43 resultados encontrados para . (0.008 segundos)

212453 CETRO (2013) - Ministério das Cidades - Contador / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Levando em consideração o terceiro parágrafo do texto e

as orientações da prescrição gramatical no que se refere a

textos escritos na modalidade padrão da Língua

Portuguesa, assinale a alternativa correta.

  • a)

    Em “Lembro da construção já na fase final", há uma construção coloquial do ponto de vista da regência, que pode adequar-se à modalidade padrão escrita com o uso do verbo “lembrar" em sua forma pronominal (Lembro-me da construção).

  • b)

    Em “Era então frágil e curva", o termo destacado assume um valor adverbial, referindo-se à época em que Maria Preta havia, conforme o restante da frase, assumido determinadas características físicas. Assim, uma construção semanticamente equivalente ao trecho seria “Era, desse modo, frágil e curva".

  • c)

    Em “aplicando o mais na realização de seu grande objetivo", o termo destacado é um advérbio de intensidade, equivalendo em sentido ao destacado nesta frase: Passou a trabalhar mais no novo emprego.

  • d)

    Nos trechos: “Ela passava semanalmente pelas casas", “Subia da casa onde morava" e “trazendo com dificuldade nas costas o saco onde punha os retalhos", todas as expressões destacadas expressam a mesma circunstância: a de movimento.

  • e)

    Nos trechos: “a fim de apanhar retalhos de pano" e “que iam alimentar a construção", a substituição dos termos destacados pelo pronome oblíquo teria como resultado as seguintes expressões, adequadas à correção gramatical: “a fim de apanharlhes" e “que lhe iam alimentar".

212454 CETRO (2013) - Ministério das Cidades - Contador / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Levando em consideração o último parágrafo do texto e as

orientações da prescrição gramatical no que se refere a

textos escritos na modalidade padrão da Língua

Portuguesa, assinale a alternativa correta.

  • a)

    Pelo contexto, percebe-se que “consagrada" significa “digna de aclamação", e “vilipendiados" é sinônimo de “esforçados", “persistentes".

  • b)

    No trecho: “souberam não obstante ensinar aos seus senhores (...)", a expressão destacada pode ser substituída por “enfim", sem prejuízo para o sentido original do trecho.

  • c)

    No último período do texto, a conjunção adversativa “mas" pode ser substituída, sem prejuízo para o sentido original do trecho, por “entretanto".

  • d)

    No trecho: “ensinar aos seus senhores o que valem a dedicação e a retidão moral", a prescrição gramatical condena a flexão do verbo destacado no singular.

  • e)

    No último período do texto, acrescentar “nos" como complemento do verbo “legar" (“mas nos legaram qualidades humanas") seria gramaticalmente aceitável e manteria a coerência com o sentido que a frase original assume no contexto.

212455 CETRO (2013) - Ministério das Cidades - Contador / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Levando em consideração os dois últimos parágrafos e as

orientações da prescrição gramatical no que se refere a

textos escritos na modalidade padrão da Língua

Portuguesa, assinale a alternativa correta.

  • a)

    Sendo retirados os acentos gráficos das palavras “Daí", “país" e “público", dar-se-ia origem a três novas palavras existentes na Língua Portuguesa, mas de sentidos diferentes.

  • b)

    Em “descentralização", o prefixo “des-" possui o mesmo significado que o existente nos prefixos dos termos “transversalidade" e “intersubjetivas".

  • c)

    Como em “intersubjetivas", observa-se nos termos “interrelação" e “intercontinental" uma adequação às convenções ortográficas vigentes.

  • d)

    No trecho: “ofensas a direitos" é necessária a utilização de acento grave indicativo de crase (à), já que o substantivo “ofensas" rege preposição “a".

  • e)

    Em “que seja capaz de tornar iguais", o termo destacado refere-se a “princípios", citado no fragmento anterior.

212456 CETRO (2013) - Ministério das Cidades - Contador / Não classificada

Auditoria realizada na empresa Cidades S/A, no encerramento do exercício de 2012, demonstrou que o contador deixou de registrar alguns valores, relativos à receita de juros recebidos de clientes, que haviam sido depositados em conta bancária da empresa. O contador, então, optou por retificar a escrituração de 2012 . A respeito dessa situação, é correto afirmar que, caso o contador não tivesse feito a retificação, o balanço dessa empresa estaria com o(a)

  • a)
    ativo circulante superavaliado.
  • b)
    passivo circulante hiperavaliado.
  • c)
    ativo não circulante subavaliado.
  • d)
    patrimônio líquido superavaliado.
  • e)
    situação líquida subavaliada.

212457 CETRO (2013) - Ministério das Cidades - Contador / Não classificada

Mostrar/Esconder texto associado

Com base nesses dados, é correto afirmar que, quando o contador da empresa elaborar o balancete de verificação, obterá um total de débitos no valor de

  • a)
    R$2.002.000,00.
  • b)
    R$1.001.000,00.
  • c)
    R$986.000,00.
  • d)
    R$999.000,00.
  • e)
    R$997.000,00.

