Notice (8): Undefined variable: description_for_layout [APP/View/Layouts/default.ctp, line 16] - 15 questões grátis para resolução." /> Notice (8): Undefined variable: description_for_layout [APP/View/Layouts/default.ctp, line 34] - 15 questões gratuitas para resolução." />
15 resultados encontrados para . (0.006 segundos)

26766 CESPE (2010) - Instituto Rio Branco - Diplomata - Bolsa-prêmio de vocação para a Diplomacia - Objetiva / História d...

Após as primeiras décadas, marcadas pelo esforço de garantir a posse da nova terra, a colonização começou a tomar forma. Como aconteceu em toda a América Latina, o Brasil viria a ser uma colônia cujo sentido básico seria o de fornecer ao comércio europeu gêneros alimentícios ou minérios de grande importância.
A política da metrópole portuguesa consistirá no incentivo à empresa comercial, com base em uns poucos produtos exportáveis em grande escala e na grande propriedade. Ao lado da grande empresa colonial e do regime de grande propriedade, acrescentamos um terceiro elemento: o trabalho compulsório.
Boris Fausto. História do Brasil. São Paulo:
Edusp, 2008, p. 47-8 (com adaptações).
Considerando o fragmento de texto acima e o quadro geral vigente no período colonial brasileiro, julgue os próximos itens.
A cana-de-açúcar foi o principal produto agrícola de exportação do Brasil no período colonial, com produção concentrada na região de São Vicente, substituindo a extração aurífera que entrara em decadência.
  • Certo
  • Errado

26767 CESPE (2010) - Instituto Rio Branco - Diplomata - Bolsa-prêmio de vocação para a Diplomacia - Objetiva / História d...

Após as primeiras décadas, marcadas pelo esforço de garantir a posse da nova terra, a colonização começou a tomar forma. Como aconteceu em toda a América Latina, o Brasil viria a ser uma colônia cujo sentido básico seria o de fornecer ao comércio europeu gêneros alimentícios ou minérios de grande importância.
A política da metrópole portuguesa consistirá no incentivo à empresa comercial, com base em uns poucos produtos exportáveis em grande escala e na grande propriedade. Ao lado da grande empresa colonial e do regime de grande propriedade, acrescentamos um terceiro elemento: o trabalho compulsório.
Boris Fausto. História do Brasil. São Paulo:
Edusp, 2008, p. 47-8 (com adaptações).
Considerando o fragmento de texto acima e o quadro geral vigente no período colonial brasileiro, julgue os próximos itens.
No Brasil, a exploração do trabalho escravo ultrapassou a etapa de colonização e foi formalmente extinta apenas em fins do regime monárquico, com a Lei Áurea de 1888.
  • Certo
  • Errado

26768 CESPE (2010) - Instituto Rio Branco - Diplomata - Bolsa-prêmio de vocação para a Diplomacia - Objetiva / História d...

Após as primeiras décadas, marcadas pelo esforço de garantir a posse da nova terra, a colonização começou a tomar forma. Como aconteceu em toda a América Latina, o Brasil viria a ser uma colônia cujo sentido básico seria o de fornecer ao comércio europeu gêneros alimentícios ou minérios de grande importância.
A política da metrópole portuguesa consistirá no incentivo à empresa comercial, com base em uns poucos produtos exportáveis em grande escala e na grande propriedade. Ao lado da grande empresa colonial e do regime de grande propriedade, acrescentamos um terceiro elemento: o trabalho compulsório.
Boris Fausto. História do Brasil. São Paulo:
Edusp, 2008, p. 47-8 (com adaptações).
Considerando o fragmento de texto acima e o quadro geral vigente no período colonial brasileiro, julgue os próximos itens.
Ao longo do século XVIII, a mineração consolidou a ocupação do litoral do Brasil e gerou uma sociedade impermeável e essencialmente ruralizada.
  • Certo
  • Errado

26769 CESPE (2010) - Instituto Rio Branco - Diplomata - Bolsa-prêmio de vocação para a Diplomacia - Objetiva / História d...

