241 resultados encontrados para . (0.009 segundos)

171664 FCC (2013) - SEFAZ-SP - Agente Fiscal de Rendas - Tecnologia da Informação / Direito Tributário

É uma das limitações constitucionais do poder de tributar:

  • a)
    A imunidade recíproca entre os Entes da Federação - União, Estados, Distrito Federal e Municípios que garante a isonomia na distribuição de receitas tributárias.
  • b)
    A imunidade aos impostos que gravem o patrimônio, a renda ou os serviços das entidades de assistência social, sem fins lucrativos, desde que não distribuam qualquer parcela do seu patrimônio ou de suas rendas, a qualquer título.
  • c)
    O princípio da anualidade, vigente na atual ordem constitucional, que impõe a necessidade, para a cobrança de determinado tributo, de sua previsão na lei orçamentária aprovada na legislatura no ano calendário anterior, salvo as exceções constitucionalmente previstas.
  • d)
    A legalidade tributária estrita, incluída na Constituição Federal de 1988 pela Emenda Constitucional 42, de 19 de dezembro de 2003.
  • e)
    A imunidade aos impostos, taxas e contribuições de melhoria dos templos de qualquer culto.

206960 FCC (2013) - SEFAZ-SP - Agente Fiscal de Rendas - Tecnologia da Informação / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Preservado o contexto, está correta a seguinte compreensão de segmento do texto:

  • a)
    moldura para os debates / arremate das altercações.
  • b)
    argumentos sibilinos / provas irrefutáveis.
  • c)
    recebeu novo alento / foi agraciado com mais um importante reconhecimento.
  • d)
    fosse de encontro às suas convicções mais íntimas / corroborasse suas crenças basilares.
  • e)
    raivoso e empedernido / colérico e renitente.

206961 FCC (2013) - SEFAZ-SP - Agente Fiscal de Rendas - Tecnologia da Informação / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Acerca de verbos encontrados no texto é correto afirmar, tomando como parâmetro o padrão culto escrito:

  • a)
    "prever" - está adequadamente empregado na frase "Quando os analistas preverem baixa dos juros, os empréstimos aumentarão".
  • b)
    "atribuir" - está corretamente grafado na frase "Ela sempre atribuia ao auxiliar os equívocos nos documentos".
  • c)
    "afligir" - a única forma de particípio aceitável é "aflito", pois "afligido" é forma incorreta.
  • d)
    "submeter" - tem duplo particípio.
  • e)
    "abater" - está adequadamente empregado na frase "Se eles abativessem pelo menos 10% do valor total, eu pagaria à vista".

206962 FCC (2013) - SEFAZ-SP - Agente Fiscal de Rendas - Tecnologia da Informação / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Afirma-se com correção:

  • a)
    (linha 1) em No tempo de Lavinia Fontana, na efervescência da Bolonha do século XVI, a unidade destacada reduz a amplitude temporal referida na unidade anterior.
  • b)
    (linhas 1 e 2) a caracterização de pintura, por segmentos introduzidos pela forma verbal fosse, exprime as condições que determinariam a intenção da obra de ser lida.
  • c)
    (linhas 6 e 7) na frase iniciada por Pois, o paralelismo é instaurado pela correlação entre aquilo e pinturas.
  • d)
    (linha 7) o específico contexto do segmento as pinturas tornam presente para os iletrados, para aqueles que só percebem visualmente evidencia que a vírgula equivale à conjunção e.
  • e)
    (linha 9) a analogia estabelecida por meio da expressão de certa maneira baseia-se na compreensão de ler como "ter acesso a informação através do código linguístico".

206963 FCC (2013) - SEFAZ-SP - Agente Fiscal de Rendas - Tecnologia da Informação / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Acerca da segunda sequência da entrevista, é correto afirmar:

  • a)
    A expressão Aí é que está poderia ser substituída por “Pois é” ou “Isso mesmo”, já que as três formulações têm o mesmo significado.
  • b)
    Na linha 17, a introdução de uma vírgula após a palavra recente tornaria mais evidente o sentido explicativo do fragmento que a sucede.
  • c)
    O deslocamento de Por que para o final da pergunta implicaria que, para adequação às normas ortográficas vigentes, a expressão fosse grafada assim: “por que”.
  • d)
    A frase que no Banco Mundial tratamos como parte da China antecipa eventual estranhamento em relação a essa concepção, tomada como invulgar.
  • e)
    A palavra mesmo tem sentido idêntico ao notado na frase “Ele mesmo fez a correção do texto”.

