40 resultados encontrados para . (0.008 segundos)

52086 FCC (2017) - TRE-PR - Técnico Judiciário - Enfermagem / Enfermagem

O rodízio nos pontos de aplicação é fator decisivo para o tratamento seguro e eficaz com insulina subcutânea, prevenindo as lipodistrofias e o descontrole glicêmico. Considerando as recomendações da Sociedade Brasileira de Diabetes com relação ao esquema de rodízio do local da aplicação da insulina, o profissional de enfermagem deve orientar o paciente e seus familiares, dentre outras, que

I. é necessário dividir cada região recomendada para aplicação em pequenos quadrantes. As aplicações, nesses quadrantes, devem ser espaçadas em pelo menos 1 cm entre eles, e seguir em sentido horário a cada aplicação.

II. para mais de duas aplicações ao dia, uma única região poderá ser usada, sem haver a necessidade de alternar os quadrantes de aplicação no mesmo dia.

III. para múltiplas aplicações, recomenda-se fixar uma região para cada horário, alternar entre os quadrantes da mesma região, usar os lados direito e esquerdo dos locais indicados para aplicação.

IV. é recomendado evitar o mesmo ponto de aplicação durante 14 dias.

Está correto o que se afirma APENAS em

  • a)
    I, II e IV.
  • b)
    I, III e IV.
  • c)
    II e III.
  • d)
    I e III.
  • e)
    IV.

52090 FCC (2017) - TRE-PR - Técnico Judiciário - Enfermagem / Enfermagem

Durante a assistência de enfermagem a um paciente adulto recebendo terapia anticoagulante preventiva com heparina de baixo peso molecular por via subcutânea, alguns cuidados devem ser observados. Dentre eles,

  • a)
    manter o mesmo local da aplicação até aparecer os primeiros sinais flogísticos ou hematomas.
  • b)
    alternar o local da injeção a cada três aplicações.
  • c)
    introduzir a agulha em ângulo de 30ºC em metade do seu comprimento.
  • d)
    injetar o conteúdo rapidamente e massagear, em seguida, o local de aplicação.
  • e)
    considerar que o local ideal para a administração do medicamento é o tecido celular subcutâneo do abdômen.

52091 FCC (2017) - TRE-PR - Técnico Judiciário - Enfermagem / Enfermagem

Antes da criação do Sistema Único de Saúde, em 1988, a assistência médica era entendida como um benefício ao qual tinham direito

  • a)
    trabalhadores com carteira assinada ou não, que contribuíam para o Sindicato da categoria.
  • b)
    todo cidadão brasileiro, independente da condição social, cor, etnia ou religião.
  • c)
    todo cidadão brasileiro, com exceção estrangeiros naturalizados a menos de um ano.
  • d)
    trabalhadores com carteira assinada, independente da contribuição à Previdência.
  • e)
    trabalhadores que contribuíam para a Previdência Social e seus dependentes.

52092 FCC (2017) - TRE-PR - Técnico Judiciário - Enfermagem / Enfermagem

Uma paciente em tratamento ambulatorial há um ano por transtorno alimentar, relatou à equipe de saúde que nos últimos 3 meses tem apresentado episódios de autoindução de vômito e uso indevido de laxantes e diuréticos. Este quadro se caracteriza por um tipo de compulsão alimentar

  • a)
    restritiva.
  • b)
    expulsiva.
  • c)
    negativa.
  • d)
    purgativa.
  • e)
    limitante.

52093 FCC (2017) - TRE-PR - Técnico Judiciário - Enfermagem / Enfermagem

É prescrito pelo médico a administração de 300 mg de um medicamento e 1 g desse medicamento está diluído em 9 mL. Para atender a prescrição médica, deve-se administrar no paciente

  • a)
    2,7 mL.
  • b)
    3 mL.
  • c)
    2,3 mL.
  • d)
    3,2 mL.
  • e)
    3,7 mL.