Após as primeiras décadas, marcadas pelo esforço de garantir a posse da nova terra, a colonização começou a tomar forma. Como aconteceu em toda a América Latina, o Brasil viria a ser uma colônia cujo sentido básico seria o de fornecer ao comércio europeu gêneros alimentícios ou minérios de grande importância.
A política da metrópole portuguesa consistirá no incentivo à empresa comercial, com base em uns poucos produtos exportáveis em grande escala e na grande propriedade. Ao lado da grande empresa colonial e do regime de grande propriedade, acrescentamos um terceiro elemento: o trabalho compulsório.
Boris Fausto. História do Brasil. São Paulo:
Edusp, 2008, p. 47-8 (com adaptações).
Considerando o fragmento de texto acima e o quadro geral vigente no período colonial brasileiro, julgue os próximos itens.
A colonização do Brasil decorreu da expansão comercial e marítima europeia do início da Idade Moderna e subordinou-se às exigências de um nascente capitalismo de base comercial.
  • Certo
  • Errado

26770 CESPE (2010) - Instituto Rio Branco - Diplomata - Bolsa-prêmio de vocação para a Diplomacia - Objetiva / História d...

Após as primeiras décadas, marcadas pelo esforço de garantir a posse da nova terra, a colonização começou a tomar forma. Como aconteceu em toda a América Latina, o Brasil viria a ser uma colônia cujo sentido básico seria o de fornecer ao comércio europeu gêneros alimentícios ou minérios de grande importância.
A política da metrópole portuguesa consistirá no incentivo à empresa comercial, com base em uns poucos produtos exportáveis em grande escala e na grande propriedade. Ao lado da grande empresa colonial e do regime de grande propriedade, acrescentamos um terceiro elemento: o trabalho compulsório.
Boris Fausto. História do Brasil. São Paulo:
Edusp, 2008, p. 47-8 (com adaptações).
Considerando o fragmento de texto acima e o quadro geral vigente no período colonial brasileiro, julgue os próximos itens.
No texto, sugere-se a existência de um tripé, sob o qual se assentou a colonização do Brasil, composto por latifúndio, monocultura e escravidão.
  • Certo
  • Errado

26771 CESPE (2010) - Instituto Rio Branco - Diplomata - Bolsa-prêmio de vocação para a Diplomacia - Objetiva / História d...

O processo de descolonização, um tanto desacelerado pela transmigração da corte, revela-se na série de movimentos liberais e liberal-nacionais, desde as insurreições republicanistas no Nordeste, em 1817 e 1824, a Independência em 1822, prosseguindo depois na expulsão de Pedro I em 1831 e nos conflitos, levantes e revoluções do período regencial (1831-40). Quando Pedro II assumiu a Coroa com o golpe da maioridade em 1840, definiu-se a “paz” do Segundo Império. Nesse percurso, o novo Estado inseriu-se no sistema mundial de dependência sob a tutela inglesa.
Adriana Lopez e Carlos Guilherme Mota. História do Brasil: uma interpretação. São Paulo: SENAC/SP, 2008, p. 306 (com adaptações).
Considerando o texto acima e o processo de independência e consolidação do Estado nacional brasileiro ao longo do século XIX, julgue os itens que se seguem.

O período regencial, vigente em face da menoridade de Pedro II, transcorreu em absoluta paz em razão da convergência e da acomodação dos interesses das elites brasileiras.
  • Certo
  • Errado

26772 CESPE (2010) - Instituto Rio Branco - Diplomata - Bolsa-prêmio de vocação para a Diplomacia - Objetiva / História d...

O processo de descolonização, um tanto desacelerado pela transmigração da corte, revela-se na série de movimentos liberais e liberal-nacionais, desde as insurreições republicanistas no Nordeste, em 1817 e 1824, a Independência em 1822, prosseguindo depois na expulsão de Pedro I em 1831 e nos conflitos, levantes e revoluções do período regencial (1831-40). Quando Pedro II assumiu a Coroa com o golpe da maioridade em 1840, definiu-se a “paz” do Segundo Império. Nesse percurso, o novo Estado inseriu-se no sistema mundial de dependência sob a tutela inglesa.
Adriana Lopez e Carlos Guilherme Mota. História do Brasil: uma interpretação. São Paulo: SENAC/SP, 2008, p. 306 (com adaptações).
Considerando o texto acima e o processo de independência e consolidação do Estado nacional brasileiro ao longo do século XIX, julgue os itens que se seguem.

