60 resultados encontrados para . (0.008 segundos)

147277 CESGRANRIO (2014) - BASA - Médico do Trabalho / Ética na Administração Pública

Um médico com especialização em clínica médica e mestrado em doenças tropicais, com ampla experiência no tratamento dessas moléstias por ter habitado, na Amazô– nia, locais onde essas doenças são endêmicas, deseja prestar serviços a comunidades carentes. Com esse propósito, procura uma Instituição que tenha vínculos com a região Amazônica.

Nos termos do Código de Ética do Banco da Amazônia, seus administradores, empregados e contratados compartilham a necessidade de condutas e ações dentro do mais elevado padrão ético, como forma de manter a credibilidade e a solidez de uma instituição que é fundamental para o

  • a)
    maior lucro possível para a Instituição.
  • b)
    desenvolvimento sustentável da Amazônia.
  • c)
    planejamento político da região sabidamente carente.
  • d)
    trabalho das empresas estrangeiras que atuam na fronteira.
  • e)
    mercado local, que deve fornecer empréstimos aos capitalistas da região.

147278 CESGRANRIO (2014) - BASA - Médico do Trabalho / Informática

Um dos recursos presentes no Windows, desde a versão xp, é o Windows Firewall. Esse recurso tem o objetivo de

  • a)
    aumentar a segurança do sistema.
  • b)
    melhorar o desempenho do sistema.
  • c)
    tornar o sistema mais acessível e prático.
  • d)
    melhorar a comunicação dos usuários com a Microsoft.
  • e)
    facilitar o uso do sistema por pessoas com necessidades especiais.

147279 CESGRANRIO (2014) - BASA - Médico do Trabalho / Não classificada

Uma determinada metodologia médica preconiza a aplicação do método científico a toda e qualquer prática, seja ela de natureza clínica ou cirúrgica, empregando técnicas originadas da Ciência, da Engenharia e da Estatística.

Essa metodologia se fundamenta na aplicação do método epidemiológico à pesquisa clínica, sendo estruturada de forma a permitir uma análise consolidada das publicações científicas existentes sobre um certo assunto, com vistas a apoiar decisões na prática. Além disso, faz uma revisão da literatura que pode ser acompanhada de um somatório estatístico dos resultados de cada estudo.

Essa metodologia descrita acima é mais conhecida como medicina

  • a)
    alternativa
  • b)
    ayurvédica
  • c)
    ortomolecular
  • d)
    baseada na autoridade
  • e)
    baseada em evidências

147280 CESGRANRIO (2014) - BASA - Médico do Trabalho / Farmácia

A Farmacologia estuda o mecanismo pelo qual os agentes

químicos afetam as funções dos sistemas biológicos

de forma ampla. Envolve o estudo da interação dos compostos

químicos (drogas) com os organismos vivos, atuando,

em maioria, através da influência das 3 moléculas

das drogas em constituintes das células. A Farmacologia

é utilizada com 3 objetivos: terapêuticos (curar, controlar

doenças ou aliviar sintomas), preventivos (vacinação e

fluoração da água) e diagnósticos (contrastes iodados).

Um dos seus ramos estuda o movimento da droga através

do organismo, envolvendo sua absorção, distribuição,

biotransformação e eliminação; já o outro estuda o local

de ação, o mecanismo de ação e os efeitos dessas drogas

no organismo.

Esses dois ramos da Farmacologia chamam–se, respectivamente,

  • a)

    Farmacocinética e Farmacodinâmica

  • b)

    Farmacotécnica e Farmacocinética

  • c)

    Farmacovigilância e Farmacoterapia

  • d)

    Farmacoterapia e Toxicologia

  • e)

    Farmacoepidemiologia e Farmacoeconomia

147281 CESGRANRIO (2014) - BASA - Médico do Trabalho / Epidemiologia

Um estudo epidemiológico da incidência e da prevalência

de casos de bronquite crônica entre pacientes fumantes,

não fumantes e ex–fumantes, realizado na Baixada Fluminense,

revelou os resultados dispostos na Tabela abaixo.





