26 resultados encontrados para . (0.007 segundos)

00465 CESGRANRIO (2008) - Petrobrás - Analista de Sistemas Júnior - Engenharia de Software / Banco de Dados

A respeito de sistemas de informações gerenciais, são feitas as afirmativas a seguir.

I - Uma das diferenças entre bancos de dados relacionais e multidimensionais diz respeito ao compromisso entre performance e escalabilidade: bancos de dados relacionais proporcionam consultas mais rápidas, enquanto bancos de dados multidimensionais lidam melhor com grandes quantidades de informações armazenadas.
II - ROLAP se refere a um tipo de solução OLAP que utiliza um bancos de dados relacional.
III - Quando um projeto inicia por datamarts departamentais especializados que mais tarde se consolidam em um data warehouse institucional, existe uma chance maior de surgirem problemas de inconsistência de metadados do que quando um data warehouse institucional dá origem a datamarts departamentais.IV - Para melhoria de performance, as tabelas em data warehouses, em geral, estão nas formas normais mais altas (considerando que 5 FN é mais alta que 1 FN).

Estão corretas APENAS as afirmativas
  • a)
    I e II
  • b)
    I e III
  • c)
    I e IV
  • d)
    II e III
  • e)
    III e IV

00626 CESGRANRIO (2008) - Petrobrás - Analista de Sistemas Júnior - Engenharia de Software / Governança de TI

O CMMI define níveis crescentes de capacidade (capability) para as áreas de processos e de maturidade (maturity) organizacional. Sobre os níveis de maturidade, é correto afirmar que, no nível
  • a)
    1, a disciplina de processo alcançada ajuda a garantir que as práticas existentes serão mantidas, mesmo em situações de crise e stress.
  • b)
    2, os projetos são monitorados, controlados, revisados e avaliados quanto à sua aderência à descrição do processo que utilizaram.
  • c)
    3, a performance dos processos é controlada usando estatística e outras técnicas quantitativas, sendo portanto quantitativamente previsível.
  • d)
    4, a organização está focada no aperfeiçoamento contínuo da performance dos processos através de melhorias incrementais no processo e na tecnologia.
  • e)
    5, a organização atingiu o nível máximo de otimização dos processos e passa a se concentrar nos aspectos operacionais e na manutenção das métricas que atestam sua condição.

22953 CESGRANRIO (2008) - Petrobrás - Analista de Sistemas Júnior - Engenharia de Software / Governança de TI

O COBIT 4.0 apresenta 34 processos de TI divididos por 4 áreas ou domínios. Cada processo possui um objetivo ou requisito de controle de alto nível e objetivos detalhados. Além disso, há objetivos de controle genéricos que os processos devem observar, que são identificados como PCn, de "process control number". NÃO corresponde a um dos objetivos de controle genéricos do COBIT 4.0:
  • a)
    atribuir um proprietário a cada processo, de forma que a responsabilidade seja clara.
  • b)
    definir cada processo de forma que seja repetível.
  • c)
    estabelecer metas e objetivos claros para cada processo para uma execução eficaz.
  • d)
    medir a performance de cada processo em relação às suas metas.
  • e)
    estabelecer níveis de acordo de serviço (SLA) onde cabível para cada processo.

22954 CESGRANRIO (2008) - Petrobrás - Analista de Sistemas Júnior - Engenharia de Software / Governança de TI

O COBIT 4.0, especificado pelo IT Governance Institute (ITGI), é um framework para governança de TI. Conforme definida pelo ITGI para fundamentação do COBIT 4.0, a governança de TI
  • a)
    é um subconjunto da Governança de Arquitetura (de Informações).
  • b)
    é responsabilidade do departamento de Tecnologia da Informação ou setor equivalente da organização que se reporte diretamente à gerência executiva ou à direção.
  • c)
    promove o alinhamento da TI com os objetivos e estratégias organizacionais, assegurando que a TI sustente e estenda os mesmos.
  • d)
    tem como áreas de foco: Medida de Performance, Gerenciamento de Recursos, Gerenciamento de Fornecedores, Gerenciamento de Riscos e Gerenciamento da Comunicação.
  • e)
    tem o objetivo primário de simplificar a gestão de TI por parte dos executivos, que, em muitos casos, são oriundos de outras áreas de conhecimento, minimizando a dependência de conhecimentos tecnológicos para a tomada de decisão em TI.

