16 resultados encontrados para . (0.013 segundos)

72883 FAUEL (2016) - CISMEPAR - PR - Educador Físico / Educação Física

Com relação às regiões corporais, o nosso corpo é dividido tradicionalmente em cabeça, pescoço, tronco e membros. Nesse sentido, ao realizar um exercício para o membro superior, em que o movimento articular envolvido é a extensão do cotovelo, tem-se como músculo agonista dessa ação:

  • a)
    o bíceps braquial.
  • b)
    o deltoide.
  • c)
    o braquioradial.
  • d)
    o tríceps braquial.

72884 FAUEL (2016) - CISMEPAR - PR - Educador Físico / Educação Física

O músculo esquelético é um dos três tipos de músculos do corpo humano e suas fibras estriadas são compostas por diversas miofibrilas, as quais comportam proteínas em forma de filamentos finos e grossos de actina e miosina. Estes filamentos são os principais agentes durante uma contração muscular. No entanto, o músculo esquelético estriado possui contração voluntária, que ocorre a partir de um estimulo intencional. Desse modo, a contração se inicia:

  • a)
    numa célula nervosa chamada motoneurônio, que se estende até o músculo e se ramifica, ligandose firmemente ao sarcolema de uma fibra muscular.
  • b)
    na abertura de canais de cálcio que permitem o fluxo de íons para dentro das fibras musculares, desencadeando um potencial de ação que faz com que o retículo sarcoplasmático libere uma grande quantidade de íons cálcio.
  • c)
    quando os íons cálcio provocam forte interação ntre os filamentos actina e miosina, fazendo com que deslizem entre si, constituindo uma contraçãomuscular.
  • d)
    quando os íons cálcio retornam para o retículo sarcoplasmático.

79099 FAUEL (2016) - CISMEPAR - PR - Educador Físico / Educação Física

Os princípios da prescrição do exercício

preconizados pelo Colégio Americano de Medicina

do Esporte servem de base para a prescrição

de exercícios nas mais diversas condições e se

embasam em evidencias cientificas, conferindo

segurança aos programas de exercícios. Embora

pareçam existir poucas dúvidas quanto à melhora

na qualidade de vida e, sobretudo, na condição

de saúde alcançada através de um programa

de condicionamento físico, esses benefícios

dependem de uma prescrição de exercício

adequada e a intensidade do exercício parece ter

um papel de destaque no resultado final alcançado.

Sendo assim, sobre a intensidade do exercício, é

INCORRETO afirmar que:

  • a)

    o exercício físico com uma intensidade pelo menos moderada (40-60% da VO2 reserva que consegue elevar de forma perceptível a FC - Frequência Cardíaca e a respiração) é recomendada como intensidade mínima de exercícios para adultos capaz de proporcionar benefícios a saúde.

  • b)

    vários métodos são usados para quantificar a intensidade do exercício, incluindo a Frequência Cardíaca de Reserva (FCR), o VO2 Reserva, a taxa de esforço percebido, o percentual de FC máxima,MET (Equivalentes Metabólicos), entre outros.

  • c)

    a FC de reserva e o VO2R refletem no ritmo de dispêndio de energia durante a atividade física com menor exatidão do que outros métodos de prescrição da intensidade do exercício.

  • d)

    uma combinação de exercício de intensidade moderada e vigorosa (=60% da VO2R), que possa resultar em aumentos substanciais na FC e na respiração) é ideal para a obtenção de aprimoramentos na saúde na maioria dos adultos.

81314 FAUEL (2016) - CISMEPAR - PR - Educador Físico / Educação Física

Ao orientar um exercício, o profissional de Educação Física deve ter conhecimento dos termos específicos utilizados na descrição de determinado movimento. Assim, a partir da posição anatômica, definem-se os movimentos que acontecem nos segmentos corporais, levando-se em consideração os planos e eixos imaginários que são estabelecidos com base nesta posição. Nesse sentido, é correto afirmar que:

  • a)
    O plano sagital é a linha imaginária que corta nosso corpo, dividindo-o em lado esquerdo e lado direito. Este plano tem como eixo perpendicular o eixo transversal que permite que os movimentos de flexão e extensão aconteçam.
  • b)
    O plano frontal é a linha imaginária que atravessa nosso corpo, dividindo-o em anterior e posterior. Este plano tem como eixo perpendicular o eixo anteroposterior que permite os movimentos de flexão e extensão aconteçam.
  • c)
    O plano frontal é a linha imaginária que corta nosso corpo, dividindo-o em lado esquerdo e lado direito. Tem como eixo perpendicular o eixo anteroposterior que permite que os movimentos de abdução e adução aconteçam.
  • d)
    O plano horizontal é a linha imaginária que atravessa nosso corpo, dividindo-o em superior e inferior. Este plano tem como eixo perpendicular o eixo anteroposterior que permite que os movimentos de rotação aconteçam

86623 FAUEL (2016) - CISMEPAR - PR - Educador Físico / Educação Física

A composição corporal representa a proporção

entre os diferentes componentes corporais e a

massa corporal total. O peso corporal isolado não

pode ser considerado um bom parâmetro para a

identificação do excesso ou déficit de peso corporal.

Nesse sentido, uma avaliação da composição

corporal tem por objetivo quantificar os diferentes

compartimentos corporais, em uma divisão que

varia de acordo com diferentes abordagens. Assim

existem métodos considerados diretos, indiretos e

duplamente indiretos, que podem ser utilizados na

avaliação da composição corporal. Sobre esses

métodos, é INCORRETO afirmar que:

  • a)

    os métodos duplamente indiretos envolvem aqueles procedimentos que surgem a partir dos métodos indiretos, que se encontram devidamente validados e tem baixo custo de aplicação.

