440 resultados encontrados para . (0.009 segundos)

53179 FGV (2017) - MPE-BA - Analista Técnico - Tecnologia da Informação / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Na fala do personagem-pai na charge há um erro de acentuação no vocábulo “quê”; a frase em que ocorre o mesmo erro ortográfico é:

  • a)
    Há um quê de estranho em tudo isso.
  • b)
    Os políticos roubam, por quê?
  • c)
    O quê? Não estou escutando bem...
  • d)
    O quê da palavra “quero” está mal grafado.
  • e)
    Por quê você não veio, por quê?

53180 FGV (2017) - MPE-BA - Analista Técnico - Engenheiro Florestal / Legislação Estadual

A Lei Orgânica Nacional do Ministério Público (Lei nº 8.625/93) dispõe sobre normas gerais para a organização do Ministério Público dos Estados.

De acordo com o citado diploma normativo, os Centros de Apoio Operacional são órgãos:

  • a)
    de execução, competindo-lhes apresentar ao Procurador Geral de Justiça, na primeira quinzena de fevereiro, relatório com dados estatísticos sobre as atividades das Procuradorias e Promotorias de Justiça, relativas ao ano anterior;
  • b)
    de execução, incumbindo-lhes orientar e fiscalizar as atividades funcionais e da conduta dos membros do Ministério Público, podendo, para tal, realizar correições e inspeções nas Promotorias e Procuradorias de Justiça;
  • c)
    auxiliares destinados a realizar cursos, seminários, congressos, simpósios, pesquisas, atividades, estudos e publicações, visando ao aprimoramento profissional e cultural dos membros da instituição, de seus auxiliares e funcionários, bem como a melhor execução de seus serviços;
  • d)
    auxiliares da atividade funcional do Ministério Público, competindo-lhes estabelecer intercâmbio permanente com entidades ou órgãos públicos ou privados que atuem em áreas afins, para obtenção de elementos técnicos especializados necessários ao desempenho de suas funções;
  • e)
    auxiliares de natureza transitória, incumbindo-lhes realizar a seleção de candidatos ao ingresso na carreira do Ministério Público e o acompanhamento dos Promotores Substitutos durante o estágio probatório.

53181 FGV (2017) - MPE-BA - Analista Técnico - Engenheiro Florestal / Português

Mostrar/Esconder texto associado

“Coesão e rumo. Exatamente o que falta ao nosso querido país".

Sobre esse segmento do texto 1, é correto afirmar que:

  • a)
    as duas palavras iniciais representam a mesma coisa, daí que o texto expresse no singular “o que falta”;
  • b)
    o advérbio “exatamente” tem valor irônico, já que se trata de uma ausência negativa;
  • c)
    o possessivo “nosso” se justifica por abarcar o cronista e a imensa maioria de seus leitores;
  • d)
    o termo “querido país” se refere ao Brasil, de forma explícita, e à China, de forma implícita;
  • e)
    o segundo período desse segmento funciona como explicação vocabular dos termos anteriores.

53182 FGV (2017) - MPE-BA - Assistente Técnico - Administrativo / Administração Geral

Quando da elaboração do orçamento anual por uma entidade pública, dois elementos se destacam: as receitas e as despesas.

Quando se diz que a previsão das receitas arrecadadas limita a proposição do gasto público, há uma referência direta ao princípio orçamentário do(a):

  • a)
    não vinculação das receitas;
  • b)
    orçamento bruto;
  • c)
    universalidade;
  • d)
    publicidade;
  • e)
    equilíbrio.

53184 FGV (2017) - MPE-BA - Analista Técnico - Engenheiro Sanitarista / Engenharia Sanitária

A critério do órgão ambiental competente, mediante decisão fundamentada em parecer técnico, poderá ser admitido procedimento simplificado de licenciamento ambiental para Projetos de Assentamentos de Reforma Agrária.

Nesse caso, será exigido o:

  • a)
    Projeto Único de Licenciamento Agrário;
  • b)
    Relatório Ambiental Simplificado;
  • c)
    Projeto de Instalação e Operação Agroindustrial;
  • d)
    Relatório de Viabilidade Ambiental;
  • e)
    Relatório de Impacto de Reforma Agrária.

53185 FGV (2017) - MPE-BA - Analista Técnico - Engenheiro Sanitarista / Engenharia Sanitária

Em uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), o nível de tratamento primário inclui unidades de:

  • a)
    carvão ativado, misturadores e redes;
  • b)
    tratamento biológico, decantadores secundários e membranas;
  • c)
    grade primária, caixas de areia e pré-filtro;
  • d)
    decantadores primários, digestores e secagem do lodo;
  • e)
    troca iônica, precipitação química e flotação.

53186 FGV (2017) - MPE-BA - Analista Técnico - Engenheiro Florestal / Engenharia Florestal

Na manipulação gênica, o corte e a ligação de diferentes fragmentos de DNA podem ser efetuados, respectivamente, por meio de:

  • a)
    bisturis e tricotecenos de Fusarium;
  • b)
    marcadores e Clostridium botulinum;
  • c)
    enzimas de restrição e DNA ligases;
  • d)
    biorreatores e Bacillus thuringiensis;
  • e)
    descargas elétricas e fusão in vitro.

53187 FGV (2017) - MPE-BA - Analista Técnico - Engenheiro Florestal / Engenharia Florestal

A habilidade de regeneração de um órgão ou tecido, a partir de uma célula vegetal, é conhecida como:

  • a)
    fisiovalência;
  • b)
    ambivalência;
  • c)
    equipotência;
  • d)
    totipotência;
  • e)
    amplivalência.

53188 FGV (2017) - MPE-BA - Analista Técnico - Estatístico / Estatística

Suponha que a qualidade de um produto está sendo testada com a ajuda da distribuição Geométrica. Para tanto, diversas unidades são testadas em sequência até que haja uma falha. O conjunto de hipóteses é o seguinte:

Ho: p ≥ 0,25 contra Ha: p

onde p é a probabilidade de falha do produto.

O critério de decisão é bem simples, rejeitando-se Ho quando a primeira falha ocorre depois da 3ª prova. Logo é fato que:

  • a)

    o nível de significância do teste é de 5%;

  • b)

    a probabilidade de ocorrência do erro do tipo I é ;

  • c)

    se p = 0,2 a probabilidade de um erro do tipo II é ;

  • d)

    o grau de confiança associado ao teste é de ;

  • e)

    o valor da potência do teste para p = 0,5 é igual a .

53189 FGV (2017) - MPE-BA - Analista Técnico - Estatístico / Estatística

O número de policiais assassinados nas cidades brasileiras tem despertado a preocupação dos especialistas. Para uma amostra de 16 cidades, a média mensal de policiais mortos foi de 12. Embora discreta, supõe-se que tal variável possa ser aproximada por uma Normal, sobre a qual é sabido que:

onde ∅ é a função distribuição acumulada da normal padrão.

Se o desvio padrão verdadeiro do número de óbitos é dado, igual a seis, é correto afirmar que:

  • a)
    ao nível de significância de 10%, o número de homicídios estará entre 9 e 15, inclusive;
  • b)
    considerando apenas o limite superior, com grau de confiança de 97,5%, o número de óbitos será superior a 18;
  • c)
    a variância da média de homicídios é superior a quatro;
  • d)
    considerando apenas o limite inferior, com grau de confiança de 90%, o número de óbitos será inferior a 10;
  • e)
    ao nível de significância de 5%, o número de homicídios estará entre 9 e 15, exclusive.