Pela análise dos dados, constata–se que a razão de prevalência

entre fumantes e não fumantes/ex–fumantes é de

  • a)

    1,8

  • b)

    1,9

  • c)

    2,4

  • d)

    2,7

  • e)

    3,5

147282 CESGRANRIO (2014) - BASA - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

Um trabalhador do setor de funilaria de uma empresa deu

entrada no Serviço de Medicina Ocupacional com quadro

de queixas polimorfas que vem evoluindo há 15 dias. Segundo

relatou, tem tido dificuldade em conciliar o sono,

tem sentido a musculatura corporal tensa, irritando–se

cada vez com maior frequência, tanto com seus familiares

quanto no trabalho, tem perdido o apetite, tem sentido as

extremidades frias, ansiedade e palpitações episódicas,

além de vir apresentando dificuldade de concentrar–se

nas tarefas laborais.

Diante do quadro apresentado, uma hipótese diagnóstica

a ser considerada é a de

  • a)

    aumento do tônus muscular

  • b)

    elevação do nível geral de vigilância

  • c)

    perturbação do equilíbrio neurovegetativo

  • d)

    estresse agudo causado por problemas emocionais

  • e)

    efeitos extra–auditivos provocados pelo ruído

147283 CESGRANRIO (2014) - BASA - Médico do Trabalho / Medicina do Trabalho

O trabalho em turnos contínuos fixos ou em escalas,

por afetar significativamente o ritmo circadiano, tem

sido apontado pelos tratadistas como importante fonte

de problemas de saúde e de perturbação sociofamiliar,

considerados os seus reflexos negativos sobre os

processos biológicos de autorregulação. Os padrões

de sono alterados imprimem alterações significativas

nos padrões secretórios da adrenal, ritmicidade pineal,

secreções de enzimas digestivas, alterações na

alimentação e na motilidade gastrointestinal, levando a

um estado de estresse devido à dessincronização interna

do organismo.

Em razão do acima exposto, há contraindicação para o

trabalho em turnos dos portadores das seguintes doenças:

  • a)

    diabetes mellitus, ascaridíase, hipertensão e epilepsia

  • b)

    asma brônquica, úlcera péptica, necatorose e hipertensão

  • c)

    asma brônquica, úlcera péptica recorrente, hipertensão e epilepsia

  • d)

    úlcera péptica recorrente, epilepsia, necatorose e hipertensão

  • e)

    hipertensão, diabetes mellitus, ascaridíase e dermatose

147284 CESGRANRIO (2014) - BASA - Médico do Trabalho / Segurança e Saúde no Trabalho

O funcionário responsável pelo cumprimento das regras

da NR 9 do Ministério do Trabalho resolve organizar o

Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA).

Para tal, reúne sua equipe e determina que seja realizado

um planejamento com estabelecimento de metas, prioridades

e um cronograma.

Depois de pronto, esse planejamento deverá ter validade

de quantos meses?

  • a)

    três

  • b)

    seis

  • c)

    doze

  • d)

    dezesseis

  • e)

    dezoito

147320 CESGRANRIO (2014) - BASA - Médico do Trabalho / Português

Mostrar/Esconder texto associado

De modo a manter a mesma relação de sentido com a frase que o antecede, compondo um único período, o trecho “O internauta que clica em ‘Curti’ e vira fã de uma marca compartilha automaticamente a notícia com toda a sua rede” (l. 44–46) deve ser introduzido pela palavra

  • a)
    se
  • b)
    pois
  • c)
    como
  • d)
    porém
  • e)
    embora

151913 CESGRANRIO (2014) - BASA - Médico do Trabalho / Atualidades

Na maior parte do Brasil o preço do etanol ficou muito próximo daquele da gasolina. Ao se considerar o maior poder calorífico da gasolina, apesar da maior taxa de compressão permitida pelo etanol, com os preços atuais deixou de ser compensador o uso desse último. Seu consumo tinha superado aquele da gasolina, mas retrocedeu recentemente. E, pior, a produção nacional caiu de modo que se importa uma parcela do etanol dos EUA, atualmente o maior produtor mundial do biocombustível.

O problema é que o etanol americano é feito de milho, que não dispõe de bagaço e obriga a queima de óleo combustível na destilação.

Revista Carta Capital. São Paulo: Ed. Confiança, edição especial, ano XIX, Nº 781, p.61.

De acordo com o que se depreende da leitura do texto, a importação de etanol dos EUA provoca

  • a)
    atraso nas construções de novas refinarias da Petrobras
  • b)
    aumento das tarifas de energia elétrica
  • c)
    aumento da emissão de dióxido de carbono na atmosfera
  • d)
    redução do consumo de gasolina no mercado interno
  • e)
    dificuldade de fluxo de caixa para investimentos do pré–sal