397 resultados encontrados para . (0.010 segundos)

50600 Quadrix (2017) - SEE-DF - Professor - Filosofia / Filosofia e Ética

Mostrar/Esconder texto associado

Em Descartes há a noção de “Eu”, central para a ideia de cogito, enquanto em Kant não há um “Eu”.

  • Certo
  • Errado

50601 Quadrix (2017) - SEE-DF - Professor - Filosofia / Filosofia e Ética

Mostrar/Esconder texto associado

Assim como Descartes, Kant usa o método dedutivo para chegar às suas conclusões acerca do entendimento humano, de suas capacidades e alcances.

  • Certo
  • Errado

50602 Quadrix (2017) - SEE-DF - Professor - Filosofia / Filosofia e Ética

Mostrar/Esconder texto associado

Um conceito central na moral existencialista é o de responsabilidade, que se correlaciona com os conceitos de consciência e liberdade.

  • Certo
  • Errado

50603 Quadrix (2017) - SEE-DF - Professor - Filosofia / Filosofia e Ética

Mostrar/Esconder texto associado

Nietzsche defende, como Kant, que se faz necessária a universalização de uma ação para que ela possa ser considerada boa.

  • Certo
  • Errado

50604 Quadrix (2017) - SEE-DF - Professor - Filosofia / Filosofia e Ética

Mostrar/Esconder texto associado

O atomismo pré-socrático teve ampla aceitação na Grécia Antiga, assim como na Idade Média, sendo uma das correntes de pensamento mais importantes a respeito do mundo natural do período.

  • Certo
  • Errado

50605 Quadrix (2017) - SEE-DF - Professor - Filosofia / Filosofia e Ética

Mostrar/Esconder texto associado

Platão retoma o construto de Não-Ser em sua filosofia do conhecimento, atribuindo o Não-Ser a uma discrepância entre o juízo humano e a existência concreta do mundo das ideias.

  • Certo
  • Errado

50870 FGV (2017) - OAB - Exame de Ordem Unificado / Filosofia e Ética

Mostrar/Esconder texto associado

A ideia de vontade geral, apresentada por Rousseau em seu livro Do Contrato Social, foi fundamental para o amadurecimento do conceito moderno de lei e de democracia. Assinale a opção que melhor expressa essa ideia conforme concebida por Rousseau no livro citado.

  • a)
    A soma das vontades particulares.
  • b)
    A vontade de todos.
  • c)
    O interesse particular do soberano, após o contrato social.
  • d)
    O interesse em comum ou o substrato em comum das diferenças.

50871 FGV (2017) - OAB - Exame de Ordem Unificado / Filosofia e Ética

Juliana é integrante da equipe de recursos humanos de certa sociedade anônima, de grande porte, cujo objeto social é o comércio de produtos eletrônicos. Encontrando-se vago um cargo de gerência jurídica, Juliana organizou processo seletivo, tendo recebido os currículos de três candidatas. A primeira delas, Mariana, é advogada regularmente inscrita na OAB, tendo se especializado em Direito Penal. A segunda, Patrícia, não é graduada em Direito, porém é economista e concluiu o doutorado em direito societário e mercado de capitais. A terceira, Luana, graduada em Direito, foi aprovada no exame da OAB e concluiu mestrado e doutorado. É conselheira de certo tribunal de contas estadual, mas encontra-se afastada, a pedido, sem vencimentos. Considerando a situação narrada, assinale a afirmativa correta.

  • a)
    Qualquer das candidatas poderá exercer a função de gerência jurídica, mas apenas Mariana poderá subscrever os atos privativos da advocacia.
  • b)
    Qualquer das candidatas poderá exercer a função de gerência jurídica, mas apenas Mariana e Luana poderão subscrever os atos privativos da advocacia.
  • c)
    Apenas Mariana poderá exercer a função de gerência jurídica.
  • d)
    Apenas Mariana e Luana poderão exercer a função de gerência jurídica.

52147 Quadrix (2017) - CONTER - Recepcionista / Filosofia e Ética

A respeito de ética e moral, assinale a alternativa correta.

  • a)
    A ética está contida na reflexão e a moral está contida na ação.
  • b)
    A ética, por ter caráter subjetivo na Administração Pública, deve ser seguida de acordo com ideia, pensamento e interesse individual.
  • c)
    A ética orienta o homem a realizar a melhor conduta, tendo em vista o interesse individual.
  • d)
    A moral nem sempre deve estar presente nas ações dos servidores públicos, pois pode atrapalhar a agilidade e a boa prestação dos serviços públicos.
  • e)
    O servidor público pode desprezar o elemento ético, devendo analisar apenas o que é legal e ilegal.

52205 IBFC (2017) - SEDUC-MT - Professor - Filosofia / Filosofia e Ética

Leia o excerto e as proposições a seguir:

“Há uma infinidade de sombras do mesmo cubo, todas verdadeiras. Mas quem, submetido, limitado à sombra, poderá compreender que tais aparências são aparências do mesmo ser? [...] Retenhamos o exemplo fácil do cubo, desse cubo que nenhum olho viu e jamais verá como ele é, mas que apenas por ele o olho pode ver um cubo, isto é, reconhecê-lo sob suas diversas aparências. E digamos ainda que, se vejo um cubo, e se compreendo o que vejo, não há aqui dois mundos, nem duas vidas; mas trata-se de um único mundo e uma única vida. O verdadeiro cubo não está distante, nem próximo, nem alhures; mas é ele que sempre fez que esse mundo visível seja e tenha sido sempre verdadeiro." (Alain, “A Caverna")

Analise as afirmativas abaixo, dê valores Verdadeiro ( V ) ou Falso ( F ).

( ) As percepções que se possa ter do cubo são sempre parciais, particulares e pessoais, enquanto a ideia de cubo é completa, universal e impessoal.

( ) As percepções variam e são tão diversas que o mundo visível não pode ser verdadeiro, sendo assim apenas uma ilusão.

( ) As percepções que se possa ter do cubo são menos reais do que o discurso que enuncia a definição de cubo.

( ) Todas as percepções que se possa ter do cubo são verdadeiras porque a ideia de cubo é a reunião de todas as percepções do cubo.

( ) Tudo aquilo que pode ser percebido diretamente pelos sentidos constitui a própria realidade das coisas.

( ) Tudo aquilo que pode ser percebido diretamente pelos sentidos é fidedigno enquanto aparência.

Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta de cima para baixo.

  • a)
    V, F, V, F, F, V
  • b)
    F, V, V, V, F, F
  • c)
    V, F, V, V, F, F
  • d)
    F, V, F, V, V, F
  • e)
    V, F, F, F, V, V