38 resultados encontrados para . (0.009 segundos)

143447 CESGRANRIO (2014) - Banco do Brasil - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

A abordagem contemporânea da relação entre saúde mental e trabalho, exemplificada nas orientações do Ministério da Saúde para a abordagem da saúde do trabalhador, sustenta relações de causa e efeito entre manifestações psicopatológicas e situação de trabalho.

Para essa forma de entender a relação causal entre transtorno mental e trabalho, esse tipo de transtorno decorre de

  • a)

    ampla gama de aspectos que vão desde o contato com agentes tóxicos até a forma de organização do trabalho, da divisão de tarefas, das políticas de gerenciamento e da estrutura hierárquica organizacional.

  • b)

    exposição, no ambiente de trabalho, a substâncias patógenas, sejam químicas, físicas ou biológicas, que incidam sobre o sistema nervoso.

  • c)

    condição preexistente, sendo o trabalho visto como um fator desencadeante ou a causa suficiente para a manifestação dos sintomas.

  • d)

    condições de trabalho penosas ou inadequadas ao bem-estar físico, tais como condições ambientais impróprias ou o uso de equipamentos inadequados.

  • e)

    prejuízos à vida social do trabalhador, na medida em que chegar a provocar um afastamento de seu círculo familiar.

143448 CESGRANRIO (2014) - Banco do Brasil - Médico do Trabalho / Saúde Pública

Consoante a Lei n° 8.080/1990, as atividades de pesquisa e desenvolvimento científico e tecnológico em saúde serão cofinanciadas, dentre outros, pelo Sistema Único de Saúde (SUS), pelas universidades e pelo orçamento

  • a)

    geral

  • b)

    fiscal

  • c)

    social

  • d)

    patrimonial

  • e)

    de seguridade

143449 CESGRANRIO (2014) - Banco do Brasil - Médico do Trabalho / Saúde Pública

Uma instituição médica privada pretende atuar na área do Sistema Único de Saúde.

Consoante os termos da Constituição Federal, a atuação da iniciativa privada nessa área é

  • a)
    vedada, pois a prestação à saúde é estatal.
  • b)
    permitida onde não houver assistência pública.
  • c)
    vedada nas áreas gerais da Medicina.
  • d)
    vedada, salvo autorização especial mediante concessão.
  • e)
    permitida, de forma complementar ao Estado.

143450 CESGRANRIO (2014) - Banco do Brasil - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

A Saúde do Trabalhador, área do conhecimento técnico- -científico, tem como uma de suas premissas básicas a(o)

  • a)

    busca da compreensão das relações (do nexo) entre o trabalho e a saúde/doença dos trabalhadores, que se refletem sobre a atenção prestada à saúde.

  • b)

    impossibilidade de mudança dos processos, das condições e dos ambientes de trabalho.

  • c)

    compreensão do impacto do trabalho sobre a doença e vice-versa no aprimoramento das políticas do SESMT.

  • d)

    participação dos trabalhadores, principalmente os sindicalizados, nas medidas de prevenção da saúde no ambiente de trabalho.

  • e)

    exercício de uma abordagem interdisciplinar e multissetorial das ações em uma perspectiva geral, sem intervir nas questões de modo fragmentado, numa proposta de saúde coletiva.

143451 CESGRANRIO (2014) - Banco do Brasil - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

Considere uma pessoa paraplégica, cadeirante, sem nenhum outro tipo de limitação.

Aprovada em concurso para trabalhar como bancária e submetida a exame admissional para o trabalho, ela deve ser considerada

  • a)

    apta, desde que use cadeira de rodas motorizada para facilitar seu deslocamento, de modo a não depender de terceiros.

  • b)

    apta para todo e qualquer tipo de trabalho, pois a cadeira de rodas não é uma condição limitante para o trabalho em geral.

  • c)

    apta em qualquer atividade que não seja incompatível com o fato de ser paraplégica e em local onde não fique em situação de risco inaceitável à sua condição de deficiente.

  • d)

    inapta, pelo fato de nem todas as agências terem condições de acessibilidade para cadeirantes.

  • e)

    inapta, pelo fato de não poder trabalhar como caixa em instituições bancárias, devido à altura dos guichês de atendimento.

161517 CESGRANRIO (2014) - Banco do Brasil - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

Para que seja feita a avaliação dos níveis de pressão sonora para sons contínuos no ambiente de trabalho, visando à identificação da necessidade de uso de EPI auditivo, deve(m) ser utilizada(s) a(s) seguinte(s) metodologia(s):

  • a)

    medição pontual com decibelímetro

  • b)

    medição ponderada no tempo com 10 medições durante a jornada

  • c)

    dosimetria, circuito de compensação C, resposta rápida (fast)

  • d)

    dosimetria, circuito de compensação A, resposta lenta (slow)

  • e)

    dosimetria, circuito de compensação A, resposta rápida (fast)

161518 CESGRANRIO (2014) - Banco do Brasil - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

Em relação às condições para a realização do exame audiométrico, considere as afirmativas a seguir.

I - A cabine audiométrica precisa estar sempre no mesmo local onde foi calibrada para que o certifi cado de calibração tenha validade.

II - A cabine com certifi cado de calibração conforme a ISO 8253-1 garante o isolamento acústico para a realização do exame audiométrico, qualquer que seja o local onde ela seja montada.

III - O examinador é o responsável por garantir que as condições de realização do exame sejam adequadas.

É correto o que se afirma em

  • a)

    I, apenas

  • b)

    II, apenas

  • c)

    I e III, apenas

  • d)

    II e III, apenas

  • e)

    I, II e III

161550 CESGRANRIO (2014) - Banco do Brasil - Médico do Trabalho / Informática

Ao digitar a URL http://170.66.11.10:50 na barra de endereços de um navegador, um usuário está tentando conectar-se a um servidor Web utilizando a porta (do servidor)

  • a)

    10

  • b)

    11

  • c)

    50

  • d)

    66

  • e)

    170

161551 CESGRANRIO (2014) - Banco do Brasil - Médico do Trabalho / Direito Previdenciário

Os índices de frequência, gravidade e custo, relacionados ao Fator Acidentário de Prevenção (FAP), nos termos do Decreto n° 6.042/2007, serão calculados segundo metodologia aprovada pelo Conselho Nacional de(a)

  • a)

    Saúde

  • b)

    Justiça

  • c)

    Assistência Social

  • d)

    Previdência Social

  • e)

    República

161552 CESGRANRIO (2014) - Banco do Brasil - Médico do Trabalho / Não classificada

Nos termos do Decreto Federal n° 6.042/2007, o acidente do trabalho será caracterizado tecnicamente pela perícia médica do INSS, mediante a identificação do nexo causal entre o trabalho e o agravo. O acidente do trabalho é caracterizado quando se verifica nexo técnico epidemiológico entre a atividade da empresa e a entidade mórbida motivadora da incapacidade.

Tal entidade mórbida está elencada na

  • a)
    relação de doenças do Ministério da Saúde
  • b)
    regulamentação do Conselho Federal de Medicina
  • c)
    Normativa da Associação Médica Brasileira
  • d)
    Classificação Internacional de Doenças (CID)
  • e)
    Organização Mundial de Proteção à Saúde