Notice (8): Undefined variable: description_for_layout [APP/View/Layouts/default.ctp, line 16] - 168 questões grátis para resolução." /> Notice (8): Undefined variable: description_for_layout [APP/View/Layouts/default.ctp, line 34] - 168 questões gratuitas para resolução." />
168 resultados encontrados para . (0.008 segundos)

00391 FCC (2011) - INFRAERO - Analista de Sistemas - Administrador de Banco de Dados / Banco de Dados

No âmbito da descoberta do conhecimento (KDD), a visão geral das etapas que constituem o processo KDD (Fayyad) e que são executadas de forma interativa e iterativa apresenta a seguinte sequência de etapas:
  • a)
    seleção, pré-processamento, transformação, data mining e interpretação/avaliação.
  • b)
    seleção, transformação, pré-processamento, interpretação/avaliação e data mining.
  • c)
    data warehousing, star modeling, ETL, OLAP e data mining.
  • d)
    ETL, data warehousing, pré-processamento, transformação e star modeling.
  • e)
    OLAP, ETL, star modeling, data mining e interpretação/avaliação.

00504 FCC (2011) - INFRAERO - Analista de Sistemas - Gestão de TI / Governança de TI

Em relação ao CMMI-DEV 1.2 e MPS.BR, é correto afirmar:
  • a)
    Todos os requisitos das áreas de processo do Modelo de Referência (MR-MPS) estão presentes no CMMI-DEV.
  • b)
    O processo Gerência de Portfólio de Projetos, do MR-MPS encontra sua equivalência no PPQA (Process and Product Quality Assurance), do nível Gerenciado do CMMI-DEV.
  • c)
    Na área Organizational Training do CMMI-DEV, o processo Staff Acquisition encontra correspondência no processo Gerência de Recursos Humanos no nível E do MR-MPS.
  • d)
    O processo Knowledge Management, do nível 3 - Definido, do CMMI-DEV, não existe no MPS-BR.
  • e)
    No nível E do MR-MPS existe o processo Gerência de Reutilização que não existe no CMMI-DEV.

00549 FCC (2011) - INFRAERO - Analista - Gestão de TI / Governança de TI

Os modelos CMMI refletem os níveis de capacidade e os níveis de maturidade avaliados, respectivamente, numa escala de
  • a)
    1 até 5, para representação por estágio, e de 1 até 5, para representação contínua.
  • b)
    1 até 5, para representação contínua, e de 0 até 5, para representação por estágio.
  • c)
    1 até 5, para representação por estágio, e de 0 até 5, para representação contínua.
  • d)
    0 até 5, para representação contínua, e de 1 até 5, para representação por estágio.
  • e)
    0 até 5, para representação por estágio, e de 1 até 5, para representação contínua.

00551 FCC (2011) - INFRAERO - Analista de Sistemas - Arquitetura de Software / Governança de TI

Os projetos da organização mostram que os processos são planejados e executados de acordo com as políticas estabelecidas; são contratadas, para os projetos, pessoas qualificadas que possuem os recursos adequados para a produção de saídas controladas. Tais definições, no CMMI, refletem o nível de maturidade:
  • a)
    1 - Initial.
  • b)
    2 - Managed.
  • c)
    3 - Defined.
  • d)
    4 - Quantitatively Managed.
  • e)
    5 - Optimizing.

00564 FCC (2011) - INFRAERO - Analista de Sistemas - Desenvolvimento e Manutenção / Governança de TI

O CMMI-DEV (versão 1.2) dispõe de diretrizes para monitorar, mensurar e gerenciar processos de desenvolvimento. Um dos principais componentes da estrutura do CMMI é a Área de Processos, que se trata de
  • a)
    um conjunto de práticas inter-relacionadas que, quando executadas coletivamente, satisfazem um conjunto de metas consideradas importantes para realizar melhorias significativas em uma determinada área.
  • b)
    especificamente metas relacionadas a uma determinada área de processo, que descrevem o que deve ser realizado para assegurar que esta esteja efetivamente implementada.
  • c)
    metas comuns apenas, compartilhadas por múltiplas áreas de processo, que, quando atingidas dentro de uma área de processo específica, podem indicar se está sendo planejada e implementada de forma efetiva, replicável e controlada.
  • d)
    descrições das atividades consideradas importantes para atingir suas respectivas metas genéricas e que garantem a institucionalização efetiva, repetível e controlada das áreas de processo.
  • e)
    descrições das atividades consideradas importantes para o atendimento de suas respectivas metas específicas. Podem ser detalhadas em subpráticas e possuem como saídas os produtos de trabalho típicos.

