750 resultados encontrados para . (0.014 segundos)

51767 FGV (2017) - TRT - 12ª Região (SC) - Analista Judiciário - Área Judiciária / Direito Administrativo

Em relação ao regime jurídico das empresas estatais, de acordo com o ordenamento jurídico e a doutrina de Direito Administrativo, as empresas públicas e as sociedades de economia mista:

  • a)
    integram a Administração Indireta, ostentando personalidade jurídica de direito público, e são criadas com a finalidade de prestar serviços públicos ou exploração de determinadas atividades econômicas de interesse da sociedade;
  • b)
    têm seus empregados regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho, com vínculo empregatício por meio de relação contratual de emprego, mas se submetem a algumas restrições aplicáveis aos servidores públicos em geral;
  • c)
    remuneram seus empregados com vencimentos, proventos, pensões ou outra espécie remuneratória, incluídas as vantagens pessoais ou de qualquer outra natureza, que não podem exceder, em qualquer caso, o subsídio mensal, em espécie, dos Ministros do Supremo Tribunal Federal;
  • d)
    têm seu pessoal contratado mediante prévio concurso público de provas ou de provas e títulos, mas não se aplica a vedação constitucional de acumulação de cargos e empregos públicos a seus agentes;
  • e)
    concedem a estabilidade constitucional a seus empregados aprovados mediante concurso público após três anos de efetivo exercício, que somente poderão perder o emprego em virtude de sentença judicial transitada em julgado ou processo administrativo em que lhe seja assegurada ampla defesa.

51769 FGV (2017) - TRT - 12ª Região (SC) - Analista Judiciário - Área Judiciária / Direito Administrativo

O Tribunal Regional do Trabalho de Santa Catarina contratou sociedade empresária para reforma do edifício sede do TRT. No curso do contrato, com base em critérios discricionários que atendem ao interesse público, a Administração Pública contratante deseja promover acréscimo quantitativo do objeto do contrato.

De acordo com as disposições da Lei nº 8.666/93, a alteração contratual pretendida no caso em tela:

  • a)
    pode ser imposta unilateralmente pela Administração ao contratado até o limite de cinquenta por cento do valor do contrato, em razão de cláusula exorbitante implicitamente constante no contrato por força de lei, pela supremacia do interesse público sobre o privado, respeitado o equilíbrio econômico-financeiro do contrato;
  • b)
    pode ser imposta unilateralmente pela Administração e o contratado fica obrigado a aceitar, nas mesmas condições contratuais, os acréscimos que se fizerem nas obras, até o limite de quinze por cento do valor inicial atualizado do contrato, em razão da supremacia do interesse público sobre o privado;
  • c)
    não pode ser imposta unilateralmente pela Administração, eis que não constou no contrato cláusula sobre alteração quantitativa de seu objeto, mas pode ser convencionada pelas partes, de forma consensual, desde que respeitada a economicidade e o valor de mercado, até o limite de vinte e cinco por cento do valor inicial atualizado do contrato;
  • d)
    não pode ser imposta unilateralmente pela Administração, nem pode ser objeto de acordo entre as partes, devendo ser realizado novo procedimento licitatório para escolha de nova sociedade empresária interessada em prestar o serviço com valor mais vantajoso para a Administração Pública;
  • e)
    não pode ser imposta unilateralmente pela Administração, eis que não constou no contrato cláusula sobre alteração quantitativa de seu objeto, mas pode ser convencionada pelas partes, de forma consensual, desde que haja parecer prévio do Tribunal de Contas, até o limite de trinta por cento do valor inicial atualizado do contrato.

51816 FGV (2017) - TRT - 12ª Região (SC) - Analista Judiciário - Área Administrativa / Português

Observe o seguinte texto:

Os robôs já sabem discernir e reagir à fala graças a softwares de reconhecimento de voz como a Siri do iPhone; mas as máquinas inteligentes ainda têm dificuldades com a maioria dos outros sons. “Em certo sentido esse é um problema mais simples, no entanto não tem havido muito trabalho com ruídos ambientais", avalia o roboticista Joseph Romano, da Rething Robotics, em Boston. “Isso não tem sido uma prioridade para o feedback robótico".

Como outros textos, este também apresenta conectores, ou palavras de ligação, que organizam o texto por meio da ordenação das diferentes ideias.

Entre os conectores abaixo, aquele que apresenta seu valor semântico de forma adequada, de acordo com o texto, é:

  • a)
    e / alternativa;
  • b)
    graças a / consequência;
  • c)
    com / referência;
  • d)
    no entanto / concessão;
  • e)
    para / finalidade.

51817 FGV (2017) - TRT - 12ª Região (SC) - Analista Judiciário - Área Administrativa / Português

Analise o seguinte raciocínio:

Observando alguns turistas brasileiros, deduzimos que os sulistas são mais ricos que os nordestinos.

