20 resultados encontrados para . (0.016 segundos)

74213 FCM (2016) - IF Sudeste - MG - Auditor / Auditoria

O Centro Mineiro de Hidrologia está passando por processo de

auditoria do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais. Após

realizar os procedimentos de auditoria, conforme o programa

elaborado, o auditor responsável identificou que o saldo de Intangível

da entidade inclui valor de gastos com pesquisa em desenvolvimento

para avaliação do impacto na bacia hidrográfica

do Rio Doce equivalente a $ 25.000



Analise as afirmativas sobre o Centro Mineiro de Hidrologia.

I- O auditor deve abster-se de opinar sobre as demonstrações

contábeis da entidade.

II- O auditor deve emitir opinião sem ressalvas, pois os gastos

com pesquisa estão adequadamente reconhecidos e evidenciados.

III- O auditor deverá solicitar a reclassificação dos gastos com

pesquisa para o resultado da entidade, pois as normas internacionais

vedam o procedimento adotado.

IV- O auditor deverá solicitar o reconhecimento de perdas por

não Recuperabilidade dos ativos em função de a norma vedar

o reconhecimento no intangível de gastos com pesquisas.

V- O auditor deverá solicitar a contabilização de crédito de

$ 25.000 na conta de intangível e o débito no resultado do

exercício, em valor equivalente.

Estão corretas as afirmativas

  • a)
    II e V.
  • b)
    III e V.
  • c)
    I, II e III.
  • d)
    II, III e IV.
  • e)
    I, II, III e IV.

74214 FCM (2016) - IF Sudeste - MG - Auditor / Auditoria

A Farmig – Fábrica de Medicamentos do Estado de Minas Gerais,

em processo de auditoria das demonstrações contábeis, após indícios

de perdas por Irrecuperabilidade dos ativos imobilizados,

nos exercícios findos em X0 e x1, apresentou aos auditores as

seguintes informações:



Após os processos de conciliação e de reexecução dos lançamentos,

realizados nas contas de imobilizado da entidade, o auditor

deveria recomendar

  • a)
    o reconhecimento de aumento do ativo imobilizado no valor de $ 1,0 milhão de reais no ano de X1.
  • b)
    o reconhecimento de aumento do ativo imobilizado no valor de $ 1,5 milhões de reais no ano de X1.
  • c)
    o reconhecimento de perdas por irrecuperabilidade dos ativos no valor de $ 500 mil reais, no exercício de X0, com a respectiva reversão no exercício de X1
  • d)
    manter os ativos pelos valores apresentados em decorrência de não se observarem alterações nos valores de mercado e de uso nos exercícios de X0 e X1.
  • e)
    o reconhecimento de perdas por irrecuperabilidade dos ativos no valor de $ 1 milhão de reais no exercício de X0, com a respectiva reversão no exercício de X1

74215 FCM (2016) - IF Sudeste - MG - Auditor / Contabilidade Pública

A LRF – Lei de Responsabilidade Fiscal estabelece o controle contábil, segregado das diversas entidades da administração pública, devendo-se criar unidades descentralizadas, nos seguintes casos:

I- Em atendimento à exigência de prestação de contas ou ao controle social da entidade.

II- Consolidação das entidades do setor público em atendimento às exigências legais ou às necessidades gerenciais do gestor.

III- Consolidação de unidades contábeis descentralizadas com a finalidade de apresentar o desempenho conjunto dos órgãos da administração pública.

IV- Em atendimento à exigência de representante do legislativo que demande controlar subjetivamente a unidade da administração pública sobre a qual tem interesse.

São corretas as afirmativas

  • a)
    I e II.
  • b)
    III e IV.
  • c)
    I, II e III.
  • d)
    I, II e IV.
  • e)
    II, III e IV

79942 FCM (2016) - IF Sudeste - MG - Auditor / Auditoria

O objetivo do auditor é verificar sobre a adequação das demonstrações contábeis, emitindo uma opinião fundamentada em evidências coletadas ao longo da execução do trabalho. Para a obtenção das evidências que possibilitem a adequada opinião, o auditor poderá utilizar os seguintes procedimentos:

  • a)
    Confirmação, recálculo, reexecução e inclusão.
  • b)
    Observação, confirmação, recálculo e exclusão.
  • c)
    Inspeção, observação, reconsideração e reexecução.
  • d)
    Inspeção, observação, reexecução e procedimentos analíticos.
  • e)
    Inspeção, observação, confirmação e reprocessamento integral.

79943 FCM (2016) - IF Sudeste - MG - Auditor / Auditoria

Os auditores do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais,

realizando trabalho de auditoria das Demonstrações Contábeis

do exercício findo em 31 de Dezembro de 2015, analisaram o

papel de trabalho para a Consolidação das Demonstrações de

duas entidades da área de Tecnologia em Combustíveis Sustentáveis

em que a Controlada é subsidiária integral da entidade

Controladora. Observou-se, a partir de entrevista ao Contador

da entidade controladora, responsável pela elaboração do papel

de trabalho, que não havia saldo nos estoques de mercadorias/

insumos, comercializados entre ambas



Após a realização dos testes substantivos, o auditor identificou

que

I- o saldo a ser eliminado no Passivo é de $ 1.050

II- o saldo consolidado do Passivo mais PL é de $ 34.200

III-o total de eliminações no Ativo na controladora é de $ 2.050

IV-o saldo total de ajustes a serem realizados no Ativo é $ 5.100

V- as eliminações realizadas pelo contador responsável estavam

incompletas.