00565 FCC (2011) - INFRAERO - Analista de Sistemas - Desenvolvimento e Manutenção / Governança de TI

Na abordagem de implementação por estágios, representam áreas de processo que precisam ser desenvolvidas para que o nível de maturidade 2 do CMMI seja atingido pela organização:
  • a)
    Inovação e Disseminação Organizacional (OID) e Análise e Resolução de Causas (CAR).
  • b)
    Gestão de Requisitos (REQM) e Planejamento do Projeto (PP).
  • c)
    Desempenho do Processo Organizacional (OPP) e Gestão Quantitativa do Projeto (QPM).
  • d)
    Desenvolvimento de Requisitos (RD) e Foco no Processo Organizacional (OPF).
  • e)
    Gestão de Riscos (RSKM) e Gestão Integrada do Projeto (IPM).

00566 FCC (2011) - INFRAERO - Analista de Sistemas - Desenvolvimento e Manutenção / Governança de TI

O MPS.BR (Melhoria de Processo do Software Brasileiro) segue as principais abordagens internacionais para definição, avaliação e melhoria de processos de software para atender de forma adequada ao contexto das empresas brasileiras. Sobre esse modelo, é correto afirmar que
  • a)
    foi criado no Uruguai para atender ao MERCOSUL e melhorado no Brasil pela Petrobras.
  • b)
    não possui forte interação Universidade-Empresa.
  • c)
    possui avaliação anual das empresas implantadas.
  • d)
    seu principal ponto fraco é não possuir compatibilidade plena com CMMI e com normas ISO/IEC.
  • e)
    possui sete níveis de maturidade, o que possibilita uma implantação mais gradual e adequada a pequenas empresas.

00933 FCC (2011) - INFRAERO - Analista de Sistemas - Arquitetura de Software / Governança de TI

Considere:
I. As descrições dos modelos de ciclo de vida a serem utilizados nos projetos da organização são estabelecidas e mantidas.
II. As informações e os dados relacionados ao uso dos processos padrão para projetos específicos existem e são mantidos.
No MPS.Br, I e II são resultados esperados, respectivamente, nos processos:
  • a)
    Gerência de projetos; Avaliação e melhoria do processo organizacional.
  • b)
    Desenvolvimento para reutilização; Garantia da qualidade.
  • c)
    Desenvolvimento de requisitos; Projeto e construção do produto.
  • d)
    Análise de causas de problemas e resolução; Garantia da qualidade.
  • e)
    Definição do processo organizacional e avaliação; Melhoria do processo organizacional.

00934 FCC (2011) - INFRAERO - Analista de Sistemas - Desenvolvimento e Manutenção / Governança de TI

Representam áreas de processo que precisam ser desenvolvidas para que o nível de maturidade F do MPS.BR seja atingido pela organização:
  • a)
    Inovação e implantação na organização e Análise de causas e resolução.
  • b)
    Análise de decisão e resolução e Gerência de riscos.
  • c)
    Treinamento, avaliação e melhoria do processo organizacional, Definição do processo organizacional e Adaptação do processo para gerência de projeto.
  • d)
    Medição, Gerência de configuração, Aquisição e Garantia da qualidade.
  • e)
    Gerência de requisitos e Gerência de projetos.

02280 FCC (2011) - INFRAERO - Analista - Segurança da Informação / Redes de Computadores

São capacidades que estão dentro do escopo de um firewall, EXCETO:
  • a)
    Definir um único ponto de estrangulamento para manter usuários não autorizados fora da rede protegida.
  • b)
    Proteger contra a transferência de programas ou arquivos infectados com vírus.
  • c)
    Oferecer um local para monitorar eventos relacionados à segurança. Auditorias podem ser implementadas no sistema de firewall.
  • d)
    Servir como uma plataforma para o IPSec. O firewall pode ser usado para implementar redes virtuais privadas.
  • e)
    Proibir que serviços potencialmente vulneráveis entrem ou saiam da rede e oferecer proteção contra diversas tipos de ataques de falsificação e roteamento do IP.