52095 FCC (2017) - TRE-PR - Técnico Judiciário - Enfermagem / Enfermagem

Ao técnico de enfermagem, observadas as disposições legais da profissão, compete a realização de atividades prescritas pelo enfermeiro no planejamento da assistência. Uma delas é

  • a)
    realizar a punção intraóssea para a infusão de medicamentos nos pacientes com difícil acesso venoso.
  • b)
    controlar o gotejamento entre 20 a 21 gotas/minuto para infundir SG 5% 500 mL em 8 horas.
  • c)
    implantar cateter semi-implantável ou de curta permanência em veia profunda para administrar fluídos por venóclise.
  • d)
    aquecer o sangue no equipamento de banho-maria para que o produto seja administrado em temperatura ambiente.
  • e)
    quando o nível do umidificador ligado ao cateter nasal estiver baixo, acrescentar água ao volume restante até o nível indicado.

52103 FCC (2017) - TRE-PR - Técnico Judiciário - Enfermagem / Enfermagem

Durante o exercício laboral, os profissionais de enfermagem travestis e transexuais devem saber que a Resolução do Conselho Federal de Enfermagem − COFEN nº 537/2017 dispõe, dentre outros, sobre a

  • a)
    possibilidade de uso do nome social seguido da sua inscrição junto ao Conselho Regional de Enfermagem − COREN.
  • b)
    obrigatoriedade do uso do nome registrado pelos pais em cartório, após o seu nascimento, e constante no registro profissional.
  • c)
    necessidade da apresentação de documento judicial determinando que o Conselho Regional de Enfermagem − COREN permite que o profissional utilize o seu nome social.
  • d)
    necessidade de aguardar a emissão de pareceres técnicos pela Câmara Técnica do COFEN, no prazo de 12 meses contado a partir de 21/03/2017.
  • e)
    obrigatoriedade de cada Conselho Regional de Enfermagem − COREN emitir parecer técnico sobre o assunto, respeitando-se os valores culturais e as legislações estaduais.

52116 FCC (2017) - TRE-PR - Técnico Judiciário - Enfermagem / Enfermagem

A intoxicação digitálica é um evento adverso que pode ocorrer nos pacientes medicados diariamente com

  • a)
    antifiséticos que contem substâncias neurotóxicas.
  • b)
    anti-hipertensivos do grupo do propranolol, por agir sobre a musculatura lisa das artérias de grosso calibre.
  • c)
    vasodilatador coronariano administrado por via sublingual, por ter ação rápida nas arteríolas.
  • d)
    diurético osmótico que tem como característica farmacológica a toxidade cardíaca.
  • e)
    cardiotônicos que são fármacos que aumentam a força de contração miocárdica.

52117 FCC (2017) - TRE-PR - Técnico Judiciário - Enfermagem / Enfermagem

O processo de uso e descarte dos produtos químicos, radiológicos, biológicos e seus subprodutos, consumidos pelas instituições de saúde são de responsabilidade da instituição e do profissional de saúde que os manipula. Essa responsabilidade consiste em adotar medidas de

  • a)
    Fluidificação residual.
  • b)
    Biovigilância.
  • c)
    Biossegurança.
  • d)
    Biorreciclagem.
  • e)
    Redução de custo.

56729 FCC (2017) - TRE-PR - Técnico Judiciário - Enfermagem / Enfermagem

Os materiais em unidades de saúde usualmente são classificados segundo a duração, sendo agrupados em materiais de consumo e permanente. Os materiais permanentes são aqueles que

  • a)
    são estocáveis e com o uso acabam perdendo suas propriedades em um período menor de 1 ano.
  • b)
    necessitam de reposição rápida, pois o consumo destes itens é muito elevado.
  • c)
    são estocáveis e apresentam um tempo de vida útil, no mínimo, de 15 anos.
  • d)
    são de alta rotatividade, não sendo necessário a realização de inventário periódico.
  • e)
    permitem uma estocagem temporária, transitória, apresentando um tempo de vida útil igual ou superior a 2 anos.