A hegemonia econômico-financeira britânica, indiscutível no transcurso do século XIX em outras partes do mundo, apenas tangencialmente se fez sentir na América Latina, incluindo o Brasil.
  • Certo
  • Errado

26773 CESPE (2010) - Instituto Rio Branco - Diplomata - Bolsa-prêmio de vocação para a Diplomacia - Objetiva / História d...

O processo de descolonização, um tanto desacelerado pela transmigração da corte, revela-se na série de movimentos liberais e liberal-nacionais, desde as insurreições republicanistas no Nordeste, em 1817 e 1824, a Independência em 1822, prosseguindo depois na expulsão de Pedro I em 1831 e nos conflitos, levantes e revoluções do período regencial (1831-40). Quando Pedro II assumiu a Coroa com o golpe da maioridade em 1840, definiu-se a “paz” do Segundo Império. Nesse percurso, o novo Estado inseriu-se no sistema mundial de dependência sob a tutela inglesa.
Adriana Lopez e Carlos Guilherme Mota. História do Brasil: uma interpretação. São Paulo: SENAC/SP, 2008, p. 306 (com adaptações).
Considerando o texto acima e o processo de independência e consolidação do Estado nacional brasileiro ao longo do século XIX, julgue os itens que se seguem.

A Conjuração (Inconfidência) Mineira e a Insurreição Pernambucana são exemplos de movimentos libertários que antecedem à proclamação da independência do Brasil.
  • Certo
  • Errado

40012 CESPE (2010) - Instituto Rio Branco - Diplomata - Bolsa-prêmio de vocação para a Diplomacia - Objetiva / História d...

A chegada de Vargas ao poder deu início a uma nova fase da história política brasileira. O enfraquecimento da oligarquia cafeeira, o fortalecimento dos setores urbanos industriais, as pretensões políticas dos estados de segunda grandeza, o descontentamento militar, enfim, todo esse conjunto de fatores conduziu à articulação de novo pacto político. Nesse contexto, Vargas assumiu o poder, situando-se como uma espécie de árbitro dos conflitos. Com o afastamento de Vargas, em 1945, a realização de eleições gerais e a elaboração de novo texto constitucional, as principais forças políticas puderam pactuar a montagem do regime democrático.
Marieta de Moraes Ferreira e Carlos Eduardo Sarmento. A república brasileira: pactos e rupturas. In: Ângela de Castro Gomes, Dulce Chaves Pandolfi e Verena Alberti (Orgs.). A república no Brasil. Rio de Janeiro: Nova Fronteira; CPDOC, 2002, p. 462, 473 (com adaptações).
Com base no texto acima e nos aspectos marcantes da Era Vargas (1930-45) e do processo histórico brasileiro pós-1945, julgue os itens a seguir.

Embora com tendência à centralização político-administrativa, a Era Vargas desconheceu um período claramente ditatorial.
  • Certo
  • Errado

40013 CESPE (2010) - Instituto Rio Branco - Diplomata - Bolsa-prêmio de vocação para a Diplomacia - Objetiva / História d...

A chegada de Vargas ao poder deu início a uma nova fase da história política brasileira. O enfraquecimento da oligarquia cafeeira, o fortalecimento dos setores urbanos industriais, as pretensões políticas dos estados de segunda grandeza, o descontentamento militar, enfim, todo esse conjunto de fatores conduziu à articulação de novo pacto político. Nesse contexto, Vargas assumiu o poder, situando-se como uma espécie de árbitro dos conflitos. Com o afastamento de Vargas, em 1945, a realização de eleições gerais e a elaboração de novo texto constitucional, as principais forças políticas puderam pactuar a montagem do regime democrático.
Marieta de Moraes Ferreira e Carlos Eduardo Sarmento. A república brasileira: pactos e rupturas. In: Ângela de Castro Gomes, Dulce Chaves Pandolfi e Verena Alberti (Orgs.). A república no Brasil. Rio de Janeiro: Nova Fronteira; CPDOC, 2002, p. 462, 473 (com adaptações).
Com base no texto acima e nos aspectos marcantes da Era Vargas (1930-45) e do processo histórico brasileiro pós-1945, julgue os itens a seguir.

A Era Vargas teve início com a vitória do político gaúcho nas eleições de 1930.
  • Certo
  • Errado