206964 FCC (2013) - SEFAZ-SP - Agente Fiscal de Rendas - Tecnologia da Informação / Português

Do ponto de vista da concordância, está correto o seguinte enunciado:

  • a)
    O fôlego da transição depende, já fazem décadas, de estrutura física e mecanismos institucionais que o sustente.
  • b)
    Pode ter havido elevações significativas na base educacional da população, talvez sem a proporção de ciência e engenharia que seria desejável.
  • c)
    É caracterizado como armadilha da média renda a situação em que ocorre um baixo crescimento da produtividade e muito pouca elevação do número de profissionais de alta qualificação exercendo atividades criativas.
  • d)
    O México precisa de leis condizente com os novos contextos mercadológicos, precisa quebrar a rigidez em áreas como petróleo e telecomunicações.
  • e)
    A Argentina está entre os países que parece estarem presos à armadilha do baixo crescimento; a maioria chegaram a desenvolver capacidade tecnológica em algumas poucas áreas.

206965 FCC (2013) - SEFAZ-SP - Agente Fiscal de Rendas - Tecnologia da Informação / Português

Assinale a alternativa que contém enunciado redigido de forma clara e correta.

  • a)
    O avanço das mulheres nas profissões mais técnicas, têm sido muito mais lento e incerto que a conquista da igualdade de direitos entre os sexos.
  • b)
    A manifestação de vontade das adolescentes para trabalhar em profissões ligadas as ciências exatas supera a registrada em vários países mais ricos, como a Alemanha e os Estados Unidos.
  • c)
    Superada a barreira do ascesso, 30% dos alunos da Escola Politécnica da UFRJ é mulher, parcela muito superior as médias na Europa, de 20%, e nos Estados Unidos, de 8%.
  • d)
    O cenário começou a mudar por causa da educação recebida pelas meninas em casa: hoje os pais querem que elas se satisfaçam e alcansem prestígio profissional, seja em qualquer área, e tratam filhos de ambos sexos de forma mais parecida.
  • e)
    Conforme gerações de meninas criadas de forma mais igualitária chegam à escola e ao mercado de trabalho, cresce a participação das mulheres em profissões das áreas de ciências exatas. Matemática Financeira/Estatística

206966 FCC (2013) - SEFAZ-SP - Agente Fiscal de Rendas - Tecnologia da Informação / Matemática Financeira

O dono de uma empresa deseja adquirir um equipamento e tem duas opções, mostradas na tabela abaixo.







Considerando-se a taxa anual de juros compostos de 40% e sendo A1 e A2 os respectivos módulos dos valores atuais das opções 1 e 2, na data de hoje, é verdade que



  • a)
    A1 - A2 = R$ 550,00
  • b)
    A1 - A2 = R$ 566,80
  • c)
    A1 - A2 = R$ 630,00
  • d)
    A2 - A1 = R$ 960,00
  • e)
    as duas opções são equivalentes.

206967 FCC (2013) - SEFAZ-SP - Agente Fiscal de Rendas - Tecnologia da Informação / Português

Mostrar/Esconder texto associado

De acordo com a continuação da reportagem, que não foi fornecida no trecho acima, os cientistas do CENA ainda precisam realizar um teste para verificar a efetividade da técnica descrita. Dentre os fatos abaixo, qual é o único que poderia comprometer essa efetividade, caso fosse verificado?

  • a)

    A radiação afeta as fêmeas do mosquito durante a cópula, podendo torná-las estéreis.

  • b)

    Os exemplares estéreis do mosquito são bem menos competitivos sexualmente do que os outros.

  • c)

    Os mosquitos que sofreram a irradiação passam a voar mais rapidamente que os demais.

  • d)

    A radiação afeta o metabolismo dos mosquitos, que passam a ter um ciclo de vida mais longo.

  • e)

    As fêmeas do mosquito são incapazes de distinguir os mosquitos irradiados dos demais.

206968 FCC (2013) - SEFAZ-SP - Agente Fiscal de Rendas - Tecnologia da Informação / Raciocínio Lógico

Observe os dados de uma pesquisa realizada para verificar a existência ou não de alguma relação entre o estado civil de um homem (casado ou solteiro) e sua tendência para o consumo de doces. No universo do Gráfico 1, os homens solteiros e casados foram escolhidos aletoriamente na população, ao passo que o universo do Gráfico 2 é um subconjunto do universo do primeiro.









Os gráficos mostram que

  • a)

    não existe qualquer relação entre o estado civil de um homem e sua tendência para o consumo de doces.

  • b)

    o estado civil de um homem e sua tendência para o consumo de doces estão correlacionados, mas não existe relação causal entre eles.

  • c)

    o estado civil de um homem e sua tendência para o consumo de doces têm uma relação causal: o casamento causa redução na tendência ao consumo de doces.

  • d)

    o estado civil de um homem e sua tendência para o consumo de doces têm uma relação causal: a redução no consumo de doces causa uma maior tendência ao casamento.

  • e)

    o processo de coleta de informações foi inadequado, pois os Gráficos 1 e 2 apresentam dados contraditórios entre si.