  • b)

    as medidas antropométricas, bem como as dobras cutâneas, são medidas utilizadas para avaliação da composição corporal e contemplam medidas mais simples que fazem parte dos métodos duplamente indiretos.

  • c)

    os métodos indiretos são aqueles que obtêm suas informações através de variáveis de domínio físico e químico, que servem para estimar os componentes da composição corporal mediante o envolvimento de pressupostos biológicos.

  • d)

    excreção creatinina, DEXA, tomografia computadorizada, pesagem hidrostática são considerados métodos diretos, que possuem alta precisão, alto custo para realização e complexidade nos protocolos.

86652 FAUEL (2016) - CISMEPAR - PR - Educador Físico / Educação Física

A prescrição do exercício físico envolve um

processo através do qual o estabelecimento de

recomendações para um regime de atividade física

é concebido de forma sistemática e individualizada

(ASCM, 2010). Embora existam características

individuais, há elementos básicos comuns a

todas as prescrições do exercício. Desse modo,

os componentes essenciais de uma prescrição

sistemática e individualizada do exercício incluem:

I.As modalidades apropriadas, a intensidade, a

duração.

II.A frequência, bem como a progressão da

atividade física.

III.Modalidades pré-determinadas, intensidade fixa

e duração variável.

Analise as afirmações acima e escolha a alternativa

correta:

  • a)

    Somente a afirmação I está correta.

  • b)

    Somente a afirmação III está correta.

  • c)

    Somente as afirmações I e II estão corretas.

  • d)

    Somente as afirmações I e III estão corretas.

93958 FAUEL (2016) - CISMEPAR - PR - Educador Físico / Educação Física

Um programa de exercícios físicos deve ser

elaborado preferencialmente de forma a atender

os objetivos da saúde e aptidão física do indivíduo.

Nesse sentido, uma grande variedade de exercícios

é recomendada para melhorar os componentes da

aptidão física para todos os adultos, e referem-se

às capacidades físicas de:

  • a)

    força, flexibilidade, resistência muscular, resistência aeróbia e composição corporal.

  • b)

    força, velocidade, resistência muscular, resistência aeróbia e composição corporal.

  • c)

    força, velocidade, resistência muscular, resistência aeróbia e flexibilidade.

  • d)

    força, flexibilidade, resistência muscular, resistência anaeróbia e equilíbrio.

93959 FAUEL (2016) - CISMEPAR - PR - Educador Físico / Educação Física

O esqueleto humano é formado por um conjunto

de ossos que, além de dar sustentação ao corpo,

protege os órgãos internos, fornece pontos de apoio

para a fixação dos músculos e pode ser dividido em

duas porções: axial e apendicular. Desse modo, a

respeito do esqueleto apendicular, é correto afirmar

que:

  • a)

    no esqueleto apendicular encontramos ossos como fêmur, tíbia e fíbula.

  • b)

    a coluna, formada por trinta e três vértebras, é uma das partes que compõem o esqueleto apendicular.

  • c)

    o crânio é uma das partes do esqueleto apendicular e possui como função principal proteger o encéfalo.

  • d)

    no esqueleto apendicular encontramos ossos como as costelas e esterno.

93962 FAUEL (2016) - CISMEPAR - PR - Educador Físico / Educação Física

Como orientação geral, as crianças saudáveis

devem ser encorajadas a praticar atividade física,

de forma prazerosa, no lazer ou sob a forma de

exercícios físicos programados. Desse modo, sobre

a prescrição do exercício físico para o adolescente,

de acordo com o Colégio Americano de Medicina do

Esporte (2010), é correto afirmar que:

I.A prescrição deve apresentar uma ampla variedade

de atividades que sejam agradáveis e apropriadas

do ponto de vista desenvolvimental para a criança

e o adolescente.

II.As atividades devem acontecer em uma

frequência semanal de 3-4 vezes na semana.

III.As crianças e adolescentes devem exercitar-se

apenas em intensidade leve.

Analise as afirmações abaixo e assinale a alternativa

correta:

  • a)

    Somente a afirmação I está correta

  • b)

    Somente a afirmação II está correta

  • c)

    Somente as afirmações I e II estão corretas

  • d)

    Somente as afirmações I e III estão corretas

95945 FAUEL (2016) - CISMEPAR - PR - Educador Físico / Português

Mostrar/Esconder texto associado

A respeito da construção “artigo indefinido” na frase: “Acharam um artigo indefinido em sua bagagem”, assinale a alternativa correta:

  • a)
    O autor utiliza uma classificação gramatical que se refere ao grupo de palavras “o, a, os, as”, no contexto da narrativa, demonstrando a expressividade das palavras em diferentes contextos.
  • b)
    O autor utiliza uma classificação gramatical que se refere ao grupo de palavras “meu, minha, meus, minhas”, no contexto da narrativa, demonstrando a expressividade das palavras em diferentes contextos.
  • c)
    O autor utiliza uma classificação gramatical quese refere ao grupo de palavras “este, esta, estes, estas”, no contexto da narrativa, demonstrando a expressividade das palavras em diferentes contextos.
  • d)
    O autor utiliza uma classificação gramatical que se refere ao grupo de palavras “um, uma, uns, umas”, no contexto da narrativa, demonstrando a expressividade das palavras em diferentes contextos.