Esse raciocínio é do tipo indutivo (do particular para o geral); a inferência realizada é fruto do(a):

  • a)
    generalização;
  • b)
    relação causa/efeito;
  • c)
    analogia;
  • d)
    opinião preconceituosa;
  • e)
    certeza insofismável.

51818 FGV (2017) - TRT - 12ª Região (SC) - Analista Judiciário - Área Administrativa / Direito Constitucional

Ricardo e Marco, respectivamente Chefe do Poder Executivo e servidor responsável pela tesouraria, encaminharam sua prestação de contas anual ao órgão competente.

À luz da sistemática constitucional, é correto afirmar que esse órgão é:

  • a)
    a Casa Legislativa competente, que deve apreciar as contas de Ricardo e Marco em caráter definitivo;
  • b)
    o Tribunal de Contas, que deve limitar-se a emitir parecer prévio, cabendo à Casa Legislativa o julgamento das contas;
  • c)
    o Tribunal de Contas, que deve emitir parecer em relação às contas de Ricardo e julgar as contas de Marco;
  • d)
    a Casa Legislativa competente em relação às contas de Ricardo e o Tribunal de Contas em relação às contas de Marco;
  • e)
    o Tribunal de Contas, que deve julgar as contas apresentadas por Ricardo e Marco.

51819 FGV (2017) - TRT - 12ª Região (SC) - Analista Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador / Raciocínio Lógico

Em uma caixa só pode haver bolas pretas ou brancas. Sabe-se que a caixa não está vazia e que não é verdade que “todas as bolas na caixa são pretas". Então é correto concluir que:

  • a)
    nenhuma bola na caixa é preta;
  • b)
    todas as bolas na caixa são brancas;
  • c)
    há pelo menos uma bola preta na caixa;
  • d)
    há pelo menos uma bola branca na caixa;
  • e)
    há bolas pretas e bolas brancas na caixa.

51820 FGV (2017) - TRT - 12ª Região (SC) - Analista Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador / Raciocínio Lógico

Se o dobro de x é igual ao triplo de y, então a terça parte de x é igual:

  • a)
    à metade de y;
  • b)
    ao dobro de y;
  • c)
    à sexta parte de y;
  • d)
    à quarta parte de y;
  • e)
    ao sêxtuplo de y.

51844 FGV (2017) - TRT - 12ª Região (SC) - Analista Judiciário - Área Administrativa / Português

Todos os pensamentos abaixo partem de uma metáfora ou de uma comparação; o pensamento que mostra uma justificativa para a metáfora ou comparação realizada é:

  • a)
    A cidade não é uma selva de concreto; é um zoológico humano. (Desmond Morris)
  • b)
    Todas as especulações são cinza, meu amigo, mas a árvore de ouro da vida é eternamente verde. (Goethe)
  • c)
    Cada ave, com asas estendidas, é um livro de duas folhas aberto no céu. Protejamos esse livro. E aumentemos, com essa proteção, a miúda bibliografia. (Humberto de Campos)
  • d)
    A distância é como o vento. Acende os fogos grandes e apaga os pequenos. (D. Modugno)
  • e)
    A boa sociedade é uma horda de refinados, composta de duas tribos: uma que se aborrece e outra que aborrece. (Lord Byron)

51871 FGV (2017) - TRT - 12ª Região (SC) - Analista Judiciário - Área Judiciária / Direito do Trabalho

Alberto, empregado da empresa União Ltda., sofreu acidente de trabalho e se encontra em fruição de auxílio-doença acidentário.

É correto afirmar, à luz da legislação trabalhista, que:

  • a)
    o FGTS não deverá ser recolhido porque Alberto não está trabalhando;
  • b)
    o contrato encontra-se interrompido, pelo que é devido o FGTS, mas o período não será considerado para fim algum;
  • c)
    o FGTS deve ser depositado e haverá garantia no emprego para Alberto até cinco meses após o retorno;
  • d)
    está suspenso o contrato de trabalho, sendo devido o recolhimento do FGTS e o cômputo do respectivo lapso temporal no período aquisitivo de férias, salvo se perdurar por mais de seis meses, ainda que descontínuos;
  • e)
    em virtude do afastamento ter ocorrido em razão de acidente do trabalho, a Lei determina o pagamento de metade do FGTS e o cômputo de metade do período de afastamento para fins de férias.

51872 FGV (2017) - TRT - 12ª Região (SC) - Analista Judiciário - Área Administrativa / Administração Geral

Após o estágio probatório, um servidor foi convidado a ser o novo gerente de planejamento da organização, pois sua performance nas funções administrativas foi excepcional.

Em relação à função administrativa organização, é correto afirmar que:

  • a)
    faz a distribuição das tarefas, das autoridades e dos recursos entre os membros da organização;
  • b)
    é o planejamento dos objetivos e estratégias para alcançá-los;
  • c)
    direciona as pessoas para o desenvolvimento de suas atividades;
  • d)
    monitora e assegura que os objetivos definidos estão sendo alcançados;
  • e)
    é uma capacidade individual de colocar os documentos nos lugares certos, manter a mesa limpa e os e-mails em dia.