3 resultados encontrados para . (0.008 segundos)

117991 FCC (2007) - Prefeitura de São Paulo - SP - Auditor Fiscal do Município / Direito Administrativo

É adequada a invocação do poder de polícia para justificar que um agente administrativo

  • a)
    prenda em flagrante um criminoso.
  • b)
    aplique uma sanção disciplinar a um servidor subordinado seu.
  • c)
    determine a interdição de um estabelecimento que viole normas sanitárias.
  • d)
    agrida alguém, agindo em legítima defesa.
  • e)
    envie ao Ministério Público a notícia do cometimento de uma infração por um cidadão.

177478 FCC (2007) - Prefeitura de São Paulo - SP - Auditor Fiscal do Município / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Expressa uma finalidade a oração subordinada adverbial sublinhado em:

  • a)
    (...) a religião toma para si a tarefa de orientar a conduta humana.
  • b)
    (...) o sujeito pode tirar proveito pessoal de uma regra por tê-la infringido.
  • c)
    (...) o ponto de partida para a boa conduta é o reconhecimento daquilo que não pode ser permitido.
  • d)
    (...) as regras de convívio existem para dar base e estabilidade às relações entre os homens.
  • e)
    (...) o ideal da civilização é permitir que todos os indivíduos vivam sob os mesmos princípios éticos acordados.

188461 FCC (2007) - Prefeitura de São Paulo - SP - Auditor Fiscal do Município / Português

Mostrar/Esconder texto associado

NÃO se justificam as ocorrências do sinal de crase em:

  • a)

    Não me reporto à impunidade de um caso particular, mas àquela que se generaliza e dissemina a descrença na justiça dos homens.

  • b)

    É difícil admitir que vivem à solta tantos delinqüentes, sobretudo quando se sabe que pessoas inocentes são levadas à barra dos tribunais.

  • c)

    O autor do texto faz menção à uma série de princípios de interdição, à qual teria proveniência na vontade divina.

  • d)

    Assiste-se hoje à multiplicação de casos de impunidade, à descabida proliferação de maus exemplos de conduta social.

  • e)

    Quem dá crédito à ação da justiça não pode deixar de trabalhar para que não se furtem às sanções os mais poderosos.