212458 CETRO (2013) - Ministério das Cidades - Contador / Não classificada

De acordo com a Instrução Normativa nº 1.234/2012 da Receita Federal do Brasil, alguns órgãos e entidades da Administração Pública federal são obrigados a reter na fonte: o Imposto sobre a Renda (IR); a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL); a Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins); e a contribuição para o PIS/Pasep sobre os pagamentos feitos às pessoas jurídicas, pelo fornecimento de bens ou prestação de serviços em geral, inclusive obras. Assinale a alternativa que apresenta um tipo de órgão ou entidade que não está obrigado a essas retenções.

  • a)
    As empresas públicas.
  • b)
    As autarquias.
  • c)
    As entidades em que a União detenha qualquer participação do capital social.
  • d)
    As fundações federais.
  • e)
    As sociedades de economia mista.

212459 CETRO (2013) - Ministério das Cidades - Contador / Não classificada

Considere que, durante o programa anual de fiscalização do Tribunal de Contas da União (TCU), foram analisados os pagamentos dos serviços de vigilância prestados ao Ministério das Cidades durante a vigência da Instrução Normativa nº 1.234/2012 da Receita Federal do Brasil. O valor dos serviços prestados foi de R$100.000,00 . Com base nesses dados, é correto afirmar que o valor correto de tributos retidos na nota fiscal deverá ter sido de

  • a)
    R$5.850,00.
  • b)
    R$4.890,00.
  • c)
    R$9.450,00.
  • d)
    R$1.240,00.
  • e)
    R$2.200,00.

214361 CETRO (2013) - Ministério das Cidades - Contador / Contabilidade Pública

O reconhecimento da receita orçamentária ocorre no momento da arrecadação, conforme a Lei nº 4.320/1964, e decorre do enfoque orçamentário dessa lei, tendo por objetivo evitar que a execução das despesas orçamentárias ultrapasse a arrecadação efetiva. A esse respeito, assinale a alternativa que apresenta o registro correto da previsão da receita no momento da aprovação da lei orçamentária.

(Considere: D = débito; C = crédito.)

  • a)
    D = Receita a realizar C = Previsão inicial da receita
  • b)
    D = Previsão inicial da receita C = Controle da disponibilidade de recursos
  • c)
    D = Previsão inicial da receita C = Receita a realizar
  • d)
    D = Controle da disponibilidade de recursos C = Disponibilidade por destinação de recursos
  • e)
    D = Disponibilidade por destinação de recursos C = Receita a realizar

214623 CETRO (2013) - Ministério das Cidades - Contador / Contabilidade Pública

O Siafi é o principal instrumento utilizado para registro, acompanhamento e controle da execução orçamentária, financeira e patrimonial do Governo Federal. Desde sua criação, tem alcançado satisfatoriamente seus principais objetivos. Assinale a alternativa que não apresenta um objetivo do Siafi.

  • a)
    Prover mecanismos adequados ao controle diário da execução orçamentária, financeira e patrimonial aos órgãos da Administração Pública.
  • b)
    Permitir que a Contabilidade Pública seja fonte segura e tempestiva de informações gerenciais destinadas a todos os níveis da Administração Pública Federal.
  • c)
    Permitir o registro contábil dos balancetes dos estados e municípios e de suas supervisionadas.
  • d)
    Padronizar métodos e rotinas de trabalho relativas à gestão dos recursos públicos, implicando rigidez a essa atividade, uma vez que ele permanece sob o controle total do ordenador de despesa central.
  • e)
    Proporcionar a transparência dos gastos do Governo Federal.

224835 CETRO (2013) - Ministério das Cidades - Contador / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Levando em consideração o texto como um todo e as

orientações da prescrição gramatical no que se refere a

textos escritos na modalidade padrão da Língua

Portuguesa, assinale a alternativa correta.

  • a)

    A expressão “Ignoro", utilizada no 2º parágrafo, compõe uma cadeia de sentido com construções posteriores do texto, como “creio que na casa dos 80" (3º parágrafo) e “Se não me engano" (4º parágrafo), todas elas reveladoras de uma esperada imprecisão do autor, dado estar relatando memórias antigas.

  • b)

    O pronome relativo “que", utilizado no último trecho do 1º parágrafo, pode ser substituído, sem que ocorra desvio à prescrição gramatical ou prejuízo semântico, por “a qual", visto que manteria correta relação de sentido e de concordância com seu referente “construção".

  • c)

    Em “Prometeu construir a capela com o fruto de seu trabalho e de donativos", a substituição da segunda ocorrência da preposição “de" pela preposição “com" não representaria nenhum prejuízo semântico para o texto nem alteraria efetivamente as relações sintáticas da frase.

  • d)

    No 1º parágrafo, seria opcional o uso de uma vírgula após “Santa Ifigênia", sem que isso alterasse o sentido ou a correção gramatical do trecho; já a vírgula após “construção" justifica-se devido ao caráter explicativo da oração adjetiva que a sucede, por isso a opção de tirá-la implicaria alteração no sentido original da frase.

  • e)

    No 2º parágrafo, em “Prometeu construir a capela", a substituição do termo sublinhado por um pronome oblíquo átono geraria a construção “Prometeu construí-la". Conforme as regras vigentes de acentuação, o uso do acento em “construí-la" se dá pelo mesmo motivo que o presente em palavras como “fazê-la" ou “levantá-la".