2539 resultados encontrados para . (0.010 segundos)

53495 UFPR (2017) - UFPR - Vestibular / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Considere o trecho que vem na sequência da fala de Castanhari.

E outra coisa que você podia fazer é não apoiar pessoas de políticas do mal ou contra os refugiados da Síria. Porque no meio disso tudo tem pessoas ignorantes que dizem que os refugiados da Síria são todos terroristas. Porque no meio disso tudo, o que as pessoas precisam é de países dispostos a estender a mão para elas. Porque no meio de todo esse sofrimento, dessa guerra, de toda essa morte, a única esperança que um refugiado tem de ter uma vida normal está nas mãos de um país vizinho disposto a estender a mão pra essa pessoa. [...]

Assinale a alternativa que sintetiza o trecho em formato de discurso indireto.

  • a)
    O youtuber propõe uma política internacional de defesa dos refugiados contra as ameaças de morte que eles encaram em países vizinhos, pois na maioria dos casos esses refugiados são considerados terroristas, e isso põe a comunidade internacional em estado de alerta contra ataques.
  • b)
    Nós, brasileiros, podemos ajudar e lutar contra os políticos sírios que rotularam estrategicamente os refugiados como terroristas. A ajuda está em nossas mãos, pois além dos países vizinhos, os países de outros continentes são também responsáveis pelo acolhimento.
  • c)
    Felipe Castanhari defende que os brasileiros podem colaborar. Apesar de haver pessoas que consideram os refugiados terroristas, eles precisam de ajuda, pois sua única esperança pode estar na solidariedade de outros países.
  • d)
    Os usuários do YouTube concordam com Felipe Castanhari quanto à proposta de que eles precisam diferenciar os bons políticos – que defendem ajuda humanitária de qualquer país, inclusive os mais distantes – dos maus políticos, que consideram os refugiados terroristas.
  • e)
    Os refugiados precisam de ajuda, pois não há condições de vida no país. Você e os usuários do YouTube fazem parte dos países que podem ajudar com amparo humanitário, desfazendo o equívoco internacional do juízo desses refugiados como terroristas.

53496 UFPR (2017) - UFPR - Vestibular / Português

Mostrar/Esconder texto associado

O que distingue centralmente o texto A do texto B é:

  • a)
    o caráter de seriedade atribuído aos memes no texto A em contraste com o de zoeira no texto B.
  • b)
    a crítica de caráter político atribuída aos memes no texto A em contraste com a crítica de caráter social no texto B.
  • c)
    a referência a alguma forma de efeito produzido pelos memes, presente no texto B, em contraste com sua ausência no texto A.
  • d)
    a crítica aos memes como prática com limites de alcance, explicitada no texto A, em contraste com a ausência dessa crítica no texto B.
  • e)
    a larga circulação dos memes apresentada no texto A em contraste com sua fixidez e imobilidade apresentadas no texto B.

53497 UFPR (2017) - UFPR - Vestibular / Português

Mostrar/Esconder texto associado

Com relação à palavra “sobras” citada na última frase do texto, é correto afirmar que refere:

  • a)
    os recursos humanos da TV.
  • b)
    os negros pós-abolição.
  • c)
    a sociedade manipulada pela TV.
  • d)
    os profissionais da tecnologia televisiva.
  • e)
    os líderes abolicionistas.

53498 UFPR (2017) - UFPR - Vestibular / Literatura

“Canção para álbum de moça":

Considerando o poema acima e o livro de que ele é parte integrante – Claro Enigma (1951), de Carlos Drummond de Andrade –, assinale a alternativa correta.

  • a)
    O poema apresenta a esperança de interação do eu-lírico com uma moça, sem deixar de lado os sentimentos perturbadores que contrastam com a aparente alegria do emissor.
  • b)
    O poema em questão guarda semelhanças com outro poema do mesmo livro, “Tinha uma pedra no meio do caminho”, o que se observa pela insistência num só tema e pela repetição dos versos.
  • c)
    A palavra “canção”, no título, e o repetido cumprimento “bom-dia” criam uma atmosfera de leveza e romantismo presente também no poema “A mesa”, que descreve a rotina familiar.
  • d)
    Observa-se uma mudança na atitude do eu-lírico quando a moça responde a seu cumprimento: de triste e inquieto, passou a se sentir alegre e túrbido pela resposta que transformou o seu dia.
  • e)
    A cotidianidade da vida moderna se mostra nesse diálogo marcado pelo ritmo frenético dos versos futuristas e pela velocidade do eu-lírico que se desloca por um cenário urbano.

53499 UFPR (2017) - UFPR - Vestibular / História

Mostrar/Esconder texto associado

Com base no texto acima e nos conhecimentos sobre o mundo muçulmano na Idade Média, assinale a alternativa correta.

