segurança. Esse modelo utiliza:



Esses métodos são conhecidos, respectivamente, por:
  • a)
    SSL - Secure Sockets Layer e TLS - Transport Layer Security.
  • b)
    TLS - Transport Layer Security e SASL - Simple Authentication and Security Layer.
  • c)
    RADIUS - Remote Authentication Dial-In User Service e SSL - Secure Sockets Layer.
  • d)
    SASL - Simple Authentication and Security Layer e PAM - Pluggable Authentication Modules.
  • e)
    PAM - Pluggable Authentication Modules e RADIUS - Remote Authentication Dial-In User Service.