22955 CESGRANRIO (2008) - Petrobrás - Analista de Sistemas Júnior - Engenharia de Software / Governança de TI

São enumeradas a seguir algumas métricas colhidas para determinado intervalo de tempo ao longo da vida de um projeto.

I - Custo orçado do trabalho previsto.
II - Custo orçado do trabalho realizado.
III - Custo real do trabalho previsto.
IV - Custo real do trabalho realizado.

A técnica de Gerenciamento de Valor Agregado - GVA (em Inglês, Earned Value Management - EVM) se baseia nas métricas
  • a)
    I e II, apenas.
  • b)
    I e III, apenas.
  • c)
    II e IV, apenas.
  • d)
    I, II e IV, apenas.
  • e)
    I, II, III e IV.

22956 CESGRANRIO (2008) - Petrobrás - Analista de Sistemas Júnior - Engenharia de Software / Governança de TI

A Estrutura Analítica do Projeto - EAP (em Inglês Work Breakdown Structure - WBS) inclui
  • a)
    estimativas de prazos.
  • b)
    estimativas de custos.
  • c)
    entregas internas e externas.
  • d)
    alocação dos recursos às tarefas.
  • e)
    estratégias para mitigação dos riscos.

22957 CESGRANRIO (2008) - Petrobrás - Analista de Sistemas Júnior - Engenharia de Software / Governança de TI

Ao apresentar o cronograma de um projeto à diretoria da empresa, o gerente foi informado de que a data de término do projeto deverá ser antecipada em 3 meses. Esta exigência implicará, necessariamente, em
  • a)
    refazer as estimativas de esforço para uma ou mais tarefas do projeto.
  • b)
    reduzir a duração do caminho crítico do projeto.
  • c)
    alocar mais recursos ao projeto.
  • d)
    fazer entregas diferentes das especificadas.
  • e)
    aumentar o custo do projeto.

24664 CESGRANRIO (2008) - Petrobrás - Analista de Sistemas Júnior - Engenharia de Software / Sistemas Operacionais

Alguns sistemas operacionais permitem que seus processos criem múltiplos threads de execução. Em operação normal, o que é previsto que os threads de um mesmo processo do sistema operacional compartilhem?
  • a)
    Arquivos abertos
  • b)
    Registradores
  • c)
    Pilha (stack)
  • d)
    Variáveis locais de cada thread
  • e)
    Contador de instrução (program counter)

25407 CESGRANRIO (2008) - Petrobrás - Analista de Sistemas Júnior - Engenharia de Software / Engenharia de Software



Assinale o diagrama de classe que expressa corretamente a implementação mostrada acima, em Java, das classes Produto e Fabricante, bem como da associação entre as mesmas.
  • a)
  • b)
  • c)
  • d)
  • e)

25408 CESGRANRIO (2008) - Petrobrás - Analista de Sistemas Júnior - Engenharia de Software / Engenharia de Software

Durante os testes de um software produzido pelo departamento de TI de uma empresa, verificou-se que o mesmo não atendia a alguns dos requisitos originais especificados pelos clientes. Sobre a condução da situação, são feitas as afirmativas a seguir, que devem ser analisadas à luz de seu alinhamento com a norma ISO 9001:2000.

I - Independente do destino a ser dado ao software, as causas da não-conformidade devem ser identificadas e eliminadas do processo de desenvolvimento.
II - O software deve ser entregue provisoriamente nestas condições, para diminuir a insatisfação do cliente, sendo substituído por uma versão que atenda aos requisitos o mais rápido possível (ASAP).
III - O gerente do projeto de desenvolvimento pode definir e propor um procedimento alternativo para lidar com a não-conformidade, diferente daquele previsto no processo de desenvolvimento de software organizacional, desde que aprovado pelo cliente.
IV - Devem ser mantidos registros de quaisquer ações corretivas realizadas, ainda que as mesmas não se revelem eficazes para tratar a não-conformidade, bem como dos indicadores de satisfação do cliente, qualquer que seja o resultado do projeto.

Estão alinhadas com as exigências da norma ISO 9001:2000 APENAS as afirmativas
  • a)
    I e II
  • b)
    I e IV
  • c)
    II e III
  • d)
    II e IV
  • e)
    III e IV