  • a)
    Foi justamente em função do seu caráter religioso fragmentado que o mundo muçulmano e a sua civilização distinguiram-se mais vigorosamente do Ocidente cristão, fortemente homogêneo. A existência, no seio do Império Muçulmano, de numerosas tendências religiosas teve consequências consideráveis na produção de manuscritos.
  • b)
    Apesar da sua hegemonia nas ciências durante o período medieval, a civilização muçulmana era, afinal, um simples conjunto díspar de empréstimos culturais, o qual não conseguia refletir o novo universalismo e a nova ordem social que se instaurou com o surgimento do Islã.
  • c)
    Durante esse período, cidades como Córdoba, Bagdá e Alexandria, entre outras, se tornaram centros de intercâmbio de conhecimentos. Tratava-se de um circuito cosmopolita do qual a Europa, periférica e tragada por diversas crises religiosas, não participou.
  • d)
    A Idade Média foi um período caraterizado pelo domínio efetivo, militar e político, dos países muçulmanos sobre os países cristãos. Um domínio caracterizado, entre outras coisas, pela presença hegemônica da língua árabe nos espaços comerciais, políticos e acadêmicos da Europa.
  • e)
    Existe consenso entre a maioria dos historiadores que estudam o período de que a emergência do horizonte renascentista deve muito ao trabalho dos sábios e acadêmicos muçulmanos, conhecidos pelo mundo cristão, sobretudo, através da Península Ibérica.

53500 UFPR (2017) - UFPR - Vestibular / Física

Uma orquestra é formada por instrumentos musicais de várias categorias. Entre os instrumentos de sopro, temos a flauta, que é, essencialmente, um tubo sonoro aberto nas duas extremidades. Uma dessas flautas tem comprimento L = 34 cm. Considere que a velocidade do som no local vale vsom = 340 m/s. Levando em consideração os dados apresentados, assinale a alternativa que apresenta corretamente o valor da menor frequência (chamada de frequência fundamental) que essa flauta pode produzir.

  • a)
    100 Hz.
  • b)
    250 Hz.
  • c)
    500 Hz.
  • d)
    1000 Hz.
  • e)
    1500 Hz.

53501 UFPR (2017) - UFPR - Vestibular / Química

O desenho abaixo ilustra como ocorre uma transformação química em que a espécie A (esferas cinzas) reage com a espécie B (esferas pretas), de modo a formar uma nova substância.

Qual é a equação química que descreve de maneira correta a reação que está esquematizada no desenho?

  • a)

    A2 + B → A2B

  • b)

    A2 + 4B → 2AB2

  • c)

    2A + B4 → 2AB2

  • d)

    A + B2 → AB2

  • e)

    A4 + B4 → 4AB

53502 UFPR (2017) - UFPR - Vestibular / Matemática

A figura abaixo representa o quadrilátero do plano cartesiano delimitado pelo eixo das abscissas e pelo gráfico das seguintes funções:

Qual é a área desse quadrilátero?

  • a)
    75.
  • b)
    88.
  • c)
    95.
  • d)
    100.
  • e)
    128.

53503 UFPR (2017) - UFPR - Vestibular / Química

Os mexilhões aderem fortemente às rochas através de uma matriz de placas adesivas que são secretadas pela depressão distal localizada na parte inferior do seu pé. Essas placas adesivas são ricas em proteínas, as quais possuem em abundância o aminoácido LDopa. Esse aminoácido possui, em sua cadeia lateral, um grupo catechol (dihidroxibenzeno), que tem papel essencial na adesão do mexilhão à superfície rochosa. A figura ilustra um esquema da placa adesiva do mexilhão e um esquema da principal interação entre o grupo catechol e a superfície do óxido de titânio, que representa uma superfície rochosa.

A adesão do mexilhão à rocha deve-se principalmente à interação intermolecular do tipo:

  • a)
    ligação de hidrogênio.
  • b)
    interação íon-dipolo.
  • c)
    dispersão de London.
  • d)
    interação eletrostática.
  • e)
    dipolo permanente-dipolo induzido.

53504 UFPR (2017) - UFPR - Vestibular / Química

O aroma das flores é uma combinação de diversas substâncias orgânicas voláteis. Para cada flor, uma combinação específica de substâncias voláteis determina o aroma característico. A seguir, estão apresentadas algumas substâncias orgânicas presentes no aroma de algumas flores comuns.

A função cetona está presente nas substâncias que compõem o aroma de:

  • a)
    cravos apenas.
  • b)
    jacintos e lírios.
  • c)
    violetas e rosas.
  • d)
    rosas e lírios.
  • e)
    cravos, jacintos, lírios, violetas e rosas.