Estão corretas as afirmativas

  • a)
    I, II e III.
  • b)
    I, IV e V.
  • c)
    II, III e V.
  • d)
    II, III e IV.
  • e)
    III, IV e V.

79944 FCM (2016) - IF Sudeste - MG - Auditor / Auditoria

O Centro de Estudos Socioeconômicos inaugurou em maio/2016 o Laboratório de Análise Socioeconômica do Norte Mineiro. O laboratório conta com equipamentos de processamento de dados de alta performance e com funcionamento 24h e será utilizado por pesquisadores das áreas de Economia, Contabilidade, Administração e Sociologia. Os equipamentos custaram $ 5 milhões de reais, sendo que foram gastos mais $ 500 mil reais em consultoria especializada para a montagem e colocação dos equipamentos em funcionamento. Sabe-se ainda que os equipamentos serão pagos em parcelas de $ 100.000 ao longo de 60 meses. Considerando ainda que a taxa de depreciação por quotas constantes é de 20%, o valor reconhecido no Ativo Imobilizado da entidade e a depreciação a ser reconhecida no 1º ano são, respectivamente,

  • a)
    $ 5 milhões no imobilizado e 1,1 milhões em depreciação.
  • b)
    $ 5 milhões no imobilizado e $ 1,0 milhão em depreciação.
  • c)
    $ 5,5 milhões no imobilizado e 1,0 milhão em depreciação.
  • d)
    $ 5,5 milhões no imobilizado e 1,1 milhões em depreciação.
  • e)
    $ 6 milhões no imobilizado e $ 1,2 milhões em depreciação.

79945 FCM (2016) - IF Sudeste - MG - Auditor / Contabilidade Pública

As Normas Internacionais de Contabilidade Aplicadas às Entidades Públicas estabelecem que as demonstrações obrigatórias a serem divulgadas são

  • a)
    Balanço Patrimonial; Balanço Orçamentário, Balanço Financeiro e Balanço de Compensação, devidamente acompanhadas pelas notas explicativas.
  • b)
    Balanço Patrimonial, Balanço Orçamentário, Demonstração dos Fluxos de Caixa e Demonstração do Valor Adicionado, devidamente acompanhadas das Notas Explicativas.
  • c)
    Balanço Patrimonial; Balanço Orçamentário; Balanço Financeiro; Demonstração das Variações Patrimoniais e Demonstração dos Fluxos de Caixa, devidamente acompanhadas pelas notas explicativas.
  • d)
    Balanço Patrimonial, Demonstração do Resultado do Exercício, Demonstração dos Fluxos de Caixa, Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido e Demonstração do Valor Adicionado, devidamente acompanhadas pelas notas explicativas.
  • e)
    Balanço Patrimonial, Balanço de Compensação, Demonstração do Resultado do Exercício, Demonstração dos Fluxos de Caixa, Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido e Demonstração do Valor Adicionado, devidamente acompanhadas pelas notas explicativas.

88827 FCM (2016) - IF Sudeste - MG - Auditor / Auditoria

Relacione as características dos relatórios de auditoria com os

respectivos tipos.



A sequência correta é

  • a)
    1, 2, 3, 4.
  • b)
    1, 2, 4, 3.
  • c)
    2, 4, 1, 3.
  • d)
    4, 2, 3, 1.
  • e)
    4, 3, 2, 1.

88828 FCM (2016) - IF Sudeste - MG - Auditor / Contabilidade Pública

Sobre as Normas de Contabilidade Aplicadas às Entidades Públicas, NÃO se pode afirmar que

  • a)
    são essenciais para a implementação de dispositivos da LRF e da Lei 4.320/1964.
  • b)
    estabelecem que o registro contábil obedecerá ao Regime Misto para reconhecimento dos eventos econômicos, administrativos e financeiros.
  • c)
    instituíram o sistema de informações de custos e outras normas de controle que melhoram a qualidade das informações a serem divulgadas pelas entidades.
  • d)
    estabelecem que o registro contábil obedecerá ao Regime de Competência Integral para reconhecimento dos eventos econômicos, administrativos e financeiros.
  • e)
    a primazia da essência sobre a forma, aplicação do valor justo para a mensuração de elementos patrimoniais e a fidedignidade são elementos essenciais na aplicação das Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas às Entidades Públicas.

88829 FCM (2016) - IF Sudeste - MG - Auditor / Auditoria

Sobre a Responsabilidade do Auditor, marque (V ) para verdadeiro ou (F ) para falso.

( )O auditor é responsável pela elaboração de um programa de auditoria que detecta fraudes ou erros materiais que possam afetar o patrimônio da entidade auditada.

( )O auditor é responsável por manter um ceticismo profissional que o possibilite, no exercício de suas atividades, identificar, inclusive, fraudes ocorridas na entidade auditada.

( )O auditor deve fazer indagações à administração e a outros responsáveis pela entidade, de forma apropriada, para determinar se têm conhecimentos de ocorrência, indícios ou suspeitas de fraudes que afetem a entidade.

( )O auditor tem como objetivos identificar e avaliar os riscos de fraude; obter evidências suficientes sobre riscos identificados de distorção, decorrente de fraude, e responder adequadamente face a fraude ou a suspeita de fraude.

( ) O risco de o auditor identificar uma fraude, realizada pela alta administração da entidade auditada, é maior do que o de identificar uma fraude realizada por um funcionário, em decorrência do poder de manipulação, da omissão dos registros contábeis e/ou controles internos.

A sequência correta é

  • a)
    F, V, V, V, F.
  • b)
    V, F, V, F, F.
  • c)
    F, F, V, V, F.
  • d)
    V, V, F, F, V.
  • e)
    F, V, F, V, V